1

Preciso que um arquivo .txt guarde o último serial gerado, para das próximas vezes que for executado esse arquivo ser lido e continuar a sequencia. Ou seja, se o ultimo serial(serial2) gerado for o número 6 quero que seja guardado o número 6 no txt para que na proxima execução do código ele inicie no 6. Estou usando o txt como um "Banco de Dados".

def GerarSerial(start_at=int(open('ultimaos.txt', 'r').readlines(0)[0])+1):
    serial = f'{start_at:0>5}'
    serial2 = f'{start_at+1:0>5}'
    with open('ultimaos.txt', 'w') as ultimaosarquivo:
        ultimaosarquivo.write(serial2)
    with open('ultimaos.txt', 'r') as ultimaosarquivo:
        ultima_os = ultimaosarquivo.readlines(0)[0]
    return f'{ultima_os:0>5}'

if __name__ == '__main__':
    for x in range(3):
        GerarSerial()
        print(GerarSerial())

ultimaos.txt:

00006

Porém ao executar o código ele apenas repete o valor 3 vezes.

1
  • 1
    Artur a pergunta não está muito clara, da para melhorar? Vlw! 23/06/21 às 17:40
0

O problema é que você definiu um valor default para o parâmetro start_at. E segundo a documentação, esse valor só é avaliado uma vez, quando a função é criada, e depois não muda mais:

Default parameter values are evaluated from left to right when the function definition is executed. This means that the expression is evaluated once, when the function is defined, and that the same “pre-computed” value is used for each call.

Ou seja, quando você cria a função, o start_at terá o valor default com base no conteúdo atual do arquivo, somado com 1. E para todas as chamadas feitas sem nenhum argumento, será usado o valor inicial que ele tinha. Por isso que, não importa quantas vezes você chame a função, o mesmo valor está sendo usado.

Sendo assim, retire este parâmetro. Dentro da função você tem que sempre ler o valor atual e somar 1:

def GerarSerial(arquivo='ultimaos.txt'): # acho que faz mais sentido o nome do arquivo ser um parâmetro
    try:
        # tenta ler o arquivo
        with open(arquivo, 'r') as arq:
            atual = int(arq.read()) # como o arquivo só tem uma linha, lê tudo
    except OSError:
        # se o arquivo não existe, começa um novo serial
        # mas também poderia dar erro, você decide o que faz mais sentido para o seu caso
        atual = 0

    # calcula o novo serial (no caso, soma 1 com o atual)
    serial = f'{atual + 1:0>5}'
    with open(arquivo, 'w') as arq: # atualiza o arquivo
        arq.write(serial)
    return serial

for _ in range(3):
    print(GerarSerial())

Como o arquivo sempre tem apenas uma linha, não precisa de readlines para ler todas as linhas e depois pegar a primeira. Basta usar read para ler tudo (mas também poderia ser readline() - no singular - para ler a primeira linha).

Claro que faltou verificar se o conteúdo é um número mesmo, mas a ideia geral é essa: se o arquivo não existe, começa um novo serial (mas poderia dar erro, você decide o que faz mais sentido para o seu caso), e se existe, lê o conteúdo dele.

Depois basta somar 1 e gravar o novo serial no arquivo, e retornar este serial. E veja que não precisa abrir de novo o arquivo para ler o que você acabou de gravar, pois isso já está na variável serial.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.