6

Como faço para obter o caminho do diretório no qual o script em bash está localizado, de dentro do próprio script?

#!/bin/bash

MINHADIR="caminho/para/onde/estou" # apanhar a diretoria onde estou atualmente
5

Não sei se isto responte à pergunta mas:

#!/bin/bash
echo "A script está em: $0"
echo "O invocador está em $PWD"

Update 1 imprimir o path absoluto do script

Para obter o path absoluto, começamos por juntar a diretoria actual com a directoria da script ( $PWD "=" dirname $0 "/").

Seguidamente reescrevemos (neste caso usando perl) os casos em que q directoria da script é um path relativo (./d ../../b b/c) usando substituições.

Assim sendo:

#!/bin/bash
printf "%s=%s/" $PWD `dirname $0` |         # formatar como "$PWD=$0/"
    perl -pe 'while(s!/[^/]+=\.\./!=!){};   # a/b=../c --> a=c
              s!.*=/|=\./?!=! ;             # a/b=/c --> =c ;  b=./c => b=c 
              s!=!/!; '

ou mesmo

#!/bin/bash
script_dir=$(printf .......e mais as outras 3 linhas... )    
echo $script_dir
  • Mais ou menos isso, ou seja, o $0 está a devolver a path que usei para aceder e executar o script, já o $PWD está a devolver a path onde me encontro. A ideia seria, independentemente do local onde me encontro, obter a path do script, exemplo: O seu _script_ está localizado em: /home/zuul/bash/, que é diferente da path utilizada para o executar, exemplo: O caminho utilizado para aceder ao script foi: ../../bash/. Nota: Se estiver pouco claro, avisa que edito a pergunta para clarificar a ideia. – Zuul 14/04/15 às 8:32
  • @zuul, a resposta implicita na minha resposta era: dirname $0 (podendo este ser absoluto ou relativo). Presumo portanto que precisas do path absoluto. Certo? Há também a questão da possivel existências de links simbólicos etc. que proponho que se ignore. – JJoao 14/04/15 às 9:21
  • Sim, absoluto e simbólicos ignorados... Imagina o caso em que pretendemos trabalhar com ficheiros na localização do script. – Zuul 14/04/15 às 9:25
  • 1
    @zuul, Por favor, vê se este update faz sentido. – JJoao 14/04/15 às 10:29
0

Talvez uma solução mais genérica seja:

#!/bin/bash
PROGNAME=$(basename $0)
PROGDIR=$(readlink -m $(dirname $0))

Essa também funciona para diretórios com links.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.