4

Utilizo o GruntJS para projetos pessoais, gostaria de utilizar os benefícios desta ferramenta no trabalho, porém é limitado o uso da rede e não consigo instalar via prompt.

Tentei copiar o diretório node_modules mas não funciona, existe alguma forma de utilizar os módulos sem ter que baixa-los?

  • Pode citar quais módulos está usando e quais são os sistemas operacionais do computador do sue trabalho e o da sua casa? Desconfio que algum módulo seu seja compilado e sejam OSs diferentes, ou então você está fazendo algo errado – Emerson Rocha 9/02/14 às 23:06
  • SO é o mesmo, Windows 7, mas por exemplo quando executo grunt test no prompt é informado que grunt não existe ou n é um comando interno.. – Lucio Rubens 10/02/14 às 2:48
  • vc deu npm install -g grunt-cli? – Gabriel Gartz 10/02/14 às 3:00
  • se eu rodar esse comando vai ser baixado da rede, e meu acesso a rede é limitado, retornando um erro de proxy – Lucio Rubens 10/02/14 às 3:10
1

Lendo os comentários, entendi outra coisa, que o usuário que instalar pacotes de node de forma offline e não utiliza-los no browser. Como a resposta anterior se demonstra útil a outros usuários não vou apaga-la.

Existe uma pasta do node (que no windows eu não sei onde fica, mas provavelmente fica onde você instalou o nodejs) onde ficam todos os node_modules que você instala com o comando -g, e uma pasta de binários /bin onde ele coloca os binários identificados no package.json, no windows o node adiciona no PATH (variável do sistema) essa pasta, então os executáveis são achados no console. Você pode fazer isso manualmente se não puder usar o npm install.

Já no linux eles normalmente ficam em: /usr/local/lib/node_modules/ E os binários ele faz link simbólico em: /usr/local/bin/ Obs.: A pasta pode variar de distro pra distro.

Como mudar o PATH do windows? (abri o tópico para lhe ajudar não poluindo sua pergunta e não colocando link externo)

A outra maneira é você executar os binários direto da pasta, também vão funcionar, vamos supor que você esteja na pasta do seu projeto e queira executar o grunt.

Pasta do seu projeto digite:

./node_modules/grunt-cli/bin/grunt

Recomendo usar um power-shell do windows pra trabalhar com NPM e não o emulador de prompt, pois você vai ter um ambiente mais elegante.

Por fim, não se esqueça que no local de onde você está copiando seu ./node_modules/ se foi instalado com -g não vai estar na pasta do projeto mas na pasta de instalação do nodejs, por tanto para utilizar e copiar todos do projeto instale todas dependências sem o -g, para poder usar caminho relativo como do exemplo.

2

No browser ainda não existe uma forma de você utilizar a função require igual no node, então isso é muito importante pro entendimento desta questão. O pessoal da CommonJS documentou algumas maneiras possiveis de trabalhar com modulos e pacotes no Javascript, a W3C está trabalhando com HTMLImports e um sistema de pacotes.

Diante dessas informações, você pode em alguns pacotes híbridos fazer link simbólico ou mover para uma pasta e carregar no seu browser usando o comando <script> desde que os arquivos estejam em um local acessível via web no seu servidor.

Existem 2 projetos interessantes que também podem lhe ajudar:

  • Browsify Permite que você carregue modulos de node no seu browser.
  • Bower É um projeto muito promissor parecido com NPM, porém focado em pacotes para browsers, hoje também é muito usado pelo pessoal que usa o GruntJS, permite a instalação de pacotes do NPM, direto do github e até arquivos compactados.

E o grunt-bower pode lhe ajudar pra trabalhar com ambos.

  • Já utilizo o bower, e não conhecia o browsify, obrigado pela resposta! – Lucio Rubens 10/02/14 às 3:12
0

Caso alguém tenha interesse, encontrei uma ótima e simples solução, é o npmbox, que permite criar um pacote personalizado com todas as dependências.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.