12

O XHTML é o HTML com sintaxe estrita (precisa ser um XML válido).

Consigo usá-lo em conjunto com o HTML5?

Lucas de Carvalho oferece, até em 6 dias, uma recompensa de +50 pontos nessa pergunta.

As respostas estão desatualizadas e precisam ser revisadas, devido às recentes alterações.

Gostaria de mais detalhes, as respostas atuais não esclarecem todas as dúvidas. Existe XHTML5? Qual a necessidade de usar xmlns dentro de um documento HTML5?

  • 4
    Não, pois tinhamos 2 caminhos: XHTML2 e HTML5, e infelizmente prevaleceu o 2o, pois os comitês e empresas envolvidos acharam que era melhor qualquer um conseguir por qualquer coisa no ar, em vez de fazer com que as pessoas aprendam o mínimo necessário para publicar coisas consistentes. Pior é que esse pensamento anda "na moda", dá até alguns discursos bonitos por aí. – Bacco 1/04/15 às 17:52
  • maybe existam "documentos poliglotas". – Renan 1/04/15 às 17:58
  • @renan pior que isso ai só deixa a situação mais feia. – Bacco 1/04/15 às 18:03
  • 1
    @renan de qualquer forma é bom pra constar, de repente atende à necessidade do OP. Eu particularmente não gosto por não ter as vantagens que o XHTML teria, que é o browser não mostrar conteúdo malformado. – Bacco 1/04/15 às 19:53
5

Não existe um XHTML + HTML5. O XHTML foi um caminho tomado pelo W3C para tentar restringir o padrão de código da internet toda. A ideia era que todo mundo escrevesse código válido e semântico. O HTML5, por sua vez, é uma atualização da linguagem iniciada por um grupo de desenvolvedores ligados a empresas como Apple, Google e Firefox.

Você consegue escrever sintaxe XHTML (que não tem tanta diferença assim) no HTML5 tranquilamente. O validador do W3C não vai reclamar da sintaxe. Mas é uma ótima prática não misturar os dois.

  • 1
    Por que não misturar os dois? Eu também evito isso, mas não sei bem explicar o motivo. – bfavaretto 28/04/15 às 12:12
2

O XHTML tem um padrão e é validado com base no HTML mais antigo, o que não inclui alguns novos inputs do html5 e algumas sintaxes de metatags, infelizmente ainda o XHTML é baseado no HTML2, seguindo suas sintaxes e validações, o que é muito importante para as IDES e Servidores poderem validar seu código, diferente do que se vê hoje em PHP por exemplo(desenvolvi 8 anos nessa linguagem), q é aquele monte de gambiarra e código mal feito. Com validação baseada em um padrão é possível um código mais legível a todos. Aguardamos ansiosamente uma definição da JSP com sintaxes de HTML5. Até lá é se virar com o velhro XHTML, CSS e JQuery.

  • "XHTML é baseado no HTML2"? Você tem alguma referência para sustentar essa afirmação? – bfavaretto 16/04/15 às 21:26
  • Desculpe a confusao, o XHTML é baseado no HTML4. – Michel Simões 17/04/15 às 11:46
1

Acho interessante você entender o que é especificação e implementação.

XHTML 4.x, HTML5 são especificações, são um conjunto de regras que definem como o HTML deve ser interpretado pelos navegadores, é algo análogo à norma culta da lingua portuguesa.

Implementação é como os navegadores de fato interpretam, o que geralmente difere em um ponto ou outro dependendo do navegador, é análogo ao português falado.

Historicamente o XHTML não colou, a maioria dos navegadores não se importava muito com a especificação do XHTML, em boa parte devido à algumas regras meio chatas do XHTMl como ter de definir um doctype com uma url que ninguém lembrava, ter de fechar tags solitárias como por exemplo o <br> que tinha de ser escrito como <br /> segundo a especificação do XHTML. Para os navegadores era mais importante fazer o código que as pessoas escreviam funcionar do que seguir a especificação xarope do XHTML.

Com base nisso foi criado o HTML5, que é uma especificação mais próxima do que os navegadores implementam, que é o que realmente importa.

Em boa parte foi pressão dos navegadores em fazer uma especificação funcional, mas especificamente de um grupo chamado WHATWG .

tl;dr: não existe xhtml5.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.