5

Muitas funções em rust aplicam o enumerável Result em sua implementação. Esse enumerável facilita o gerenciamento de erro, já que você pode usar unwrap ou expect para ajudar a identificar o erro em um código.

Um exemplo é quando se lê um arquivo, que pode não estar no diretório, usando std::io::File:

use std::io::File;

fn main () {
    let text = File("hello.txt").expect("Unable to read file");
    println!("{}",text);
}

Eu gostaria de saber como faço para implementar isso nas minhas próprias funções.

Eu tentei assim:

use std::io::Error;

fn main() {
    let s1 = String::from("hello");
    let len = calculate_length(&s1).expect("Please, entry a valid string");
    println!("The length of '{}' is {}.", s1, len);
}

fn calculate_length(s: &String) -> Result<i32, Error> {
    let solution = s.len();
    if solution > 0 {
        return solution;
    } else {
        return Error;
    }
}

Não funcionou.

Como faço para usar o Result nas minhas funções?

2
  • 1
  • Nesse caso como a função não retorna muita informação relevante no caso de erro, talvez utilizar Option também seja uma boa opção, utilizando a variante None como representante do (único) erro. 15/04 às 0:15
5

Como dito na própria pergunta, o Result é uma enumeração. Em muito resumo, o problema é só retornar os valores que deveriam estar "dentro" do Result. Quando se instancia um enum, deve-se explicitar qual das variantes deve ser utilizada.


Em Rust, as enumerações permitem que um único tipo possa assumir significados diferentes, o que pode ser muito útil em algumas situações.

Enumerações em Rust podem "envolver" valores. Por exemplo:

enum Color {
    RGB(u8, u8, u8),
    Hex(String),
}

Nesse caso, a enumeração Color aceita valores que representam cores nos formatos RGB e hexadecimal.

Para criarmos um valor do tipo Color, precisamos fornecer os valores na instanciação do enum. Assim:

let rgbC = Color::RGB(255, 0, 0);
let hexC = Color::Hex("#3399cc");

Note que é importante informar ao compilador qual variante do enum deve ser usada (no caso acima, fizemos isso com Color::RGB e Color::Hex). Caso contrário, o compilador não seria capaz de saber a qual variante o programador se refere, já que a única informação típica sobre a instância da enumeração é o tipo do enum (no caso acima, Color).

No caso do Result, a enumeração prevê dois estados possíveis: Ok, para casos análogos a sucesso; e Err, para casos análogos a erro.


Portanto, voltando ao exemplo da pergunta, não é factível retornar da função apenas o valor que deveria estar contido na instância da enumeração Result.

Você deve, explicitamente, informar a variante. Assim:

fn calculate_length(s: &String) -> Result<usize, &'static str> {
    let solution = s.len();
    if solution > 0 {
        return Ok(solution);
    } else {
        return Err("Invalid length.");
    }
}

Como o padrão de retornar Result é muito comum, o Rust inclui, no prelude, além do próprio Result, os nomes Result::Ok e Result::Err. Assim, ao invés de escrever o "nome completo" da variante, você pode utilizar os nomes diretamente, sem a necessidade do prefixo Result::. O mesmo acontece para Option, tal que Some e None também são disponíveis à "nível global".


Não deixe de ler:

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.