0

Gostaria de transformar uma lista nomeada para um data.frame (ou tibble) em que o nome do objeto na lista se torne uma observação no data.frame

O exemplo de lista que tenho é este:

mylist <- list(a_palette = c("#2A363B", "#019875", "#99B898", "#FECEA8", 
"#FF847C", "#E84A5F", "#C0392B", "#96281B"), ppalette = c("#F7DC05", 
"#3d98d3", "#EC0B88", "#5e35b1", "#f9791e", "#3dd378", "#c6c6c6", 
"#444444"), bpalette = c("#c62828", "#f44336", "#9c27b0", "#673ab7", 
"#3f51b5", "#2196f3", "#29b6f6", "#006064", "#009688", "#4caf50", 
"#8bc34a", "#ffeb3b", "#ff9800", "#795548", "#9e9e9e", "#607d8b"))

Gostaria de obter como resultado dados como este:

dt <- tibble(palette = c("a_palette", "ppalette", "bpalette"),
       hex = c('"#2A363B", "#019875", "#99B898", "#FECEA8", 
"#FF847C", "#E84A5F", "#C0392B", "#96281B"', '"#F7DC05", 
"#3d98d3", "#EC0B88", "#5e35b1", "#f9791e", "#3dd378", "#c6c6c6", 
"#444444"', '"#c62828", "#f44336", "#9c27b0", "#673ab7", 
"#3f51b5", "#2196f3", "#29b6f6", "#006064", "#009688", "#4caf50", 
"#8bc34a", "#ffeb3b", "#ff9800", "#795548", "#9e9e9e", "#607d8b"'))

head(dt)

# A tibble: 3 x 2
  palette   hex                                   
  <chr>     <chr>                                 
1 a_palette "\"#2A363B\", \"#019875\", \"#99B898\~
2 ppalette  "\"#F7DC05\", \n\"#3d98d3\", \"#EC0B8~
3 bpalette  "\"#c62828\", \"#f44336\", \"#9c27b0\~

Estava tentando algo com o comando stack(mylist); mas acabei sem encontrar uma saída. Alguém tem teria alguma solução?

1 Resposta 1

2

Como quer os códigos hexa cotados, precisa de um pouco de manipulação de strings:

dt <- data.frame(
  palette = names(mylist),
  hex = Reduce(rbind,
               sub("$", "'", sub("^", "'",
                   lapply(mylist, paste, collapse = "', '")))),
  row.names = 1:length(names(mylist))
)

Mas se é para armazenar as paletas em um objeto, manter como lista pode ser mais prático.

  • Obrigado por comentar. Mas, nessa solução não tenho a coluna "hex". – r_rabbit 18/09 às 19:26
  • Editei a resposta, veja se é isso que precisa. – Carlos Eduardo Lagosta 18/09 às 20:03
  • Obrigado, Carlos, era isso que eu estava tentando. Tem umas operações aí que nem imaginei. Como disse, pode até ser mais fácil trabalhar com listas, mas tenho pouca prática com elas, por isso, para mim, melhor usar data.frame. Valeu! – r_rabbit 18/09 às 21:12
  • data.frame é um caso especial de lista, o acesso de elementos nomeados é igual: mylist$bpalette ou mylist[["bpalette"]] – Carlos Eduardo Lagosta 19/09 às 11:55

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.