3

Quando quero imprimir um número ou uma string, posso usar f-strings (em Python >= 3.6) ou str.format, e posso passar somente a variável entre chaves, ou usar as opções de formatação. Ex:

numero, texto = 10, 'abc'

# passando somente as variáveis
print(f'{numero} {texto}')
# ou
#print('{} {}'.format(numero, texto))

# usando as opções de formatação
# número alinhado à esquerda, ocupando 6 posições, texto alinhado à direita ocupando 10 posições
print(f'{numero:<6} {texto:>10}')
# ou
#print('{:<6} {:>12}'.format(numero, texto))

Saída:

10 abc
10            abc

Mas se faço o mesmo com listas ou dicionários, apenas a primeira opção funciona:

lista = [1, 2]
dic = {'a': 1}
print(f'{lista} {dic}')
# ou
#print('{} {}'.format(lista, dic))

print(f'{lista:<10} {dic:>15}')
# ou
#print('{:<10} {:>15}'.format(lista, dic))

O primeiro print imprime:

[1, 2] {'a': 1}

Mas o segundo print (com as opções de formatação <10 e >15) dá erro:

TypeError: unsupported format string passed to list.__format__

Se eu tentar a mesma coisa com uma instância de uma classe qualquer que eu criei, também ocorre a mesma coisa. Ex:

class Teste:
    def __init__(self, valor):
        self.valor = valor

    def __str__(self):
        return f'Teste({self.valor})'

t = Teste(42)
print(f't={t}')
print(f'{t:>10}')

O primeiro print imprime:

t=Teste(42)

Já o segundo print dá erro:

TypeError: unsupported format string passed to Teste.__format__

Minha pergunta não é sobre como corrigir (bastaria transformar a lista/dicionário/objeto em string - por exemplo, usando str - ou iterar pelos seus elementos/atributos e ir montando a string manualmente, etc).

O que eu quero saber é por qual motivo isso acontece. Por que não é possível usar as opções de formatação com listas, dicionários e instâncias de classes quaisquer, enquanto que se passá-los sem nenhuma opção funciona normalmente? Existe algum detalhe no funcionamento interno desses tipos que os difere de números e strings, quando estes são formatados?

1 Resposta 1

4

Quando você passa somente a variável sem nenhuma opção de formatação (print(f'{variavel}')), internamente está sendo chamado o método __str__ da mesma. Ou seja, no caso da classe Teste, como ela já tinha este método implementado:

class Teste:
    def __init__(self, valor):
        self.valor = valor

    def __str__(self):
        print('chamando __str__') # incluindo um print só para mostrar que realmente passa por aqui
        return f'Teste({self.valor})'

t = Teste(42)
print(f'{t}')

A saída será:

chamando __str__
Teste(42)

Mas na verdade o que está sendo chamado de fato é o método __format__, que segundo a documentação, é chamado ao avaliar o objeto quando este está em uma f-string, ou ao passá-lo para str.format ou ainda ao passá-lo para o built-in format.

Mas como a classe Teste não definiu o método __format__, então ela usa o que foi herdado de object. E se verificarmos a implementação do mesmo (no código fonte do CPython - versão consultada em 28/04/2020, com comentários removidos):

static PyObject *
object___format___impl(PyObject *self, PyObject *format_spec)
{
    if (PyUnicode_GET_LENGTH(format_spec) > 0) {
        PyErr_Format(PyExc_TypeError,
                     "unsupported format string passed to %.200s.__format__",
                     Py_TYPE(self)->tp_name);
        return NULL;
    }
    return PyObject_Str(self);
}

Ou seja, quando não é passada nenhuma opção de formatação (apenas {variavel}), ele não entra no if e retorna PyObject_Str(self) (e segundo a documentação, PyObject_Str(algo) é equivalente a chamar str(algo) - que por sua vez, chama algo.__str__()).

Agora se eu passar alguma opção de formatação (como por exemplo print(f'{variavel:>10}')), ele entra no if e mostra a mensagem de erro ("unsupported format string etc").

Segundo a documentação, este comportamento de lançar o TypeError caso a string de formatação não seja vazia vale desde o Python 3.4, e a chamada para str(self) vale desde o Python 3.7 (antes era chamado format(str(self), ''), conforme consta neste commit).

Ou seja, para isso funcionar na minha classe, eu teria que implementar o método __format__:

class Teste:
    def __init__(self, valor):
        self.valor = valor

    def __str__(self):
        print('chamando __str__')
        return f'Teste({self.valor})'

    def __format__(self, format_spec):
        print(f'chamando __format__ com formato: "{format_spec}"')
        return f'{self.valor:{format_spec}}'

t = Teste(42)
print(f'{t}')
print(f'{t:>10}')

Agora sim ambos os print's funcionam (e eu implementei o método __format__ de forma a não delegar para __str__, mas poderia tê-lo feito se quisesse). A saída é:

chamando __format__ com formato: ""
42
chamando __format__ com formato: ">10"
        42

E a mesma saída seria obtida se eu fizesse:

print('{}'.format(t))
print('{:>10}'.format(t))

Enfim, é por isso que as opções de formatação não funcionam com listas e dicionários, pois as respectivas classes (list e dict) não implementam o método __format__ e usam a implementação herdada de object (que delega para str quando nenhuma opção é passada, e dá erro quando as opções são usadas - por isso funciona quando faço somente print(f'{lista}')).

Infelizmente não dá para implementar __format__ em listas e dicionários, já que não é possível adicionar métodos novos nas classes nativas, então o jeito é transformá-las em strings mesmo (seja usando str, seja iterando pelos seus elementos e montando a string no formato desejado).

Já números e strings implementam o método __format__ e por isso funcionam com as opções de formatação.

E como já dito, isso não se limita à f-strings. O mesmo comportamento ocorre com str.format e o built-in format:

t = Teste(42) # usando a última versão acima, com a classe Teste implementando __format__
# ambas as linhas abaixo chamam Teste.__format__
print('{:>10}'.format(t))
print(format(t, '>10'))

lista = [1, 2]
# ambas as linhas abaixo lançam TypeError: unsupported format string passed to list.__format__
print('{:>10}'.format(lista))
print(format(lista, '>10'))

Aliás, é por isso que também é possível formatar as classes do módulo datetime desta maneira - como por exemplo f'{datetime.now():%d/%m/%Y}' - pois essas classes sobrescrevem o método __format__, delegando a chamada para strftime. Sendo assim, eu também poderia fazer algo similar com a classe Teste, e definir os formatos que eu quiser:

class Teste:
    # ... construtor, etc

    def __format__(self, format_spec):
        formatos = { # formatos customizados
          'formato_x' : f'formato x -> {self.valor}',
          'outro formato' : f'outro: {self.valor}'
        }
        if format_spec in formatos:
            return formatos[format_spec]

        return f'{self.valor:{format_spec}}'

t = Teste(42)
print(f'{t:formato_x}') # formato x -> 42
print(f'{t:outro formato}') # outro: 42
print(f'{t:>10}')

# ou
#print('{:formato_x}'.format(t))
#print('{:outro formato}'.format(t))
#print('{:>10}'.format(t))

Saída:

formato x -> 42
outro: 42
        42
  • 2
    como no C# que você sempre tem o ToString() e as pessoas acham que é um conversor para texto, o que não é bem verdade, mas se quiser algo mais específico cheio de graça deve usar o IFormattable que fornece um provedor de formatação e é o que muitas vezes a pessoa quer no lugar do ToString() puro. Falo disso em pt.stackoverflow.com/q/212754/101 e pt.stackoverflow.com/a/212797/101 – Maniero 29/04 às 16:13

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.