2

Tenho a seguinte função:

def maluco(utrib,ucom,icms,desc,x,qtrib,vprod,fcp,ipi,dire,inf,nome=''):
    ...

E tentei chamá-la assim e de outros 30 jeitos:

qcx = maluco(utrib,ucom,icms,desc,x=y,qtrib,vprod,fcp,ipi,dire = 'nda',inf)

Porém sempre que chamo recebo um erro: SyntaxError: positional argument follows keyword argument

Qual a ordem para chamá-la e qual a diferença entre positional argument e keyword argument?

1
  • def maluco(utrib,ucom,icms,desc,x=x,qtrib,vprod,fcp,ipi,dire=dire,inf,nome=''): Tentei declarar assim e resultou em: SyntaxError: non-default argument follows default argument
    – user257461
    13/09 às 18:27
0

É porque um argumento posicional não pode ser colocado depois de um com o valor definido no argumento, isso acontece tanto na definição da função quanto na chamada. Tenho a seguinte função:

qcx = maluco(utrib,ucom,icms,desc,qtrib,vprod,fcp,ipi,inf,dire='nda',x=y)

Tenta fazer desse modo. :)

Argumento posicional(positional argument) é aquele que não tem valores definidos na chamada que é o caso de todos menos, dire e x.

Keyword é justamente o argumento que recebe um valor, ou seja, uma chave(key)

1
  • muito obrigado. me ajudou muito!
    – user257461
    13/09 às 20:24
0

Imagine que temos a função:

def f(a, b):
    print("O argumento passado como parâmetro a é", a)
    print("O argumento passado como parâmetro b é", b)

Agora, chamamos a função da seguinte forma:

valor_1 = 2
valor_2 = 5
f(valor_1, valor_2)
# output:
# O argumento passado como parâmetro a é 2
# O argumento passado como parâmetro b é 5

Como o Python decide que a variável valor_1 deve entrar como o parâmetro a, e a variável valor_2 como b? Simplesmente por causa da posição que os argumentos são passados para a função. Neste caso, valor_1 e valor_2 são chamados de argumentos posicionais porque sua ordem define quem substituirá qual parâmetro dentro da função.

Mas também podemos chamar a função dessa forma:

valor_1 = 2
valor_2 = 5
f(b=valor_1, a=valor_2)
# output:
# O argumento passado como parâmetro a é 5
# O argumento passado como parâmetro b é 2

Neste caso, fomos explícitos ao indicar que valor_1 deve ser entregue à função como o parâmetro b, não a. Para isso, usamos a palavra-chave do nome do parâmetro, como em b=valor_1. Dá-se a isso o nome de argumentos de palavra-chave. Note que, neste caso, não é necessário passar os argumentos na mesma ordem em que os parâmetros foram definidos na função.

Agora olhe este caso:

valor_1 = 2
valor_2 = 5
f(b=valor_1, valor_2)
# output:
# SyntaxError: positional argument follows keyword argument

O erro aqui acontece porque usamos argumentos de palavra-chave antes de argumentos posicionais. Pela regra de argumentos posicionais, valor_2 deveria ser associado ao parâmetro b, mas estamos explicitamente passando valor_1 como b. Então, para evitar situações complicadas onde não se tem mais certeza que argumentos estão sendo passados para que parâmetros, logo de cara o Python proíbe que argumentos de palavra-chave venham antes de argumentos posicionais - é simplesmente uma regra da sintaxe da linguagem.

Então, para chamar sua função no seu caso, você pode passar todos os argumentos como argumentos posicionais (na ordem correta):

qcx = maluco(utrib, ucom, icms, desc, y, qtrib, vprod, fcp, ipi, 'nda', inf)

Ou então passar todos argumentos em qualquer ordem como argumentos de palavra-chave (decidi manter a ordem original por simplicidade, mas não é necessário):

qcx = maluco(utrib=utrib, ucom=ucom, icms=icms, desc=desc, x=y, qtrib=qtrib, vprod=vprod, fcp=fcp, ipi=ipi, dire='nda', inf=inf)
1
  • Muito obrigado pela explicação detalhada, me sanou muitas dúvidas!
    – user257461
    14/09 às 10:36