4

Em PHP usaria:

for($i = 3; $i <= ceil(sqrt($num)); $i = $i + 2) {
        if($num % $i == 0)
            return false;
    }

Qual a função para fazer a verificação usando JS?

  • 3
    Se você pretende usar isso no Diffie-Hellman, como comentado em uma outra pergunta recente sua, mencione isso na pergunta! Da forma como está, parece um exercício simples, e as respostas recebidas provavelmente serão inúteis para você (não dá pra testar números muito grandes usando esse algoritmo). – mgibsonbr 9/04/15 às 3:06
  • Alguma resposta resolveu o problema? Não esqueça de aceitar alguma se for o caso. Se não resolveu você pode colocar recompensa. – Maniero 15/07/15 às 15:53
10

Se o número for relativamente pequeno, dá pra fazer essa verificação simplesmente testando se ele possui divisores, como sugerido por bigown. Caso contrário, essa solução vai ficando cada vez mais cara, até o ponto de se tornar impraticável (mesmo para números diretamente representáveis em JavaScript, sem o uso de qualquer biblioteca externa).

    function isPrime(number) {
        var start = 2;
        while (start <= Math.sqrt(number)) {
            if (number % start++ < 1) return false;
        }
        return number > 1;
    }

var inicio = new Date();
document.body.innerHTML += 1125899839733757 + " " + isPrime(1125899839733757) + " " + (new Date() - inicio) + "ms<br/>";
inicio = new Date();
document.body.innerHTML += 1125899839733759 + " " + isPrime(1125899839733759) + " " + (new Date() - inicio) + "ms<br/>";

Para números maiores, existe o Teste AKS - capaz de retornar "sim" ou "não" com 100% de certeza e em tempo polinomial em relação ao tamanho do número - mas o mais comum em usos práticos é o Teste de Miller-Rabin, um algoritmo probabilístico que retorna "não" com 100% de certeza ou "sim" com X% de certeza, sendo X configurável (e cujo tempo de execução depende o X escolhido, tendendo para o infinito).

um exemplo de implementação desse algoritmo em JavaScript no site rosettacode (bem como implementações em várias outras linguagens). Note que essa implementação é bastante ingênua, de modo que ela falha até para números muito pequenos (a potência módulo n é implementada potência primeiro, módulo depois...) .

function probablyPrime(n, k) {
	if (n === 2 || n === 3)
		return true;
	if (n % 2 === 0 || n < 2)
		return false;
 
	// Write (n - 1) as 2^s * d
	var s = 0, d = n - 1;
	while (d % 2 === 0) {
		d /= 2;
		++s;
	}
 
	WitnessLoop: do {
		// A base between 2 and n - 2
		var x = Math.pow(2 + Math.floor(Math.random() * (n - 3)), d) % n;
 
		if (x === 1 || x === n - 1)
			continue;
 
		for (var i = s - 1; i--;) {
			x = x * x % n;
			if (x === 1)
				return false;
			if (x === n - 1)
				continue WitnessLoop;
		}
 
		return false;
	} while (--k);
 
	return true;
}

document.body.innerHTML += probablyPrime(13, 10); // 99.999905% de chance de estar correto

E de todo modo, se você precisar de uma implementação dessas você provavelmente também precisará de uma biblioteca de inteiros de precisão arbitrária (bigint) - uma vez que o tipo Number de JavaScript só dá suporte a ponto flutuante de 64 bits. Aqui tem um exemplo de implementação com essa característica, para o node.js (mas provavelmente adaptável para o browser também).

4

De acordo com essa resposta no SO dá para fazer assim:

    function isPrime(number) {
        var start = 2;
        while (start <= Math.sqrt(number)) {
            if (number % start++ < 1) return false;
        }
        return number > 1;
    }

document.body.innerHTML += isPrime(13);

2

Ok ok ok, é quase a mesma coisa: em bash, e com batota!

$ eprimo () { curl -s http://primes.utm.edu/lists/small/100000.txt | 
              grep -q -w $1 && echo "Sim" || echo "Não"; }

$ eprimo 33
Não

... mas só dá resposta se o argumento for menor que 1_299_827 e se tivermos um sistema operativo (i.e. curl, grep e coisas do género).


\cite{@bfavaretto, comentário longinquo a uma pergunta do mesmo PO}

Update 1

Esta resposta foi votada negativamente (pelo menos até -4) provavelmente por só calcular se o número é primo até 1_299_827.

Na continuação das repostas tipo "soluções alternativas com batota", proponho o uso do comando unix primes que dá a sequência de números primos num intervalo, ou a sequência de primos a partir de um número.

Um número é primo se o primeiro primo a seguir a ele (primes N | head -1)for ele próprio! :)

Portanto:

$ perl -E '$n=shift; say((`primes $n|head -1`== $n)? "sim":"não")' 4294967231
sim
  • 1
    Vale bem a pena ser downvoted para poder falar de pequenas variantes que acho curiosas! :) – JJoao 9/04/15 às 13:25
  • 1
    No update 1 recorreu-se a Perl para evitar graçolas de um conhecido moderador, envolvendo a shell anteriormente usada (...your answer was bashed) :). – JJoao 13/04/15 às 8:45
2

Eu fiz um código um pouco diferente, se quiserem dar uma olhada.

let number = 3;
let primo = "O número " + number + " é primo";
let noPrimo = "O número " + number + " não é primo";
let result = noPrimo;

for (i = 2; i < number; i++) {
	result = primo;

	if (number % i == 0) {
		result = noPrimo;
		break;		
	}
}

if (number == 2) {
	result = primo;
}

console.log(result);

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.