-1
library(tidyverse)
library(geobr)

Suponha que eu esteja trabalhando com uma Unidade de Conservação. O Parque Nacional do Catimbau (PE), por exemplo.

Baixo os dados pelo pacote geobr

ucs<-read_conservation_units()


parna_catimbau <- ucs %>% 
  filter(str_detect(name_conservation_unit, "CATIMBAU"))

Depois ploto os limites do Parna:

ggplot()+
  geom_sf(data = parna_catimbau, col = "red", fill = "orange", alpha = .3)+
  geom_sf_label(data = parna_catimbau, aes(label = name_conservation_unit))

parna_catimbau

O que eu gostaria de saber é se é possível através do geom_sf(data= parna_catimbau) obter os geom_sf() do municípios limítrofes.

Como eu sei que o Parna do Catimbau faz fronteira com o município de Sertânia e abarca os municípios de Buíque, Ibimirim e Tupanatinga eu consigo fazer manualmente:

Primeiro baixo os dados do Estado de Pernambuco:

pe<-read_municipality(code_muni = "PE")

Depois, crio um objeto com os referidos municípios:

municipios_uc<-pe %>% 
  filter(name_muni %in% c ("Buíque", "Ibimirim", "Sertânia", "Tupanatinga"))

E então junto tudo:

ggplot()+
  geom_sf(data = municipios_uc)+
  geom_sf_text(data = municipios_uc, aes(label = name_muni))+
  geom_sf(data = parna_catimbau, col = "red", fill = "orange", alpha = .3)+
  geom_sf_label(data = parna_catimbau, aes(label = name_conservation_unit))

O resultado final é esse:

parna_catimbau_com_municipios

No entanto, como eu disse, gostaria de saber se há uma função que me permita plotar automaticamente os municípios que se relacionam com Parque Nacional do Catimbau.

1 Resposta 1

2

ggplot2 é apenas o que usa para plotar. O que precisa é de operações espaciais sobre os seus dados.

As últimas versões do sf têm implementadas as operações de conjunto do RGEOS. No seu caso, uma combinação de st_touches e st_intersects pode ser usada.

Entretanto, st_touches não irá funcionar se as bordas não coincidirem exatamente, o que é comum entre objetos geoespaciais de diferentes fontes. Para garantir o resultado, sugiro primeiro expandir levemente o polígono da unidade de conservação e depois calcular apenas as intersecções:

library(sf)

uc_ex <- st_buffer(parna_catimbau, .01)
inter <- st_intersects(uc_ex, pe)

O resultado é uma lista com os nomes (ou números) das linhas em que houve intersecção. Use-a para filtrar os municípios:

municipios_sel <- pe[unlist(inter), ]

municipios_sel
#> Simple feature collection with 4 features and 4 fields
#> geometry type:  MULTIPOLYGON
#> dimension:      XY
#> bbox:           xmin: -37.88221 ymin: -8.971401 xmax: -36.97082 ymax: -7.940434
#> CRS:            4674
#>     code_muni   name_muni code_state abbrev_state                           geom
#> 30    2602803      Buíque         26           PE MULTIPOLYGON (((-37.22367 -...
#> 73    2606606    Ibimirim         26           PE MULTIPOLYGON (((-37.39837 -...
#> 160   2614105    Sertânia         26           PE MULTIPOLYGON (((-37.53221 -...
#> 177   2615805 Tupanatinga         26           PE MULTIPOLYGON (((-37.36854 -...
1
  • Perfeito! Muito grato (mais uma vez)! – itamar 21/04 às 16:02

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.