5

Estou criando um app onde pego a atual posição do usuário e criaria uma rota para um determinado ponto. Um amigo comentou que este serviço de rotas oferecido pela Google é pago. Alguem poderia ou saberia informar com mais detalhes sobre estes valores ?

Obrigado.

6

a API free de Google Maps é apenas para app públicos com limites de 2500 requisições de webservices e 25 pageviews.

Para qualquer aplicação interna a Google entende que está em produção, portanto, deverá contratar a licença mesmo que esteja dentro dos limites da Free.

Recomendo para os desenvolvedores o alinhamento com os TOS(term os services) pois o Compliance Google uma hora acaba cobrando, e ja vi muitas aplicações serem cortadas além de terem que pagar o que foi utilizado ilegal.

recomendo para aquisição da API a empresa MAPLINK http://maplinkbusiness.com/

Pois para mim Foi a única que soube esclarecer todas questões técnicas e não apenas forçar uma venda de API. Além de ser a maior parceira de Google MAps na América latina e com isso praticar melhores preços. Qual outra revenda é apenas uma revendas de meia duzia de vendedores querendo se dar bem

  • Carlos sua resposta foi muito boa!! Obrigado – Tiago Amaral 23/10/15 às 14:48
8

Existe uma versão grátis da API.

Segundo a documentação, as diferenças da versão grátis e da paga são as seguintes:

Usuários da API gratuita:

  • 2.500 solicitações de rotas por dia.
  • Até 8 pontos de referência em cada solicitação. Pontos de referência não estão disponíveis para rotas com transporte público.
  • 2 solicitações por segundo.

Usuários do Google Maps API para empresas:

  • 100.000 solicitações de rotas por dia.
  • Até 23 pontos de referência em cada solicitação. Pontos de referência não estão disponíveis para rotas com transporte público.
  • 10 solicitações por segundo.

Quanto à questão do preço, acredito que você tenha que entrar em contato com eles para fazer uma cotação.

2

O valor padrão deles é 15 mil dólares/ano.

Edit

O Google mudou este ano sua política de preços, e todos podem desfrutar da mesma tabela: https://cloud.google.com/maps-platform/pricing/?hl=pt-BR

A boa notícia é que todos ganham 200 dólares grátis mensais, o que deve contemplar muitos projetos pequenos.

  • A pergunta é: pra que precisamos de um cartão de crédito, se muitos projetos pequenos não vão gastar? Por que não ter uma opção de cortar o serviço após a quota grátis? Não fica parecendo que eles vão cobrar de qualquer forma depois de um tempo, e será uma dor de cabeça para (tentarmos) cancelar o que (achávamos que) não concordamos em pagar? Ou alguém aqui lê todas aquelas letras miúdas? – Rodrigo 7/11/18 às 2:25
1

Se pretendes apenas usar a API da google maps na tua app então não tens de pagar nada.

Mais informações:

https://developers.google.com/maps/faq

  • 1
    Sim so o mapa nao tem problrma, mas caso queira usar rotas? – Tiago Amaral 14/02/15 às 21:43
  • Penso que relativamente ás rotas tens um certo número por dia – Bruno Silva 16/02/15 às 17:48
  • Pela resposta dada por @AndréRibeiro, é realmente isso. Porém o serviço pago, lendo a documentação faz entender que o custo é negociado, conforme o uso de certa quantidade e tipos de serviços. Não existe um custo "tabelado". – Tiago Amaral 16/02/15 às 18:05

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.