1

Estou aplicando o passo a passo do livro "Node.js, aplicações real-time" do Caio Ribeiro Pereira. Tudo bem até a parte de compartilhar a express-session do HTTP para o socket.io.

Até onde vejo não tem nada errado, mas quando tento ligar o server, aparece isso:

inserir a descrição da imagem aqui

O server liga e da pra navegar pela aplicação mas cai assim que tento entrar na rota do chat.

inserir a descrição da imagem aqui

Aqui está o meu código referente ao erro da primeira imagem

io.set(function(socket, next) {
    var data = socket.request;
    cookieSec(data, {}, function(err) {
        var sessionID = data.signedCookies[KEY];
        SesMemStore.get(sessionID, function(err, session) {
            if (err || !session) {
                return next(new Error('acesso negado'));
            } else {
                socket.handshake.session = session;
                return next();
            }
        });
    });
});

Seria algum problema de atualização do express ou do socket.io?

  • 1
    Quanto ao segundo erro, voce esta tentenado enviar as headers depois do conteudo, o que é impossivel pelo HTTP. Quanto ao socket.io / express informe que versao esta usando para podermos saber. – Olimon F. 21/01/15 às 9:15
  • ^1.2.1 é a versão do meu socket.io. Quanto ao header atrasado, por que isso está ocorrendo já que é um processo que normalmente não é manipulável? – ropbla9 21/01/15 às 14:48
  • @OlimonF. esqueci de te marcar – ropbla9 21/01/15 às 17:38
1

Creio que essa API do socket.io está deprecada. A solução seria mudar seu uso do método Server.prototype.set pelo Server.prototype.use, que vai plantar um middleware como aqueles do express.

Há uma versão atualizada dos exemplos do livro do Caio Ribeiro Pereira. Acho que esse exemplo demostra o que você está tentando fazer, usando Server.prototype.use:

Encontrei um artigo do socket.io explicando as diferenças desde a versão 0.9, especificamente no que diz respeito a autenticação, sugiro que dê uma olhada aqui.

O seu código deve funcionar com essa pequena mudança de set para use:

io.use(function(socket, next) {
  var data = socket.request;
  cookieSec(data, {}, function(err) {
    var sessionID = data.signedCookies[KEY];
    SesMemStore.get(sessionID, function(err, session) {
        if (err || !session) {
            return next(new Error('acesso negado'));
        } else {
            socket.handshake.session = session;
            return next();
        }
    });
  });
});

Da documentação do socket.io, traduzida livremente para o português:

Namespace#use(fn:Function):Namespace

Registra um middleware; uma função que é executada para toda conexão (Socket) que chega e recebe como parâmetros o socket e uma função para opcionalmente passar a executar o próximo middleware registrado.

Aqui, Namespace#use(fn:Function):Namespace, significa que isso é um método sobre a classe Namespace, que recebe uma função como argumento e retorna um Namespace, para chaining. É o padrão de retornar o this para poder encadear métodos (outro exemplo seria o superagent: request.get(url).query(query).end(fn);).

Isso pode parecer confuso, porque o objeto io no seu código é uma instância da classe Server, não da classe Namespace. A ideia é que você pode criar vários objetos Namespace, exatamente como você pode criar vários objetos Router no express 4, cada um com o seu próprio conjunto de handlers e middlewares.

Por padrão, Server.prototype.use vai chamar Namespace.prototype.use sobre o Namespace padrão, que maneja as conexões à /. Isso é similar à relação entre o Application e o Router do express.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.