13

Tenho uma função chamada por dois elementos HTML diferentes e cada um dos elementos chama a função através de um determinado evento.

$("#tempoInicial").on("blur", manipulaTempoFinal);
$("#operadorTempo").on("change", manipulaTempoFinal);

function manipulaTempoFinal() {
    var tempoInicial = $("#tempoInicial");
    var operador = $("#operadorTempo");
    if (operador.val() == "4" && tempoInicial.val() != "") {
        tempoFinal.removeAttr("disabled");
        $("#tempoInicial, #operadorTempo").rules("remove", "skip_or_fill_minimum");
        $("#tempoInicial, #operadorTempo, #tempoFinal").rules("add", {
            require_from_group: [3, ".temposOperadorWeb"],
            messages: {
                require_from_group: "Ao entrar com tempo inicial e escolher o operador \"Entre\" o campo tempo final passa a ser obrigatório."
            }
        });
    } else {
        tempoFinal.attr("disabled", "disabled");
        tempoFinal.val("");
        $("#tempoInicial, #operadorTempo, #tempoFinal").rules("remove", "require_from_group");
        $("#tempoInicial, #operadorTempo").rules("add", {
            skip_or_fill_minimum: [2, ".temposOperadorWeb"],
            messages: {
                skip_or_fill_minimum: "Ao preencher o tempo inicial selecione o operador ou vice-versa."
            }
        });
    }
}

Existe algum jeito de na função manipulaTempoFinal eu identificar quem chamou-a e/ou qual evento?

2 Respostas 2

9

Os listeners de evento do jQuery recebem um parâmetro com a referência para um objeto que representa o evento. Esse objeto possui os atributos type e target, os quais contém o tipo do evento e o elemento que originalmente recebeu a ação, respectivamente.

Além disso, dentro da função, o objeto representado por this faz referência ao elemento que está tratando o evento, não sendo necessariamente o mesmo onde ocorreu o evento, mas pode ser um dos seus descendentes.

Exemplo:

function manipulador(e) {
    console.log('evento: ' + e.type);
    console.log('componente: ' + e.target);
}

$('input, select')
    .on('change', manipulador)
    .on('blur', manipulador);

Demo no Jsfiddle

Entretanto, veja este outro exemplo:

<div>
<input/>
<select>
    <option>A</option>
    <option>B</option>
</select>
<div>
function manipulador(e) {
    console.log('evento: ' + e.type);
    console.log('componente: ' + e.target);
    console.log('componente: ' + this)
}

$('div')
    .on('change', manipulador)
    .on('blur', manipulador);

Neste último exemplo, o resultado no console para um evento change seria:

evento: change

componente: [object HTMLInputElement]

componente: [object HTMLDivElement]

Note que target retornou o input que recebeu o evento, enquanto this retornou o div que tratou o evento.

Demo no Jsfiddle

  • Excelente resposta! Agregou bastante saber essa informação. Só uma pergunta, do jeito que você fez você agrega tanto ao change quando ao blur dos selects e inputs a função, correto? – Philippe Gioseffi 24/02/14 às 20:45
  • @PhilippeGioseffi Correto! – utluiz 24/02/14 às 20:49
  • 1
    @PhilippeGioseffi Note que atualizei a reposta com algumas nuances sobre event.target e this. – utluiz 24/02/14 às 20:49
  • 1
    Melhorou ainda mais mesmo a resposta, ou seja, utilizar o this nem sempre poderia resolver meu problema dependendo de como foi chamado. Obrigado mesmo pelo conhecimento! – Philippe Gioseffi 24/02/14 às 20:53
  • +1, muito mais claro. =) – OnoSendai 24/02/14 às 21:12
5

A palavra-chave this vai sempre possuir a referência ao elemento que disparou o evento.

Assim, se dentro da sua função você chamar $(this) Você obterá a referência com um envelope jQuery.

Tem um post bom no SO a respeito disso. Texto original:

In jQuery, by default, this refers to the DOM element (not a jQuery object) which triggered an event. In the [code snippet above], it is still the same DOM element, only it is wrapped in a jQuery element by wrapping $() around it. As with any argument to the jQuery constructor, passing this into the constructor transforms it into a jQuery object.

Traduzindo:

Em jQuery, por padrão, a palavra-chave this refere-se ao elemento DOM (não um objeto jQuery) que desencadeou um evento. No [trecho de código acima], ainda é o mesmo elemento DOM, só que é envolto em um elemento jQuery por possuir $() em torno dele. Como acontece com qualquer argumento para um construtor jQuery, passando este para o construtor transforma-o em um objeto jQuery.

Caso você queria saber qual evento foi disparado, você pode fazer de maneira indireta, passando um alias na chamada do evento. Exemplo:

$("#tempoInicial").on("blur", function(e) { manipulaTempoFinal('blur'); });

E a assinatura da sua função pode ficar assim:

function manipulaTempoFinal(pEvento)
[...]

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.