9

Existem outras linguagem de baixo nível sem ser Assembly? LISP não é (eu acho) nem Fortran..

Linguagem de baixo nível seria língua mais próximas do binário, assim como o Assembly, língua que trabalha diretamente com os registros do hardware.. De alto nível seria próximo ao inglês

  • 2
    Linguagem de máquina está ainda abaixo de assembly, e de todo modo "assembly" não é bem uma linguagem - já que cada plataforma possui seu próprio código de montagem. FOTRAN é de mais alto nível que assembly, porém mais baixo do que C por exemplo (e esse mais baixo que muitas outras). E se me perguntar, diria que não existe linguagem de mais alto nível que Lisp... :P (Lisp é praticamente "matemática executável") – mgibsonbr 2/04/15 às 5:17
  • 1
    @bigown equivalente a Assembly. – Jorge B. 2/04/15 às 11:07
  • 1
    Eu sei, mas pela pergunta dá para perceber @bigown :P – Jorge B. 2/04/15 às 11:12
  • 1
    Eu não acho não. Eu acho que dá para responder mas a pergunta não está clara. P/ os padrões do SOpt ele pode estar ótima, mas p/ os padrões do que sempre foi usado na SE falta informações relevantes para responder condizentemente. Não estou reclamando da pergunta, muito menos de quem respondeu, eu poderia ter feito o mesmo, mas ela poderia ser bem mais informativa para evitar ambiguidade. Se ele der uma definição que bate com a minha, eu tenho uma boa resposta. Se ele confirmar o que você entendeu, então a do Miguel já está boa. – Maniero 2/04/15 às 11:17
  • 1
    @JorgeB. Se eu tivesse uma resposta, eu responderia, não comentaria... :P Apenas quis ilustrar que dividir as linguagens entre "baixo nível" e "alto nível" é complicado, existe todo um espectro que vai desde "100% em conformidade com a arquitetura por baixo" até "100% abstrata". Pode-se traçar uma linha (como era feito antigamente) e dizer que "se é compilado/interpretado, é de alto nível" mais isso só reforça o mito que toda linguagem de alto nível é equivalente. – mgibsonbr 2/04/15 às 17:14
20

Linguagem de Máquina

É a linguagem que a CPU entende, composta por uma sequência binária, cujas regras são definidas por cada arquitetura.

O recomendável é gerar através de um compilador de outra linguagem de mais alto nível, mas você pode abrir um editor hexadecimal, e pode escrever tudo usando caracteres 0123456789abcdef, o que não é muito prático.

Depois você vai precisar de uma forma de carregar o código na memória, a não ser que você escreva também os bytes do executável e já salve como .exe.

A manutenibilidade é baixíssima, além de ser impossível comentar o código.

Máquinas de Turing - Linguagens esotéricas

Outras alternativas, seriam implementações de máquinas de Turing básicas. Existem várias linguagens:

Linguagem de descrição de hardware (LDH ou HDL em Inglês)

Linguagem de descrição de hardware são usadas para modelar o funcionamento de um hardware, partindo do princípio que este é feito usando portas lógicas, ao invés de instruções interpretadas por uma CPU.

Essas linguagens podem ser rodadas e depuradas como qualquer outra, através de uma simulação das portas lógicas, do fluxos de carga nos semicondutores, que no final das contas alteram DDPs e essas finalmente são interpretadas como sinais 1 e 0, ligado/desligado, etc..

Há nesse grupo de linguagens, aquelas de mais baixo nível e de mais alto nível.

Exemplo da wikipedia: VHDL

cmp : process
 begin
    if A = B then
       C ⇐ 0;
    else
       C ⇐ 1;
    end if;
 end process cmp;
  • Achei muito interessante a sua resposta +1 :) – Jorge B. 2/04/15 às 11:06
  • 2
    Dá pra colocar comentários num programa escrito em hexadecimal se colocar "jumps" nos locais corretos. Sinceramente não entendo porque tem gente que prefere linguagem de alto nível se dá pra fazer tudo usando código binário... :p – utluiz 2/04/15 às 13:41
  • 2
    @utluiz Eu havia pensado nisso, mas ai teria de haver um editor especializado pra traduzir isso 436f6d656e74e172696f nisso Comentário... se bem, que agora que to lembrando, que quase todos os HexEditors possuem visualização HEX e também ASCII, então daria pra simular um comentário nesse editor. – Miguel Angelo 2/04/15 às 16:11
  • 1
    @utluiz HUahua... eu também não consigo entender isso. O código já sai ofuscado, o que é uma enorme vantagem pra empresas que querem proteger o código. =P – Miguel Angelo 2/04/15 às 16:13
  • @MiguelAngelo codigo em hexa != de ofuscado rs – Vitor Caleffi 2/04/15 às 18:37

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.