1

Estou um pouco sem rumo com um problema com o meu data frame. Baixo uma tabela de um SQL server e uma das colunas traz os números de cada processo. Esse valor é uma sequência numérica longa que o R converte para notação científica. O problema é que quando altero a coluna para texto ele traz o número errado. Como faço para o R entender o número correto?

Segue um código para ilustrar o problema: Quando mudo para texto o resultado vem com o final 6 e não 7.

df <- data.frame(Processo = (25351001641201357))
df

> df
    Processo
   1 2.5351e+16

df1 <- as.character(df$Processo)
df1

> df1
[1] "25351001641201356"

Acrescentando o resultado da solução sugerida, mas que ainda não funcionou.

> options(scipen = 1e9)
> df <- data.frame(Processo = c(25351001641201357))
> df
           Processo
1 25351001641201356

> as.character(format(df, scientific = FALSE))
[1] "25351001641201356"

Estou usando o Windows 10 Home Single Language 64bits RStudio Version 1.4.1106

2
  • 2
    Não pode ler como character? 15/06 às 14:59
  • É que a tabela é fornecida por um outro setor do meu trabalho. Não tenho como alterar a forma que os dados chegam.
    – RodGreg
    15/06 às 15:09
2

Pode usar format para especificar o formato de exibição:

n <- c(25351001641201357706367, 72952982679250725702754)

as.character(n)
#> [1] "2.53510016412014e+22" "7.29529826792507e+22"

as.character(format(n, scientific = FALSE))
#> [1] "25351001641201359126528" "72952982679250725240832"

Ou usar options para mudar o limite para notação científica para um valor bastante alto, fazendo com que não seja usada durante toda sessão de trabalho:

options(scipen = 1e6)

as.character(n)
#> [1] "25351001641201359126528" "72952982679250725240832"

Atualizado: número grande de dígitos

Da ajuda para integer (tradução livre minha):

Observe que as implementações atuais de R usam inteiros de 32 bits para vetores de inteiros. Portanto, o intervalo de inteiros representáveis é restrito a cerca de +/-2*10^9.

Pode checar o limite exato com .Machine$integer.max. Valores maiores são convertidos automaticamente para double:

n <- 25351001641201357

print(n, digits = 22)
#> [1] 25351001641201356

class(n)
#> [1] "numeric"

is.integer(n)
#> [1] FALSE

is.double(n)
#> [1] TRUE

O porque disso exige uma explicação muito longa para uma resposta do SO, mas o cálculo do número de dígitos significativos no R depende da biblioteca C implementada e segue padrão internacional (pode ler mais na Wikipedia em inglês).

A solução para isso é carregar os dados como character. Como o R converte automaticamente valores altos para double, mesmo pacotes que implementam limites maiores (p.e. gmp) requerem que sejam lidos primeiro como string.

3
  • Carlos, obrigado pelo resposta. Infelizmente o problema ainda não foi resolvido. testei os códigos: options(scipen = 1e9) df <- data.frame(Processo = c(25351001641201357,25351001641201385,25351123456202188)) df Processo 1 25351001641201356 2 25351001641201384 3 25351123456202188
    – RodGreg
    15/06 às 18:45
  • @rodgreg, não poste bloco de código nos comentários; se necessário edite a pergunte. Funciona usando format(..., scientific = FALSE)? Se não, edite a pergunte para incluir esse detalhe e informe também os dados do seu sistema/sessão. 15/06 às 19:38
  • 1
    @rodgreg, desculpe a demora em responder. Seu problema está relacionado com número de dígitos significativos e é um pouco mais complicado do que só mudar a exibição. Vou atualizar a resposta. 28/06 às 17:22
-4
options(scipen = 999)

df <- data.frame(Processo = (25351001641201357))
df

1
  • 1
    Quando for responder perguntas, tente não apenas jogar códigos, mas também explicar o que foi feito e o porquê. 28/06 às 12:29

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.