0

Em um sistema de gestão patrimonial, eu tenho uma tabela chamada patrimonios_cedidos que possui os campos:

patrimonios_cedidos:
id integer (pk)
data_cedencia date
data_retorno date
responsavel_id bigint (fk)
responsavel_destino_id bigint (fk)
localizacao_inicial_id bigint (fk)
localizacao_destino_id bigint (fk)
patrimonio_id bigint (fk)

O problema é que essa tabela possui uma relação 1 para 1 com a tabela patrimonio, e toda vez que é gerado uma nova cedência, uma nova linha é criado na tabela patrimonios_cedidos para cada patrimônio. Porém, agora, eu preciso mudar isso para que em uma única cedência eu possa ter vários patrimônios.

O que eu resolvi fazer foi criar uma nova tabela chamada patrimonios_cedidos_itens, afim de salvar os dados da cedência. Essa nova tabela possui os campos:

patrimonios_cedidos_itens:
id integer (pk)
patrimonio_id bigint (fk)
patrimonio_cedido_id bigint (fk)
localizacao_inicial_id bigint (fk)

Essa nova tabela, patrimonios_cedidos_itens, vai servir para o registro da cedência, possuindo os dados como qual patrimônio foi cedido e de onde veio (para onde deve voltar quando o período da cedência acabar). Depois disso eu precisaria de uma nova tabela de patrimonios_cedidos:

temporary_patrimonios_cedidos:
id integer (pk)
data_cedencia date
data_retorno date
responsavel_id bigint (fk)
responsavel_destino_id bigint (fk)
localizacao_destino_id bigint (fk)

Agora eu precisaria pegar minha tabela, patrimonios_cedidos, e jogar todas as linhas para as tabelas temporary_patrimonios_cedidos e patrimonios_cedidos_itens. Eu precisaria fazer um loop passando em todos os dados de patrimonios_cedidos, colocar nas respectivas tabelas, pegar o id da temporary_patrimonios_cedidos e colocar no patrimonios_cedidos_itens. Pelo menos é o que estou tentando, mas não sei como fazer isso. Alguns dados das tabelas e as tabelas de localizacao, responsavel e patrimonio eu não coloquei aqui porque acredito não ser necessário, porém caso esclareça melhor minha situação eu posso editar a pergunta colocando o que for necessário.

Edit: Algo que não havia esclarecido, mas a tabela patrimonios_cedidos será substituída por temporary_patrimonios_cedidos e patrimonios_cedidos_itens. Após passar os dados da tabela patrimonios_cedidos para as outras tabelas, a mesma será dropada e a temporary_patrimonios_cedidos será renomeada para patrimonios_cedidos. A relação da nova tabela patrimonios_cedidos com a patrimonios_cedidos_itens será pela fk na tabela patrimonios_cedidos_itens: patrimonio_cedido_id.

1

Acredito que o método mais prático para obter esse resultado seria fazendo 2 queries, uma para cada tabela "partilhada". Para isso é simples, basta você usar o INSERT — com os campos pertinentes — concatenado ao retorno do SELECT da tabela original patrimonios_cedidos.

Ficaria assim:

--Para copiar os dados relevantes à tabela 'patrimonios_cedidos_itens'
INSERT INTO patrimonios_cedidos_itens(patrimonio_id, patrimonio_cedido_id, localizacao_inicial_id) SELECT patrimonio_id, id, localizacao_inicial_id FROM patrimonios_cedidos;

--Para copiar os dados relevantes à tabela 'temporary_patrimonios_cedidos'
INSERT INTO temporary_patrimonios_cedidos(data_cedencia, data_retorno, responsavel_id, responsavel_destino_id, localizacao_destino_id) SELECT data_cedencia, data_retorno, responsavel_id, responsavel_destino_id, localizacao_destino_id FROM patrimonios_cedidos;

Adicionalmente, outra coisa que recomendaria para isso funcionar sem problemas é declarar a chave primária de cada uma das tabelas como tipo SERIAL em vez de INTEGER — isso a não ser que a versão do seu PostgreSQL seja maior ou igual a 10, nesse caso o mais recomendado seria IDENTITY — para evitar erros ao omitir o campo id durante criação de novos registros.

EDIT: Caso exista a possibilidade de ocorrerem problemas de integridade entre as cedências da tabela patrimonios_cedidos e temporary_patrimonios_cedidos ao utilizar a chave estrangeira patrimonio_cedido_id baseado no id da tabela original, ao meu ver existem 2 soluções:

  • Adicionar a coluna id para ficar equivalente entre as tabelas nova e antiga
INSERT INTO temporary_patrimonios_cedidos(id, data_cedencia, data_retorno, responsavel_id, responsavel_destino_id, localizacao_destino_id) SELECT id, data_cedencia, data_retorno, responsavel_id, responsavel_destino_id, localizacao_destino_id FROM patrimonios_cedidos;
  • Fazer um JOIN entre as tabelas nova e antiga para obter o id (mais limpo)
--Invertendo a ordem dos INSERTs originais

INSERT INTO temporary_patrimonios_cedidos(data_cedencia, data_retorno, responsavel_id, responsavel_destino_id, localizacao_destino_id) SELECT data_cedencia, data_retorno, responsavel_id, responsavel_destino_id, localizacao_destino_id FROM patrimonios_cedidos;

INSERT INTO patrimonios_cedidos_itens(patrimonio_id, patrimonio_cedido_id, localizacao_inicial_id) SELECT orig.patrimonio_id, ced.id, orig.localizacao_inicial_id FROM patrimonios_cedidos AS orig INNER JOIN temporary_patrimonios_cedidos AS ced ON ced.data_cedencia = orig.data_cedencia AND ced.data_retorno = orig.data_retorno AND ced.responsavel_id = orig.responsavel_id AND ced.responsavel_destino_id = orig.responsavel_destino_id AND ced.localizacao_destino_id = orig.localizacao_destino_id;
4
  • 1
    Obrigado pela resposta @Rfroes87. Sobre a questão das primary key, estou usando sim SERIAL, mas por algum motivo, ao abrir as propriedades da tabela mostra que a coluna é INTEGER, então optei por colocar assim; e também acabei não deixando tão claro, mas a tabela patrimonio_cedido será substituída pelas outras duas, sendo que depois de passar todos os dados para as outras tabelas, a tabela patrimonio_cedido seria dropada e a temporaria seria renomeada para patrimonios_cedidos. Com isso, a tabela patrimonios_cedidos_itens receberia na fk o id da nova tabela patrimonios_cedidos. 8/09 às 18:19
  • @LuizFelipeRodrigues Você diz que nesse caso os ids que seriam gerados na nova tabela patrimonios_cedidos poderiam ser incompatíveis com os da tabela original?
    – Rfroes87
    8/09 às 18:41
  • 1
    No caso de a tabela original começar com o id 2, por exemplo, sim. Acredito que seria melhor "resetar" os ids, por assim dizer, já que se não estiver na ordem acredito que o SERIAL, na nova tabela, vai gerar erro por tentar adicionar dados com um id que já existe. Mas se houver um jeito de evitar este problema seria melhor. 8/09 às 19:01
  • 1
    Olá @Rfroes87 optei por usar a primeira opção. Só fiz uma edição na sua resposta porque o nome do campo é data_cedencia, seria a data que o bem foi emprestado; credência seria outra coisa kkkk 9/09 às 16:53

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.