1

eu queria saber a diferença entre get_context_data e get_queryset.

E gostaria de saber a opinião de vocês sobre os meus códigos.

O que está certo e o que está errado neles?

https://github.com/rg3915/vendas/blob/master/vendas_project/vendas/views.py#L121-L132

class SaleDetailView(DetailView):
    template_name = 'vendas/sale/sale_detail.html'
    model = Sale

    def get_context_data(self, **kwargs):
        s = Sale.objects.get(pk=self.kwargs['pk'])
        sd = SaleDetail.objects.all().filter(sale=s)
        context = super(SaleDetailView, self).get_context_data(**kwargs)
        context['count'] = sd.count()
        context['Sale'] = s
        context['Itens'] = sd
        return context

https://github.com/rg3915/vendas/blob/master/vendas_project/vendas/views.py#L74-L88

def get_queryset(self):
    p = Product.objects.all()
    q = self.request.GET.get('search_box')
    # buscar por produto
    if q is not None:
        p = p.filter(product__icontains=q)
    # filtra produtos em baixo estoque
    if self.request.GET.get('filter_link', False):
        p = p.filter(stock__lt=F('stock_min'))
    return p

O que pode ser melhorado nesses códigos?

3

Esses métodos têm propósitos totalmente diferentes:

  • get_context_data fornece os dados do contexto a ser usado ao renderizar um template. Isso não envolve necessariamente o ORM, de modo que você poderia por exemplo criar um view que não consultasse nenhuma tabela do seu BD, apenas reunisse alguns parâmetros de alguma outra fonte e os colocasse num formato apropriado para serem usados no template.

  • get_queryset tem como objetivo criar um QuerySet "básico" que pode ou não ser "refinado" pelo código consumidor. Ou seja, se você tem alguma operação que quer fazer a todos os query sets antes dos mesmos serem usados (em um projeto passado eu pré-filtrava os modelos baseados num campo "tenant") você pode fazê-lo nesse método. O que será feito com o resultado depois, depende do caso (em um ListView, ele vai acabar sendo usado também em um template, mas outros usos sem envolver templates também seriam possíveis).

Eu não tenho experiência com views genéricas para opinar sobre seus códigos, mas à primeira vista não há nenhum problema nos mesmos, nem nada que pudesse ser melhorado. Talvez fosse possível usar uma única query para consultar a venda e seus itens, em vez de duas queries como está sendo feito, mas não tenho certeza se é possível e/ou se traria alguma vantagem significativa na performance. E o primeiro exemplo me parece que falhará se não houver venda com a chave primária consultada, você está tratando essa possibilidade de alguma forma? (i.e. para a exceção não propagar e resultar num erro 500)

  • Obrigado pela opinião @mgibsonbr – Regis da Silva 19/06/15 às 12:56

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.