2

Por exemplo:

numero <- 516481

como posso transformar cada algarismo desse número em um elemento de um vetor, para poder acessá-los por index? Pois se numero fosse um vetor com cada elemento sendo um algarismo eu teria:

> print(numero)
[1] 5 1 5 4 8 1

E se quisesse acessar o número 8, por exemplo, bastaria lhe requisitar pela sua posição:

> numero[5]
[1] 8

Como estou lidando com números de 80 dígitos, fazer à mão com a função concatenar c(5,1,6,4,8,1) é inviável. Saibam que meu objetivo maior é poder acessar os números por índice, mesmo que não seja através de um vetor.

4

Pode converter para caracter e usar strsplit, convertendo depois de volta para número:

numero <- 516481*10^9

algarismos <- as.integer(strsplit(as.character(format(numero, scientific = FALSE)), "")[[1]])

> algarismos
[1] 5 1 6 4 8 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0

strsplit retorna uma lista; o [[1]] indica para pegar o primeiro (e único, no caso) elemento e retorná-lo como vetor.

format(numero, scientific = FALSE) evita erro por uso de notação científica ao converter para caractere.

4
  • Carlos, seu método funciona muito bem com números de poucos algarismos, mas a coisa fica caótica com números grandes. Atribuindo numero <- 1111111111111111111111111111111111 seguido de algarismos <- as.integer(strsplit(as.character(numero), "")[[1]]) já percebe-se que algo saiu errado pela mensagem Warning message: NAs introduzidos por coerção do console. E, ao pedir para ver o conteúdo de algarismos, com > algarismos o console me retorna [1] 1 NA 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 NA NA 3 3 Perceba que não só NAs foram introduzidos como algarismos 3 que nunca existiram
    – yoyo
    30/07/20 às 0:50
  • E mais, a saída não contém a quantidade de itens que deveria. numero possuia cerca de 30 algarismos e o vetor algarismos não tem nem 20 itens Alguma ideia do motivo de isso acontecer?
    – yoyo
    30/07/20 às 0:53
  • Atualizando: retirando o pedido as.integer para conversão em inteiro, temos: algarismos <- strsplit(as.character(numero), "")[[1]] e algarismos fica com o conteúdo: [1] "1" "." "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "1" "e" "+" "3" "3" agora está claro de onde os NAs vieram, aparentemente o R salva números muito grandes na forma de potência, o que acaba sendo um problema nessa situação.
    – yoyo
    30/07/20 às 1:01
  • 1
    Veja a ajuda para as.character, é só usar format. Atualizei a resposta para incluir essa opção. 30/07/20 às 3:02

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.