0

No caso abaixo, faz sentido chamar super() na classe B_Class haja visto que a variável a de A_Class é privada? Seria mais viável não utilizar o construtor da classe mãe?

Compilar esse código acusa erro no método return_number da B_Class dizendo que a é privada na classe mãe.

public class A_Class {
    private int a;

    A_Class(int num){
        this.a = a;
    }
}

public class B_Class extends A_Class {
    B_Class(int num){
        super(num);
    }

    public int return_number(){
        return this.a;
    }
}
1
  • A resposta resolveu sua dúvida? Acha que pode aceitá-la? Veja o tour se não souber como faz. Isso ajudaria muito indicar que a solução foi útil para você. Também pode votar em qualquer pergunta ou resposta que achar útil no site todo.
    – Maniero
    26/06/2020 às 21:39

1 Resposta 1

2

O código não faz muito sentido, começando por this.a = a está fazendo nada útil, está atribuindo uma variável por ela mesma. Pra fazer isso não precisa de construtor.

Se não tem o construtor ali, então não tem porque ter outro construtor na classe estendida, a não ser por um motivo específico.

Essa é uma questão, talvez ajude ler Para que serve um construtor?.

O erro apresentado é diferente disso tudo e não há relação entre eles.

Está tentando acessar um campo que não existe na classe derivada e por isso não pode ser acessada. Se deseja que esse campo possa ser acessado na classe derivada então o campo na base deve ser no mínimo protected.

Um campo declarado como privado só é acessível na classe onde foi declarado, é detalhe de implementação dele, a classe derivada não tem acesso a ele. Claro que o objeto terá esse campo para as operações da classe base, mas não para as operações da classe derivada. A não ser de forma indireta, este código parece fazer mais sentido, ainda que mantenha o artificialismo e só dê para demonstrar o mecanismo e não OOP:

class Main {
    public static void main (String[] args) {
        var b = new B(5);
        System.out.println(b.getA());
    }
}
class A {
    private int a;

    A(int num) {
        a = num;
    }
    public int getA() {
        return a;
    }
}

class B extends A {
    B(int num) {
        super(num);
    }
    @Override
    public int getA() {
        return super.getA();
    }
}

Veja funcionando no ideone. E no repl.it. Também coloquei no GitHub para referência futura.

Não trate isso como um bom modelo. Quando está programando orientado a objeto é preciso saber o que é o problema e o que é necessário. Artificialmente esses projetos sempre saem errado, porque mudando um pequeno detalhe todo o código pode não ser válido mais.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.