12

Qual é a diferença entre declarar constantes com define() ou com const.

Seria a mesma coisa ou tem algum detalhe que eu deveria saber?

define('TESTE', 'constante 1');
const TESTE2 = 'constante 2';

echo TESTE . '<br>' . TESTE2;
10

Ambas podem ser usadas para definir constantes globais para a aplicação.

  • const define a constante em tempo de compilação, que costuma ser bem melhor.

    Também pode ser usada para definir contantes com escopo de classe, que também é bem melhor.

    Como não é possível definí-la em tempo de execução, ela não pode ser criada condicionalmente como é possível com define. Há uma técnica de programação (ruim, na minha opinião) que se beneficia da existência ou não de constantes.

    Obviamente algumas expressões não são possíveis na definição de uma const, apenas o que pode ser resolvido em tempo de compilação.

    Como o nome de uma const deve ser defino em tempo de compilação, o nome não pode ser gerado à partir de alguma expressão.

    O nome é sensível à caixa já que é um símbolo da linguagem.

    É mais rápido acessar uma constante real que um elemento de um dicionário.

    É elegante, é como outras linguagens fazem, parece o certo, é mais legível, provoca menos confusão.

  • define define a constante em tempo de execução. No fundo ele cria uma chave em um dicionário para armazenar um valor.

Sempre que possível eu prefiro const. E para falar a verdade sempre é possível. Pra mim define ficou como legado. Só na versão 5.3 do PHP const pode ser usado para definir constantes globais. Mas como o ideal é não definir nada global, sem pelo menos ter um escopo, já não fazia diferença.

Documentação de const e define.

  • Interessante! Já ia fazer essa pergunta. Vejo muitos projetos, para versões recentes do PHP, com um monte de chamada para define. Creio que fica até melhor para organização do código – Wallace Maxters 19/06/15 às 11:54
6

Isso foi respondido nesta pergunta aqui: https://stackoverflow.com/questions/2447791/define-vs-const

Mas o geral mesmo é que até o PHP 5.3 você não podia usar o const dentro do escopo global, ele era restrito para escopos de objetos (uma classe por exemplo). Ele servia para definir uma variável constante local dentro do escopo deste objeto.

O define tem o mesmo propósito, mas ele só pode ser usado em escopo global, e o uso dele deve ser apenas para setar configurações globais que vão afetar a aplicação como um todo.

Os exemplos de const e define variam bastante, por exemplo, o const pode ser usado dentro de uma classe matemática para armazenar o valor de um número pi, por exemplo, já que ela só será alocada quando o código compilar.

Já o define pode ser usado para setar um parâmetro global da aplicação, um skin por exemplo, ou alguma configuração do sistema que precise ser lida por todo o código. Já que ela é criada em tempo de execução você não terá problemas se o código não passar por aquela parte.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.