7

Decidi reescrever uns 300 arquivos que vou utilizar num projeto, pois eles foram escritos originalmente direto no google docs, e quando salvo como HTML e tento incluir com requireou include, as CSS's interferem entre si (e tbm porque gera um monte de CSS inútil, o HTML é todo zoado com um monte de classes...).

Enfim, como são muitos e ainda tendem a aumentar, estou tentando utilizar as "melhores" tags pra reescrever estes arquivos, e pesquisando encontrei várias páginas com a mesma afirmação:

A tag recomendada para o SEO é o strong em inglês strong significa forte ou seja, vai deixar a palavra forte e bold significa negrito, então se você usar b em suas postagens será apenas uma palavra em negrito e não uma palavra que deva ser diferenciada pelos robos de buscas da google.

Isso não fez muito sentido pra mim. Que diferença isso pode fazer na ordem de resultados das pesquisas por exemplo?

Eu já estava utilizando <strong>, e fui pesquisar porque comecei a pensar em fazer com <b>, economizando assim tempo de digitação, tamanho do código etc. (inclusive tem esta pergunta relacionada que explica bem a diferença semântica, mas não aborda a relação disso com ).

Então o que gostaria de saber é se realmente existe diferença na utilização de tags de edição de texto HTML (de grifo, itálico ou qualquer outra) para SEO, e qual o resultado prático disso.

Uma página vai ficar melhor rankeada nos resultados por deixar de usar <b> e passar a usar <strong> por exemplo?

  • 2
    Visualmente falando <b> é igual a <strong> que é igual a <span style="font-weight: bold">. Diziam antigamente que <strong> era a melhor opção para SEO, mas parece que hoje em dia não faz diferença, sendo o conteúdo em si que faz a diferença. Veja esse comentário. Também dê uma olhada no guia de SEO do Google aqui. – user622 30/06/15 às 1:33
  • Então, eu também achava que só o conteúdo fazia diferença, mas depois de ver tantas vezes essa afirmação fiquei em dúvida... Vi que aquele comentário remete a um vídeo do Matt Cuts, mas meu inglês :/ Ele fala que não faz diferença? To lendo aqui o guia, valeu, não tinha me aprofundado ainda em SEO, e to achando muito legal. Se quiser postar como resposta vale pelo menos +1. Abraço. – gustavox 30/06/15 às 2:16
1

O Google não diz nada sobre esse aspecto, mas isso não irá contribuir nada para o SEO.
As coisas mais importantes a considerar é a estrutura da página (usar tags corretamente, H1 para cabeçalhos, secções, etc...), meta tags e URLs.

É a mesma coisa que usar classes/ids com nomes descritivos no HTML/CSS como por exemplo, se eu tivesse uma loja de animais e estiver a utilizar classes e ids como no exemplo abaixo, isto só vai fazer com que o código fique mais bonito e seja mais fácil e claro para a sua leitura. Mas não irá ajudar no SEO:

#menu.gato.cao { ... }
#menu.avestruz.animais.etc { ... }

O Google prefere sites que carregem rápido, que têm boa estrutura e que têm URLs descritivos. Estes são os aspectos nos quais nos devemos focar.

Podes ler mais informações sobre este tópico em: Você precisa de um SEO?

  • 1
    Então não faz diferença mesmo... valeu.+1 Só complementando, você tem alguma ideia de qual a chance de uma delas ser depreciada em função da outra no futuro? Por exemplo, vc apostaria que a <b>ou a <strong> irá "sobreviver"? (Nem vou abrir uma pergunta sobre isso porque a resposta seria baseada em opinões etc e a pergunta rapidamente seria fechada hehe)... Nem precisa explicar, só pra ter uma ideia mesmo... Valeu. – gustavox 30/06/15 às 3:04
  • 1
    É verdade, acho que será mais baseada em opiniões. A minha opinião sobre isso é que nenhuma delas irá desaparecer, assim como o <i> também já esteve para ser removido e não o chegaram a remover. – Cʜᴜɴ 30/06/15 às 3:08

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.