0

Seja a matriz abaixo forma por uma lista de listas:

matriz = [[4, 24, 11, 30, 12],
         [1, 2, 1, 13, 12],
         [4, 5, 24, 9, 23],
         [5, 26, 17, 29, 6],
         [20, 12, 21, 30, 9]]

O que eu fiz:

for i in range(n):
    for j in range(m):
        if i == j: #diagonal principal
            for x in range(n):
                for y in range(m):
                    if x + y == m - 1:
                        if x==y:# i!=j para nao mover o elemento comum as 2 diag
                            break
                        else:
                            matriz[i][j], matriz[x][y] =  matriz[x][y], matriz[i][j]
print(matriz)
            
           

Saída:

[[20, 24, 11, 30, 9],
 [1, 26, 1, 29, 12],
 [4, 5, 13, 9, 23],
 [5, 24, 17, 12, 6],
 [2, 12, 21, 30, 4]]   

Fiquei com a dúvida: Inicialmente o número 24 era um elemento comum as duas diagonais (Primária e secundária): ele não deveria permanecer na mesma posição?

1 Resposta 1

1

Se me lembro bem das aulas de matemática, vamos ter diagonal principal e diagonal secundária só em matrizes quadradas, por isso, é possível utilizar apenas uma variável, por exemplo i, ao invés de 4 (i, j, x, y) e baseado nessa variável i vamos caminhando de fora pra dentro.

Segue duas soluções, onde a segunda (troca_cima_baixo()) é que acredito apresentar maior rigor matemático considerando as definições de diagonal principal e diagonal secundária:

Código:

matriz = [
    [ 4, 24, 11, 30, 12],
    [ 1,  2,  1, 13, 12],
    [ 4,  5, 24,  9, 23],
    [ 5, 26, 17, 29,  6],
    [20, 12, 21, 30,  9]
    ]

#Trocando as diagonais pelas laterais
def troca_esq_dir(matriz):
    for i in range(len(matriz)):
        matriz[i][i], matriz[-i - 1][i] = matriz[-i - 1][i], matriz[i][i]

#trocando as diagonais pelo topo e fundo
def troca_cima_baixo(matriz):
    for i in range(len(matriz)):
        matriz[i][i], matriz[i][-i -1] = matriz[i][-i -1], matriz[i][i]

Pelas Laterais:

troca_esq_dir(matriz)
print(matriz)

Saída:

[
[20, 24, 11, 30,  9],
[ 1, 26,  1, 29, 12],
[ 4,  5, 24,  9, 23],
[ 5,  2, 17, 13,  6],
[ 4, 12, 21, 30, 12]
]

Pelo topo e fundo:

troca_cima_baixo(matriz)
print(matriz)

Saída:

[
[12, 24, 11, 30,  4],
[ 1, 13,  1,  2, 12],
[ 4,  5, 24,  9, 23],
[ 5, 29, 17, 26,  6],
[ 9, 12, 21, 30, 20]
]
2
  • 1
    Não entendi o [-i -1]
    – Ed S
    29/07/2022 às 12:53
  • @EdS no python podemos utilizar index negativo nos vetores pra selecionar elementos a partir do fim do vetor. O elemento vetor[-1] será o último elemento do vetor, vetor[-2] o penúltimo e assim por diante... se utilizássemos -i iriamos começar em -0, que não existe, e caminharíamos até o segundo elemento do vetor mas sem iterar com o primeiro elemento quando i for len(vetor)-1, por isso utilizamos o -i-1, caminhando de -1 até -len(vetor) 1/08/2022 às 14:21

Você deve fazer log-in para responder a esta pergunta.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag .