3

Tenho um método que utilizo para deserializar dados:

public static class CustomJson<T> where T: class, new()
{
    public static T Deserialize(string data)
    {
        try
        {
            return string.IsNullOrEmpty(data) 
                      ? default(T) 
                      : Newtonsoft.Json.JsonConvert.DeserializeObject<T>(data);
        }
        catch (Exception ex)
        {
            throw new Exceptions.SerializationException(SerializationType.Json, ex);
        }
    }
}

O tipo a ser utilizado na deserialização eu conheço somente em runtime:

public void TesteCustomJson(string package, string methodName)
{
    try
    {
        var serviceFactory = new ServiceFactory();
        var service = serviceFactory.GetService<ITesteService>();

        var method = service.GetType().GetMethod(methodName);
        if (method != null)
        {
            var parameter = method.GetParameters().FirstOrDefault();
            if (parameter != null)
            {
                var parameterType = parameter.ParameterType;
                var result = Framework.Utils.Serialization.CustomJson<parameterType>.Deserialize(package);
            }
        }
    }
    catch (Exception ex)
    {
        Debug.WriteLine(ex);
    }
}

Fazendo dessa maneira não compila, é gerado o seguinte erro:

The type or namespace name 'parameterType' could not be found (are you missing a using directive or an assembly reference?)

Existe alguma forma de passar o tipo a ser deserializado conhecendo-o somente em tempo de execução?

  • Por que você só conhece em runtime? Tem certeza disto? Pelo trecho postado isto não fica claro. Além disto. Você quer realmente que um erro de memória ou outro erro seja reportado como um erro de serialização? pt.stackoverflow.com/a/30168/101 – Maniero 19/02/15 às 10:30
  • Na verdade eu conheço os tipos, porém como posso tratá-los de uma forma genérica sendo que são centenas de tipos diferentes? Penso que se pegar o tipo em runtime poderia ser menos trabalhoso. Quanto ao tratamento de erro, iremos melhorá-lo, aqui foi só um exemplo. – Paulo Balbino 19/02/15 às 10:38
  • Se você sabe o tipo em tempo de compilação, deve tratar disto em tempo de compilação. O caminho estava correto. Talvez o problema esteja no uso mas você não postou informações relevantes de como está usando. Como não vi todo o código não pode afirmar mas acho que você sabe qual é o tipo de parameter, então use este tipo e seja feliz. – Maniero 19/02/15 às 10:44
  • Postei o método de teste completo. – Paulo Balbino 19/02/15 às 10:58
  • 2
    stackoverflow.com/a/232621/4322614 – Mateus 19/02/15 às 11:02
4

Pode utilizar o seguinte código para passar um tipo genérico durante o runtime:

public static class CustomJson<T> where T : class, new()
{
    public static T Deserialize(string data)
    {
        try
        {
            if (string.IsNullOrEmpty(data)) 
                return new T();
            return Newtonsoft.Json.JsonConvert.DeserializeObject<T>(data);
        }
        catch (Exception ex)
        {
            Console.WriteLine(ex.Message);
            throw;
        }
    }
}

public class TestClass
{
    public int Id { get; set; }

    public TestClass()
    {
    }
}

public void TestGeneric()
{
    Type custom = typeof(CustomJson<>);
    Type newInstance = custom .MakeGenericType(typeof(TestClass));
    MethodInfo mi = newInstance.GetMethod("Deserialize");
    var res = mi.Invoke(null, new object[] { "{Id: 3}" });
}

Tenha em atenção o método .MakeGenericType. Sumariamente, o método cria um novo CustomJson<T> com os tipos providenciados no método. Embora aqui se substituía apenas T, o mesmo poderia ser aplicado a mais tipos genéricos.

Exemplo no DotNetFiddle.

  • Obrigado, vou fazer os testes. – Paulo Balbino 19/02/15 às 10:59

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.