1

Bom, é o seguinte, não estou entendendo por onde devo começar, se devo primeiro selecionar os clientes, enfim, tenho certeza que vai utilizar inner join ou algum joiner pois ele utiliza outras tabelas de auxílio. Queria ajuda pra entender como fazer essa query. Segue na imagem a descrição do que deve ser feito.

Segue a estrutura das tabelas:

  • tblTicket

    • IdTicket (chave primaria)
    • IdCliente(chave estrangeira)
    • IdEvento(chave estrangeira)
    • data(date)
    • estadoPagamendo(bool)
  • tblClientes

    • IdCliente
    • Sexo
    • Nome
  • tblEventos

    • IdEventos
    • Nome

Descrição das condições dos inserts

  • a estrutura da tabela ticket tem idticket, idcliente(chave estrangeira, idatracao(chave estrangeira), data e pago(bool) – Victor Ferreira 10/03/15 às 12:59
  • Victor, poderia editar sua pergunta e colocar a estrutura de todas as tabelas envolvidas? – Rafael Withoeft 10/03/15 às 13:05
1

Me parece ser um exercício de banco de dados, até porque o que o enunciado se propõe não faz muito sentido.

Estou supondo que todas as chaves primárias são IDENTITY.

A sintaxe básica de inserção é:

INSERT INTO tblTickets (IdCliente, IdEvento, data, estadoPagamento)
SELECT ...

Repare que não coloquei IdTicket. Por ser uma coluna IDENTITY, não preciso mencioná-la na sentença.

Também poderia fazer assim:

INSERT INTO tblTickets (IdTicket, IdCliente, IdEvento, data, estadoPagamento)
SELECT null, ...

O exercício diz:

Cada cliente comprou um ou dois tickets para cada um dos 20 eventos da Livraria, sendo:

  • Um ticket caso o IdCliente (sic) for par;

  • Dois tickets caso o IdCliente (sic) for ímpar;

A maneira fácil de saber se um número é par ou ímpar é divindo por 2 e verificando se o resto da divisão é zero. Se for, é par. Caso contrário, é ímpar.

Ou seja:

SELECT 6 % 2; -- Devolve 0
SELECT 7 % 2; -- Devolve 1

Assim, um SELECT para trazer todos os clientes com IdCliente par seria:

SELECT *
from tblClientes
where IdCliente % 2 = 0;

E os ímpares:

SELECT *
from tblClientes
where IdCliente % 2 = 1;

Só que o exercício pede algo que vejo como sem sentido (duas linhas para cada IdCliente ímpar). Neste caso, um UNION ALL resolve, duplicando as linhas:

SELECT *
from tblClientes
where IdCliente % 2 = 1

UNION ALL

SELECT *
from tblClientes
where IdCliente % 2 = 1

Isto não é muito bonito nem performático de fazer, mas funciona.

O campo DataDaVenda deverá ter 01/03/2009 em todos os registros.

Este eu acho que é o mais simples:

SELECT CONVERT(DATETIME, '01/03/2009', 103);

Apenas os clientes do sexo feminino já fizeram o pagamento dos tickets.

Este é uma aplicação da sentença CASE:

CASE 
    WHEN SEXO = 'M' THEN TRUE
    ELSE FALSE
END

Juntando tudo, ficaria algo assim:

INSERT INTO tblTickets (IdCliente, IdEvento, data, estadoPagamento)
SELECT c.IdCliente, e.IdEvento, CONVERT(DATETIME, '01/03/2009', 103), 
    (CASE
        WHEN c.Sexo = 'M' THEN TRUE
        ELSE FALSE
    END) as EstadoPagamento
FROM tblClientes c
CROSS JOIN tblEventos e
WHERE c.IdCliente % 2 = 0;

INSERT INTO tblTickets (IdCliente, IdEvento, data, estadoPagamento)
SELECT c.IdCliente, e.IdEvento, CONVERT(DATETIME, '01/03/2009', 103), 
    (CASE
        WHEN c.Sexo = 'M' THEN TRUE
        ELSE FALSE
    END) as EstadoPagamento
FROM tblClientes c
CROSS JOIN tblEventos e
WHERE c.IdCliente % 2 = 1

UNION ALL

SELECT c.IdCliente, e.IdEvento, CONVERT(DATETIME, '01/03/2009', 103), 
    (CASE
        WHEN c.Sexo = 'M' THEN TRUE
        ELSE FALSE
    END) as EstadoPagamento
FROM tblClientes c
CROSS JOIN tblEventos e
WHERE c.IdCliente % 2 = 1;

Por fim, CROSS JOIN realiza um produto cartesiano entre as duas tabelas relacionadas.

  • Muito obrigado, ajudou bastante ;) – Victor Ferreira 11/03/15 às 13:20

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.