11

Em algumas linguagens de programação como C++ é possível fazer sobrecarga de operadores. O que é e para que serve?

12

Sobre-carga de operadores nada mais é do que alterar o comportamento de um operador da linguagem, como +, -, etc.

A função dele é mais cosmética, voltada para a simplificação da leitura e entendimento do código. Mas permite simplificar o gerenciamento de memória em alguns casos (em especial de classes imutáveis de tamanho arbitrátio, como strings).

Internamente, ele é implementado como um método tradicional, e portanto permite todas as otimizações e cabíveis de um método (além de poder ser simplesmente substituído por um).

Aplicações

Observação: mostrarei o mínimo possível de código, focando na teoria.

Como dito, a aplicação da sobre-carga de operadores é basicamente cosmética.

Exemplo: imagine que você esteja implementando sua classe MyString e deseja adicionar a funcionalidade de concatenação. Você poderia então implementar um método MyString::concat, e então utiliza-lo:

s3 = s1.concat(s2);

Graças a sobre-carga de operadores, você pode implementar um comportamento exclusivo para a classe MyString para o operador de soma +, que realiza a concatenação. Deste modo, o código acima poderia ser reescrito como:

s3 = s1 + s2;

Outro uso, é a realização do type casting implícito. Isso ocorre muito em C++ onde você pode fazer o tipo std::string receber um char*:

std::string s = "array de char";

Para que isto funcione, a classe std::string sobre-carrega o operador de atribuição = para receber um char* e retornar um std::string.

Neste caso em específico, a sobre-carga é declarada como:

string& operator= (const char* s);

Outro fator interessante, é que você pode ter vários comportamentos para o operador, dependendo dos operandos associados. Na própria classe std::string, o operador de atribuição possui 3 sobre-cargas, cada uma para um tipo específico de dado:

string& operator= (const string& str); // [1]
string& operator= (const char* s);  // [2]
string& operator= (char c); // [3]

Assim, as seguintes atribuições são válidas:

std::string s1 = "string"; // sobre-carga 2.
std::string s2 = 'a'; // sobre-carga 3.
std::string s3 = s1; // sobre-carga 1.

A conversão implícita de tipos é uma das maiores vantagens da sobre-carga de operadores. Do contrário, teriam que ser declarados métodos como os à seguir:

static string& fromStdString(const string& str); // ***
static string& fromCharArray(const char* s);
static string& fromChar(char c);

A primeira das sobre-cargas é grátis! O compilador cria ela automaticamente. Mas nada impede de ela ser escrita manualmente. Isto, de fato, é o que ocorre na std::string, pois ela é uma classe imutável e possui contadores de referências para realizar o controle de memória.

Equivalentemente sendo utilizados como:

std::string s1 = std::string::fromCharArray("string"); // sobre-carga 2.
std::string s2 = std::string::fromChar('a'); // sobre-carga 3.
std::string s3 = s1; // sobre-carga 1.

Conclusão

Sobre-carga de operadores apesar do nome complicado não é tecnologia extra-terrestre. Ela facilita várias coisas (em especial gerenciamento de memória), mas em nenhum dos casos ela é mandatória, embora possa ser facilitadora.

  • Achei sua resposta muito boa, porém adicionei mais uma dúvida para quem começar a usar esta facilidade(como eu), não cair em armadilhas e/ou cometer erros comuns. – pmargreff 2/05/15 às 20:30
  • 3
    Pra quem está aprendendo C++ e chegou até aqui, uma leitura complementar muito importante é sobre Construtores de Cópia. – Luiz Vieira 2/05/15 às 22:39
  • Perfeito. Obrigado pela resposta. :) – Avelino 3/05/15 às 20:34
2

Os operadores normais estao sobrecarredos em C tambem.

Por exemplo, o operador + serve para adicionar inteiros (42 + 12), para adicionar numeros de virgula flutuante (0.5 + 3.14159), para "avancar" um ponteiro (string + 5), ...

Mas nao 'e possivel usar o + entre, por exemplo, um ponteiro e um double

string + 3.14169 // erro

Algumas linguagens de programacao permitem definir a operacao a efectuar quando se usa um operador com operandos que nao estejam previamente definidos.

Assim podes, por exemplo, definir que somar um inteiro a uma lista acrescenta essa inteiro no fim da lista (em C terias que usar uma funcao para isso).

// exemplo teorico: nao sei C++ nem outra linguagem com esta potencialidade
Lista seq = 42;
// print seq devolve 42
seq = seq + 3;
// print seq devolve 42, 3
2

Sobrecarga de operador significa redefinir a operação que o simbolo irá realizar como o operador + de Java que para numeros inteiros realização uma soma e para strings uma concatenação o operador = em PHP que pode ter sua função modificada com métodos mágicos.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.