1

como incluir a fonte de vídeo usando javascript sem imprimir o código final no navegador (com o inspetor de elementos)? Eu estive pensando sobre várias maneiras, mesmo julgando atualmente impossível, mas gostaria que a opinião de vocês sobre isso. Eu uso um player personalizado com css feito por mim mesmo, e eu não posso usar o flash.

  • O que queres dizer com "a fonte de vídeo"? a font do texto? ou o url do video? – Sergio 25/05/15 às 18:24
  • Você quer embedar um vídeo cuja origem não possa ver vista de forma alguma ? – DontVoteMeDown 25/05/15 às 18:59
  • fonte = source sim, aplicar talvez algum token ou qualquer coisa que só permita que meu site visualize. Só a ideia ajudaria =P mas uma orientação me tornaria um fã da pessoa kkkk =P – Rudy Jordache 26/05/15 às 17:36
  • Essa pergunta já tem um certo tempo, mas lendo ela tive uma ideia: aplicar o conceito de CORS em seu serviço que fornece o vídeo, permitindo apenas requisições de seu próprio domínio, isso talvez poderia lhe ajudar a resolver o problema de terceiros utilizarem seu vídeo? – Fernando Leal 8/10/15 às 13:58
  • Ideia interessante Fernando, vlw =D – Rudy Jordache 10/10/15 às 2:32
0

Eu penso que não seja possível fazer com que o URL do vídeo não apareça no código fonte quando o elemento é inspecionado, mas sempre podes ofuscar o código tornando-o mais difícil de ser lido a olho-nu usando ferramentas como o Source Code Encrypter etc.

Um código normal que seria:

<video width="400" controls>
    <source src="http://www.w3schools.com/html/mov_bbb.mp4" type="video/mp4">
    <source src="http://www.w3schools.com/html/mov_bbb.ogg" type="video/ogg">
    Your browser does not support HTML5 video.
</video>

Irá ficar da seguinte maneira:

<script>
<!--
document.write(unescape("%3Cvideo%20width%3D%22400%22%20controls%3E%0A%20%20%3Csource%20src%3D%22http%3A//www.w3schools.com/html/mov_bbb.mp4%22%20type%3D%22video/mp4%22%3E%0A%20%20%3Csource%20src%3D%22http%3A//www.w3schools.com/html/mov_bbb.ogg%22%20type%3D%22video/ogg%22%3E%0A%20%20Your%20browser%20does%20not%20support%20HTML5%20video.%0A%3C/video%3E"));
//-->
</script>

No entanto como podes ver, se reparares bem ainda consegues ver a origem/URL do vídeo mas podes dificultar ainda mais um pouco as coisas, como por exemplo usar serviços de encurtamento de URLs como o goo.gl ou o bit.ly para que o URL se passe por despercebido no meio de todo esse código ou criar um URL apenas para hospedagem de videos que não seja tão óbvio, como por exemplo o Twitter utiliza o t.co, se usares um URL do mesmo estilo ele não vai chamar tanta atenção quando encriptado juntamente com o resto do código.

Exemplo de domínio: http://0.me que irá ser - 0.me/meuVideo.mp4 ou 0.me/g16dfs.mp4.

document.write(unescape("%3Cvideo%20width%3D%22400%22%20controls%3E%0A%20%20%3Csource%20src%3D%22http%3A//0.me/g16dfs.mp4%22%20type%3D%22video/mp4%22%3E%0A%20%20%3Csource%20src%3D%22http%3A//0.me/g16dfs.mp4%22%20type%3D%22video/ogg%22%3E%0A%20%20Your%20browser%20does%20not%20support%20HTML5%20video.%0A%3C/video%3E"));

Ou ainda podes aumentar a quantidade de código a ser encriptado para dificultar a leitura. Contudo sempre pode chegar alguém e desencriptar o código usando ferramentas do desenvolvedor. Então isto apenas será mais efectivo para aqueles que não percebem muito de código ou que são iniciantes na área do desenvolvimento web.

  • 1
    Obrigado amigo, creio que de fato, ainda, não há condições para oq eu gostaria, mas agradeço as sugestões. =) – Rudy Jordache 8/07/15 às 18:57

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.