2

Ola, Tudo bem?

A pouco tempo aprendi a utilizar o Docker e decidi por em pratica o uso do mysql e do adminer, com o seguinte docker-compose eu já tinha os contêineres de pé.

version: '3.5'

services:

  database:
    image: mysql
    ports:
      - '3306:3036'

    environment:
      MYSQL_ROOT_PASSWORD: root
      MYSQL_DATABASE: smartMoft
      MYSQL_USER: root
      MYSQL_PASSWORD: root

    volumes:
      - './data:/var/lib/mysql'

  adminer:
    image: adminer
    ports: 
      - '8080:8080'

Ao acessar a url do adminer eu tinha acesso a sua bela interface e os bancos de dados do mysql, e utilizando o docker exec -it ... eu conseguia acessar o mysql

Entretanto, ao tentar fazer a conexão no nodeJS ele apenas retornava um erro: timeout.

const connection = mysql.createConnection({
    host: '172.18.0.2',
    port: 3306,
    user: 'root',
    password: 'root',
    database: 'smartMoft',
})

Retorno:

Error: connect ETIMEDOUT
    at Connection._handleConnectTimeout (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\Connection.js:409:13)
    at Object.onceWrapper (node:events:435:28)
    at Socket.emit (node:events:329:20)
    at Socket._onTimeout (node:net:470:8)
    at listOnTimeout (node:internal/timers:556:17)
    at processTimers (node:internal/timers:499:7)
    --------------------
    at Protocol._enqueue (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\protocol\Protocol.js:144:48)
    at Protocol.handshake (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\protocol\Protocol.js:51:23)
    at Connection.connect (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\Connection.js:116:18)
    at execQuery (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\db\configDB.js:12:16) 
    at C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\src\routes.js:10:24
    at Layer.handle [as handle_request] (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\layer.js:95:5)
    at next (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\route.js:137:13)
    at Route.dispatch (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\route.js:112:3)
    at Layer.handle [as handle_request] (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\layer.js:95:5)
    at C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\index.js:281:22 {
  errorno: 'ETIMEDOUT',
  code: 'ETIMEDOUT',
  syscall: 'connect',
  fatal: true
}

Vale ressaltar que no campo host o endereço foi retirado de um docker inspect ... e que foi testado tanto os ips do mysql, adminer e "localhost", todos sem exito

Vale ressaltar também, que ao utilizar o localhost como host, ele nem timeout dá, mas sim um erro

Error: Connection lost: The server closed the connection.
    at Protocol.end (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\protocol\Protocol.js:112:13)
    at Socket.<anonymous> (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\Connection.js:94:28)
    at Socket.<anonymous> (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\Connection.js:526:10)
    at Socket.emit (node:events:341:22)
    at endReadableNT (node:internal/streams/readable:1294:12)
    at processTicksAndRejections (node:internal/process/task_queues:80:21)
    --------------------
    at Protocol._enqueue (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\protocol\Protocol.js:144:48)
    at Protocol.handshake (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\protocol\Protocol.js:51:23)
    at Connection.connect (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\mysql\lib\Connection.js:116:18)
    at execQuery (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\db\configDB.js:12:16) 
    at C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\src\routes.js:10:24
    at Layer.handle [as handle_request] (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\layer.js:95:5)
    at next (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\route.js:137:13)
    at Route.dispatch (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\route.js:112:3)
    at Layer.handle [as handle_request] (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\layer.js:95:5)
    at C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\estudandoDocker\backend\node_modules\express\lib\router\index.js:281:22 {
  fatal: true,
  code: 'PROTOCOL_CONNECTION_LOST'
}

Eu ainda tive a ideia de utilizar o beekeeper(Gerenciador de banco de dados), só por via das duvidas, e o mesmo erro era apresentado.

O que mais me intriga, é o fato das credenciais que funcionam no adminer, não funcionarem no beekeeper ou no Node.

A mesma coisa aconteceu quando migrei do mysql para o mongoDB para testar se era algum problema no mysql, utilizei o seguinte código para fazer a conexão:

mongoose.connect('mongodb://root:root@172.19.0.2:27017/smartMoft?authSource=admin', {useNewUrlParser: true}, (err, client) =>{
    if(err) throw err

    console.log(client)
})

E o mesmo retornou esse erro apos alguns segundos de espera.

aprendendoRedux\api\node_modules\mongoose\lib\helpers\promiseOrCallback.js:19
            throw error;
            ^

MongoNetworkError: failed to connect to server [172.19.0.2:27017] 
on first connect [MongoNetworkTimeoutError: connection timed out  
    at connectionFailureError (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\connection\connect.js:342:14)
    at Socket.<anonymous> (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\connection\connect.js:310:16)
    at Object.onceWrapper (node:events:435:28)
    at Socket.emit (node:events:329:20)
    at Socket._onTimeout (node:net:470:8)
    at listOnTimeout (node:internal/timers:556:17)
    at processTimers (node:internal/timers:499:7)]
    at Pool.<anonymous> (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\topologies\server.js:438:11)
    at Pool.emit (node:events:329:20)
    at C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\connection\pool.js:562:14
    at C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\connection\pool.js:995:11
    at C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\connection\connect.js:32:7
    at callback (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\connection\connect.js:280:5)  
    at Socket.<anonymous> (C:\Users\sffmo\Desktop\www\Treinos\aprendendoRedux\api\node_modules\mongodb\lib\core\connection\connect.js:310:7)
    at Object.onceWrapper (node:events:435:28)
    at Socket.emit (node:events:329:20)
    at Socket._onTimeout (node:net:470:8)
    at listOnTimeout (node:internal/timers:556:17)
    at processTimers (node:internal/timers:499:7)

Entretanto, funcionava acessar o mongo-express e utilizar de suas credenciais para acessar o banco de dados.

Segue o docker-compose.yml, o mesmo esta na pagina do mongodb no dockerHub.

version: '3.1'

services:

  mongo:
    image: mongo
    restart: always
    environment:
      MONGO_INITDB_ROOT_USERNAME: root
      MONGO_INITDB_ROOT_PASSWORD: root

  mongo-express:
    image: mongo-express
    restart: always
    ports:
      - 8081:8081
    environment:
      ME_CONFIG_MONGODB_ADMINUSERNAME: root
      ME_CONFIG_MONGODB_ADMINPASSWORD: root

Sem duvida é um dos problemas mais "problemáticos" que eu já tive na área, e até já tentei pesquisar no google, mas pouquíssimos resultados batiam com minha situação e o resto não resolvia o problema.

Observações: Estou utilizando root no user e password tanto no mysql quanto no mongodb. Estou utilizando o Windows 10. Inicialmente eu utilizava o dockerfile para criar a imagem e comandos como docker run para criar o container, mas o mesmo erro era apresentado. Estou utilizando o Docker desktop

Peço a ajuda de vocês para solucionar esse erro enfadonho que não me abandona

1
  • "ao tentar fazer a conexão no nodeJS ele apenas retornava um erro: timeout" onde está a aplicação em node, no mesmo container, outro container, ou no localhost? – Ricardo Pontual 1/02 às 14:19

2 Respostas 2

0

Vamos lá, acho que não vou ter a resposta correta... mas tenho algumas sugestões.

A pouco tempo aprendi a utilizar o Docker e decidi por em pratica o uso do mysql e do adminer, com o seguinte docker-compose eu já tinha os contêineres de pé.

Quando vocẽ diz que já tinha os conteiners de pé, você está dizendo que já possuía ambos rodando, mas queria ter eles rodando usando o docker-compose ?.

Então digamos que esse seja de fato o caso. O que pode ter acontecido é conflito entre portas pois você já tinha um contêiner mongo rodando na porta 8081 ao instanciar outro pelo docker-compose, o uso da porta 8081 entrou em conflito, assim a porta permance ocupada.

Descartando esse primeiro caso, pois nas observações você diz que já estava criando os containers com o Dockerfile e usando o docker run para executa-los.

Vamos lá, primeiro verifique se o contêiner permanece rodando após o docker run, usando o comando:

docker ps

As vezes dependendo dos argumentos passado no comando run, o contêiner acabe morrendo/finalizando, eu acredito que continue rodando pois você consegue acessar eles usando o comando exec, mas no caso do docker-compose você consegue acessar eles, seguindo os passos anteriores, vamos verificar se os serviços certos estão rodando, caso sim você pode acessar usando o comando exec, veja abaixo:

docker-compose ps
docker-compose exec nome_do_servico bash

Seguindo para sugestões:

No caso você não está especificando um network_mode para ambos os serviços (mongo e mongo_express), sendo assim o contêiner vai ter ip proprio da sub-rede docker.

Tente subir os contêineres usando a rede do próprio computador, adicione o seguinte trecho abaixo de cada serviço, por exemplo:

mongo:
    image: mongo
    network_mode: host

vale lembrar que setando os containers para usar a rede "localhost" não é necessário fazer o encaminhamento de portas, pois como já dito ele não vai estar usando a sub-rede docker e sim a rede local do próprio computador.

O que leva a uma outra sugestão, será que por algum motivo o windows está bloqueando as portas do contêineres, nesse sentindo seria legal verificar o firewall.

0

Docker não foi pensado para você lidar com os IP's dele (embora tenha esse recurso para casos bem peculiares, esse não é teu cenário).

Os IP's dos containers foram projetados para serem dinâmicos, e pior, para serem múltiplos. Ou seja, 2 instâncias de uma aplicação, significa 2 ip's, se são 100 instancias, 100 ip's...

Assim, a forma certa de fazer isso, pela ótica do docker é usar a resolução de nomes interna do docker. As redes docker possuem RESOLUÇÃO DE NOMES (DNS) interno. Basta 2 containers na mesma rede para que essa mágica funcione. Mas não serve usar as redes default, vc tem de criar uma rede nova (não me pergunte o motivo, nunca ficou claro), mas está na doc.

Então você VAI TER de criar uma rede (bridge ou overlay), depois usar essa rede nos 2 containers. Pronto, agora eles se falam pelo nome do container. No docker compose o nome a ser usado é o nome do serviço.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.