6

Sei que a posso utilizar a API fetch para realizar requisições HTTP pelo browser.

E sei que posso utilizar a propriedade body para configurar o corpo da requisição. Mas gostaria de entender melhor quais tipos posso utilizar nessa propriedade.

Além disso, qual é a relação de cada tipo aceito com o cabeçalho Content-Type que o servidor espera?

5

A propriedade body é responsável por definir o corpo da requisição a ser efetivada pelo fetch. O tipo de dado que você pode passar a essa propriedade é variado, de modo que aceita:

  1. FormData
  2. URLSearchParams
  3. USVString
  4. Blob
  5. BufferSource
  6. ReadableStream

Os três primeiros são os mais comuns. É relativamente raro utilizar Blob, BufferSource e ReadableStream no dia a dia, mas saiba que, se precisar, eles existem.

Abaixo explicarei, entre FormData, URLSearchParams e USVString, qual é o mais adequado para cada situação.

Utilizar FormData (multipart/form-data)

Utilize o tipo FormData na propriedade do corpo da requisição quando o servidor aceitar requisições cujo Content-Type seja multipart/form-data. Esse Content-Type é comumente utilizado quando algum dos campos do corpo é um arquivo.

A interface de uso é extremamente simples, uma vez que o construtor FormData aceita como argumento um elemento HTMLFormElement, que terá os campos serializados.

Um exemplo:

// Seu elemento <form>:
const form = document.querySelector('#my-form');

fetch('https://path.to/resource', {
  method: 'POST',
  body: new FormData(form)
})
  .then(...)
  .catch(...);

Note que, quando se passa uma instância FormData à propriedade body, o cabeçalho Content-Type já é definido automaticamente como multipart/form-data.

Utilizar URLSearchParams (urlencoded)

Utilize o tipo URLSearchParams para requisições na qual o Content-Type esperado é application/x-www-form-urlencoded.

Um exemplo:

// Seu elemento <form>:
fetch('https://path.to/resource', {
  method: 'POST',
  body: new URLSearchParams({
    field1: 'Value1',
    fieldN: 'ValueN'
  })
})
  .then(...)
  .catch(...);

Quando se utiliza URLSearchParams em body, o cabeçalho Content-Type é definido automaticamente como application/x-www-form-urlencoded.

Observe que o construtor URLSearchParams não aceita uma instância de formulário diretamente (assim como FormData faz). Você pode passar um objeto com chaves e valores, que serão corretamente serializados (conforme demonstrado no exemplo acima). Uma outra opção, conforme documentado, é passar uma instância de FormData ao construtor URLSearchParams, então a serialização de um formulário inteiro também se torna trivial:

const myForm = document.querySelector('form#my-form');
const urlEncodedBody = new URLSearchParams(new FormData(myForm));

// Passe `urlEncodedBody` para a propriedade `body` da requisição...

Utilizar USVString (string como corpo da requisição)

O tipo USVString nada mais é que uma diferente implementação de strings dos browsers. Ignorando a parte técnica (que pode ser consultada na documentação), é basicamente o tipo primitivo string do JavaScript. Desse modo, é o tipo que deve ser utilizado quando, por exemplo, precisa-se enviar conteúdo em formato application/json.

Um exemplo:

fetch('https://path.to/resource', {
  method: 'POST',
  body: JSON.stringify({
    field1: 'Value1',
    fieldN: 'ValueN'
  }),
  headers: {
    'Content-Type': 'application/json'
  }
})
  .then(...)
  .catch(...);

Note que o JSON.stringify retorna o primitivo string do JavaScript. Antes da requisição ser executada, a implementação converterá o tipo string do JavaScript para o USVString.

Observe que como passar uma string para a propriedade body é ambíguo (pode representar diversos tipos de Content-Type diferentes), o navegador não tem como inferir esse cabeçalho corretamente. Desse modo, supondo que queremos fazer uma requisição cujo body é do tipo application/json, precisamos fornecer o cabeçalho explicitamente.

0

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.