2

Estou criando um executável utilizando a linguagem de programação Python e sua biblioteca pyinstaller. Para criar a interface, estou usando a biblioteca TKinter.

Na interface do executável eu coloquei uma imagem utilizando um código similar a este: Como faço para adicionar uma imagem a um programa python utilizando tkinter .

No entanto, esse código exige que o usuário tenha a imagem no seu PC. Como eu faço para que não seja preciso que o usuário tenha a imagem no seu PC? Ou seja, quero mandar para ele apenas o executável e a imagem ainda continuar sendo exibida. Seria possível?

4

Tem 2 passos a seguir, primeiro adicionar o arquivo ao "empacotado", você pode fazer isso de duas maneiras:

Usando os parametros --add-data e --add-binary

O --add-data deve ser usado para arquivos não binários, como arquivos de texto simples, exemplo:

pyinstaller --add-data=origem:destino foobar.py

Use o pkg_resources.resource_filename

pyinstaller --add-data=origem;destino foobar.py

Em Windows usasse o ; em Linux e MacOS use o :, exemplo:

 pyinstaller --add-data="/home/example/foo.txt:." --add-data="/home/example/bar.txt:." example.py

Para separar a origem do destino. O --add-data pode ser usado múltiplas vezes, exemplo para adicionar dois arquivos em Windows:

 pyinstaller --add-data="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\foo.txt;." --add-data="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\bar.txt;." example.py

Note que depois do ; usei o ., o ponto se refere ao caminho inicial do "dentro" do programa, se quiser adicionar o arquivo a uma subpasta, por exemplo chamando-a de assets você pode fazer algo como:

 pyinstaller --add-data="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\foo.txt;assets" --add-data="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\bar.txt;assets" example.py

Para adicionar arquivos binários use --add-binary, todo processo é igual ao anterior, só muda que deve usar para arquivos como imagens, vídeos, compactados (gz, zip, rar, 7z, etc), exemplo:

 pyinstaller --add-binary="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\foo.jpg;assets" --add-binary="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\bar.png;assets" example.py

Nota: Se deseja adicionar tudo dentro de um único .exe use o parametro --onefile, exemplo:

pyinstaller --onefile --add-binary="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\foo.jpg;assets" --add-binary="C:\Users\new_g\Desktop\xyz\bar.png;assets" example.py

Lendo o arquivo

Agora é a segunda etapa, isso é independente de estar usando Kivy, TKinter, ou simplesmente um script Python sem GUI (interface gráfica), para ler o arquivo deve-se usar a lib pkg_resources.resource_filename, em instalações Windows geralmente já vem instalado, mas se não tiver o pkg_resources execute o comando:

pip install setuptools

Após instalar no seu script você vai ler o arquivo assim (independente de executar python exemple.py ou executar de executar o .exe gerado, exemplo:

from pkg_resources import resource_filename

resource_1 = resource_filename(__name__, 'foo.txt')
resource_2 = resource_filename(__name__, 'bar.txt')

print('resource_1:', resource_1)
print('resource_2:', resource_2)
print(resource_1)
print(__name__)

with open(resource_1) as file:
    print(file.read())

print('----------')

with open(resource_2) as file:
    print(file.read())

Isso é um exemplo totalmente adaptável a qualquer lib, como Tkinter, pois o pkg_resources.resource_filename() retorna o caminho absoluto do arquivo.

Leitura de uma imagem adicionada com --add-binary no Tkinter

No exemplo a seguir pode ler o arquivo foo.png e exibir em uma label

from pkg_resources import resource_filename
from tkinter import Tk, Label, PhotoImage


root = Tk()

resource_1 = resource_filename(__name__, 'foo.png')

photo = PhotoImage(file=resource_1)

message = Label(root, image=photo)
message.pack()

root.mainloop()
2
  • Obrigado pelo detalhamento na sua resposta. Ainda fiquei com uma dúvida: Mesmo seguindo esse procedimento, o executável só executa com sucesso se eu colocar as imagens dentro da pasta que ele está. É normal? Pensei que esse procedimento ia gerar um executável totalmente standalone, que não precisasse das imagens em mais nenhum local. Talvez eu esteja errando mesmo. Obrigado novamente! 20/07 às 1:05
  • @AugustoRodrigues não entendi, o exemplo que demonstrei não tem as imagens no mesmo local, eu peguei as imagens de outros locais, acho que você está confundindo as coisas, o que você quer na verdade é o parametro pyinstaller --onefile ... example.py (troque os ... pelos --add-binary), isso vai fazer criar um .exe sem os arquivos separados 20/07 às 12:22
-4

Você pode armazenar sua imagem em uma pasta "images", junta do executável/.py. Infelizmente não é possível utilizar uma imagem que não esteja armazenada no dispositivo...

3
  • Na verdade o usuário pode sim com PyInstaller empacotar um arquivo de dados manipulando o arquivo de especificações o Spec File usando a opção --add-data como argumento uma string contendo uma lista de tuplas onde o primeiro elemento é o caminho do arquivo e o segundo é diretório virtual. Acesse o arquivo em runtime com pkgutil.get_data() 19/07 às 2:22
  • 2
    @AugustoVasques no caso de imagem seria add-binary, se eu não estiver enganado. 19/07 às 2:27
  • @GuilhermeNascimento, sim você está correto. O equivoco é meu, a opção correta para empacotar uma imagem no executável é --add-binary 19/07 às 2:29

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.