5

É uma pergunta simples imagino, estou começando meu estudos em JavaScript e gostaria de saber como pegar a data do computador (ano, mês, dia, hora, minuto e segundo).

Além disso, a data já vem com fuso-horário? Se não, como posso converter?

4
7

Você pode usar Date, mas como você mencionou uma preocupação com o fuso horário, há alguns detalhes a se atentar.

Ao contrário do que afirmou a outra resposta, um Date não vem no fuso horário que o dispositivo está configurado. Na verdade, o Date não tem informação nenhuma sobre o fuso horário (veja mais detalhes na especificação da linguagem).

Conforme explicado aqui, o Date na verdade representa um timestamp: a quantidade de milissegundos decorrida desde o Unix Epoch (que por sua vez equivale a 1970-01-01T00:00Z - 1 de janeiro de 1970 à meia-noite, em UTC).

Ou seja, o Date representa um instante único, um ponto na linha do tempo. Pense no "agora": neste exato momento, que dia é hoje e que horas são? Em cada parte do mundo, a resposta será diferente (em algumas partes do mundo, é 10 de junho, em outras pode ser dia 9 ou 11, e o horário também será diferente). Apesar da data e hora serem diferentes, o instante (o valor do timestamp) é o mesmo para todos. E o Date só guarda a informação do timestamp.

Quando você imprime a data (via alert ou console.log) ou quando obtém informações dela (seja via os getters ou toString()), este timestamp é convertido para o fuso horário que está configurado no ambiente onde o código está rodando. Ou seja, o Date usa a configuração do fuso horário para converter o timestamp para os valores corretos de data e hora. Mas o Date "não vem" com o fuso horário. É uma diferença sutil, porém importante, para entender como usá-lo.

Para ilustrar melhor, fiz o seguinte teste no Chrome, rodando no Windows (o comportamento pode não ser o mesmo em outros browsers e/ou sistemas operacionais):

  • abra o console (pressione F12)

  • crie uma data e imprima:

      let d = new Date();
      console.log(d);
    
  • o resultado mostrará a data e hora atual, no fuso horário que está configurado no Windows

  • entre nas configurações do Windows e mude o fuso horário (de preferência para lugares "distantes", como Europa ou Ásia, para que a diferença seja mais nítida)

  • volte para o console do Chrome e só imprima a data novamente (sem criar uma nova): console.log(d)

  • será mostrada a data e hora atual no novo fuso horário

Isso tudo sem mudar o objeto Date. Se ele "já viesse" com o fuso horário, a alteração no ambiente não afetaria a saída. Mas o Date não guarda a informação do fuso horário, ele só usa o fuso que está configurado no ambiente, em determinados momentos (por exemplo, quando a data é impressa no console), para converter o timestamp para os respectivos valores de data e hora.

Já testando no Firefox, o comportamento foi diferente: ele carrega o fuso horário do SO no momento em que se inicia e depois não atualiza mais. Ou seja, eu crio uma data e ela é mostrada no fuso que está configurado. Se eu mudar o fuso, não adianta nem criar novas instâncias de Date, que elas serão mostradas no fuso que estava configurado no momento em que o browser foi iniciado (e só reiniciando o browser para ele pegar a nova configuração).


E isso porque só testamos em 2 browsers diferentes. Mas se testarmos no Node, por exemplo, é possível sobrescrever o fuso horário de várias maneiras:

  • no Linux, você pode setar a variável de ambiente TZ na linha de comando:

      TZ=Asia/Tokyo node teste.js 
    
  • ou no próprio arquivo JS, mudar o process.env.TZ. Ex: process.env.TZ = 'Asia/Tokyo' - isso sobrescreve a variável TZ e qualquer configuração do SO.

Por exemplo, o código abaixo:

d = new Date();

process.env.TZ = 'Europe/Berlin';
console.log(d.toString());
console.log(d.getHours());

process.env.TZ = 'Pacific/Apia';
console.log(d.toString());
console.log(d.getHours());

Rodando no Node (a partir da versão 13, se não me engano, pois antes só funcionava se a variável fosse setada no início do script, e mudanças no meio do script não eram efetivadas), a saída é (rodando às 09:06 do dia 10/06/2020, Horário de Brasília):

Wed Jun 10 2020 14:06:18 GMT+0200 (Central European Summer Time)
14
Thu Jun 11 2020 01:06:18 GMT+1300 (Apia Standard Time)
1

Obs: o código acima foi testado no Linux, pois setar process.env.TZ não funcionou no Node do Windows

Ou seja, o mesmo objeto Date resulta em datas e horas diferentes, dependendo do fuso horário que está configurado no momento em que toString() e getHours() são chamados. Se o Date "já viesse" com o fuso horário, ele não seria afetado por esta mudança de configuração.


Se quer que a data e hora sejam específicas de um fuso horário, independente da configuração do ambiente, infelizmente o JavaScript não fornece muitas alternativas. O máximo que temos é toLocaleString, que pode receber um timezone:

d.toLocaleString('en', { timeZone: 'America/Sao_Paulo' });

Assim, a data e hora sempre levarão em conta o timezone indicado, independente do que estiver configurado no ambiente. Mas o problema é que o formato sempre será dependente do locale (o primeiro parâmetro, que você pode trocar de en para pt-BR, por exemplo, se quiser o formato de datas brasileiro). Mas se você quiser somente o dia, ou somente a hora, não adianta usar os getters, pois eles estão limitados ao fuso configurado no ambiente.

Outra alternativa é usar uma biblioteca externa, como por exemplo o Moment.js. Para trabalhar com fusos horários, você também vai precisar do Moment Timezone. Assim, você pode criar datas referentes a qualquer timezone, sem ser afetado pela configuração do ambiente. Em Node, por exemplo, ficaria assim:

let moment = require('moment-timezone');
let d = moment.tz('America/Sao_Paulo');

// mudar a configuração de timezone não afeta o Moment
process.env.TZ = 'Europe/Berlin';
console.log(d.format());
console.log(d.hour());

// mudar a configuração de timezone não afeta o Moment
process.env.TZ = 'Pacific/Apia';
console.log(d.format());
console.log(d.hour());

// converter para outro timezone
d.tz('Europe/Berlin');
console.log(d.format());
console.log(d.hour());

Assim, o moment criado preserva a informação do timezone (ele sim "já vem" com o timezone que é informado no momento em que é construído), e as alterações no ambiente não afetam a sua data e hora. Somente ao fazer uma conversão explícita para outro timezone, os valores de data e hora são atualizados. A saída do código acima é (rodado às 09:16 do dia 10/06/2020, Horário de Brasília):

2020-06-10T09:16:18-03:00
9
2020-06-10T09:16:18-03:00
9
2020-06-10T14:16:18+02:00
14

Se quiser usar o timezone configurado no ambiente, basta chamar moment.tz() sem parâmetros. Também dá para obter o possível timezone do ambiente usando moment.tz.guess() (sim, o nome é esse mesmo, "adivinhar" - leia o link da documentação para entender porque nem sempre é possível ter certeza e por isso ele tenta adivinhar o timezone do ambiente).

E se você precisar do Date, é possível converter, fazendo d.toDate() - só lembrando que, como isso retorna um Date, toda a informação do timezone é perdida.


Vale lembrar ainda que a outra afirmação feita na resposta já citada também não é 100% verdade: o fato de que o Horário de Brasília sempre estará 3 horas atrás de UTC. Isso vale a maior parte do tempo, mas durante o horário de verão, ele muda de UTC-3 para UTC-2. Tudo bem que atualmente (2020) não temos horário de verão no Brasil, mas como ele é definido pelo governo e políticos mudam de ideia a toda hora (nem sempre com motivações técnicas), nada garante que não voltará no futuro. Então não conte com isso (que sempre será -3).

Essa é outra vantagem de usar uma API dedicada como o Moment.js, pois ela possui todo o histórico de alterações, e ao usar timezones como America/Sao_Paulo, ela sempre buscará os valores corretos (desde que esteja atualizada, claro, pois como já disse, esses dados mudam o tempo todo). Claro que se o seu sistema estiver atualizado, o browser também terá as informações corretas ao exibir a data. Usar uma lib externa depende mais do que você precisa (se não quer depender das configurações do ambiente, por exemplo, pode valer a pena).

De qualquer forma, perceba que "pegar a data do computador" já não parece mais tão simples quanto você imaginava. A própria "data do computador" depende do que está configurado no SO, e mesmo assim vimos que é possível sobrescrever essa configuração. Tudo depende do que você precisa, mas de qualquer forma as alternativas estão aí, escolha a que for mais adequada para o seu caso.


Veja mais sobre o assunto aqui e aqui.

1
  • 1
    Cara muito bom, explicou tudo oq precisava e até mais! Muito obrigado! Melhor explicação
    – Samuel
    10/06/20 às 17:16
4

A data já vem no fuso horário que o dispositivo está configurado. Se ele estiver configurado para o horário de Brasília, por exemplo, será UTC (Coordinated Universal Time) -3 horas.

Para pegar ano, mês, dia, hora, minuto e segundo você usa o objeto new Date():

var hoje = new Date();
var ano = hoje.getFullYear();
var mes = hoje.getMonth();
var dia = hoje.getDate();
var hora = hoje.getHours();
var minuto = hoje.getMinutes();
var segundo = hoje.getSeconds();

console.log("Ano:",ano+", Mês:",mes+", Dia:",dia+", Hora:",hora+", Minuto:",minuto+", Segundo:",segundo);

Lembrando que o valor do mês inicia em 0 (janeiro é 0, fevereiro é 1, março é 2 etc.). Se quiser pegar o valor do mês no calendário, é preciso somar +1:

var mes = hoje.getMonth()+1;
0
3

Use a função Date:

var date = new Date();

console.log(date);

para mais especificações, leia a documentação:

https://developer.mozilla.org/pt-BR/docs/Web/JavaScript/Reference/Global_Objects/Date

0

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.