0

Estou criando uma função com um .fetch pra pegar dados do openweathermap.org, que por definição retorna em fahrenheit. É aceitável do ponto de vista Clean Code, que diz que a função deve fazer apenas uma coisa e ter poucas linhas, fazer um bloco If-Else pra controlar isso OU é mais apropriado fazer outra função com uma flag e que retorne a url no formado desejado e usa-la na requestCurrentWeather()? Abaixo um exemplo de como fica a extensa função com If-Else.

let flagUnitsFormat= true;

const requestCurrentWeather = cityName => {
let URL_CURRENT_WEATHER = `http://api.openweathermap.org/data/2.5/weather?q=${cityName}&appid=${keyApiCurrent}`
    if(flagUnitsFormat) {
        fetch(`${URL_CURRENT_WEATHER}&units=metric`, {method:'get'})
        .then(response => {
            response.json()
            .then(result => { console.log(result)});
        })
        .catch((error) => { console.error(error); });
    } else {
        fetch(URL_CURRENT_WEATHER, {method:'get'})
        .then(response => {
            response.json()
            .then(result => { console.log(result)});
        })
        .catch((error) => { console.error(error); });
    }
}

2 Respostas 2

1

Não tem receita de bolo pronto. Criar uma função separada só para adicionar os argumentos na sua URL torna o seu código mais legível? Torna-o mais reutilizável? Tente entender qual a motivação para seguir a regra ao invés de simplesmente segui-la cegamente, talvez ela nem faça sentido no seu contexto.

O que eu vejo no seu código que faria sentido, seria evitar escrever a mesma lógica do fetch duas vezes. Esse também é um dos princípios da programação conhecido como DRY. Ao invés de usar um if/else para executar a requisição com ou sem os argumentos adicionais, eu utilizaria uma condição lógica apenas para gerar a URL de destino. Talvez você nem precise de uma condição lógica.

Exemplo:

let URL_CURRENT_WEATHER = `http://api.openweathermap.org/data/2.5/weather?q=${cityName}&appid=${keyApiCurrent}`
if (flagUnitsFormat) {
    URL_CURRENT_WEATHER += '&units=metric'
}

Mas talvez você queira tornar a sua função mais flexível, para poder enviar mais argumentos além de units. Sua função pode ser refatorada de diversas maneiras para se tornar mais robusta, se fizer sentido, eu pessoalmente receberia os argumentos da URL como parâmetro, e as concatenaria na URL

function requestCurrentWeather(cityName, args = {}) {
    let url = `http://api.openweathermap.org/data/2.5/weather?q=${cityName}&appid=${keyApiCurrent}`
    url += Object.keys(args).map(k => `&${k}=${args[k]}`).join('')

E é claro, a função também pode ser async para poder resolver promises de forma imperativa. Mas se tudo isso é em busca de código limpo, então o resultado final sempre é um pouco subjetivo, e cabe a você jugar se isso é apropriado para o seu código

async function requestCurrentWeather(cityName, args = {}) {
    const url = `http://api.openweathermap.org/data/2.5/weather?q=${cityName}&appid=${keyApiCurrent}`
    const query = Object.keys(args).map(k => `&${k}=${args[k]}`).join('')

    const response = await fetch(url + query).then(r => r.json())
    console.log(response)
}

// exemplo de utilização:
requestCurrentWeather('curitiba', { units: 'metric' })
  • Segui teu conselho do primeiro exemplo e achei o resultado bastante satisfatório. A função ficou pequena e cumpre bem o propósito. – F-Sampaio 3/09 às 0:52
0

A resposta do @user204221 já diz bem sobre o conceito subjetivo de como deixar o código. Eu nem entraria tanto nesse conceito porque no seu caso é um simples if o problema.

Vamos pensar diferente, por que precisa de um if? Porque dependendo do "flagUnitsFormat" eu preciso passar isso na URL.

Se a resposta for só essa, poderia apenas montar a URL com um condicional, porque o resto do código é igual, poderia simplificar dessa forma:

var url = flagUnitsFormat
   ? `${URL_CURRENT_WEATHER}&units=metric`
   : URL_CURRENT_WEATHER;

fetch(url, {method:'get'})
   .then(response => {
         response.json()
   .then(result => { console.log(result)});

É apenas uma sugestão, mas veja que reforça a ideia da outra resposta, depende do ponto de vista, mas sempre pense mais simples: preciso de if? como removo esse código duplicado?

Às vezes depois de responder isso, o código já vai estar bom :)

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.