1

Como muitos já devem saber, criar objetos de StringBuilder podem salvar e muito o desempenho de nossas aplicações em Java, já que são muito mais rápidas do que uma String.

Isso se deve pelo fato de que a StringBuilder é mutável diferentemente da String, que cria novos objetos a cada concatenação que façamos.

A minha pergunta é: por que ainda se usa String em Java? Por que não deveríamos usar apenas a StringBuilder nas nossas aplicações?

3
  • 1
    De certa forma, lendo por cima me parece que está bem respondido aqui já: String e sua eficiência inclusive com links para aprofundar mais sobre StringBuilder e StringBuffer. – Bacco 25/04/20 às 21:29
  • Eu li essa pergunta antes de fazer a minha. Só que nessa questão ele só fala sobre o que é StringBuilder e o que é String. Eu estou a procura de algo mais aprofundado sobre se é realmente ainda útil uma String (uma comparação entre String e StringBuffer e não a definição delas). – JeanExtreme002 25/04/20 às 21:34
  • 1
    Tem uma opção, quando você oferece bônus em uma pergunta, que é de pedir resposta com mais detalhes: i.stack.imgur.com/KfMMx.png – Bacco 25/04/20 às 21:38

1 Resposta 1

6

Como muitos já devem saber, criar objetos de StringBuilder podem salvar e muito o desempenho de nossas aplicações em Java, já que são muito mais rápidas do que uma String.

Não são, teve época inclusive que SB era pior em alguns cenários, não sei quais ainda acontece isso porque esse tipo de coisa é detalhe de implementação.

Isso se deve pelo fato de que a StringBuilder é mutável diferentemente da String, que cria novos objetos a cada concatenação que façamos.

Só neste caso fica mais rápido. O nome já diz tudo, esse tipo serve só para construir uma string.

Por que ainda se usa String em Java? Por que não deveríamos usar apenas a StringBuilder nas nossas aplicações?

Porque na imensa maioria dos casos não fazemos mutações na string. E as pessoas vão começar abusar da mutabilidade de textos onde não precisa.

E porque objetos mutáveis não funcionam bem em ambiente concorrente, que é cada vez mais comum, complicaria muito toda a aplicação ter que lidar com isso.

Ainda é comum mapas (dicionários, tabelas hash) usarem strings como chave, e chaves precisam de dados imutáveis para funcionar bem (um mudança precisa reorganizar todo mapa).

Reflexão também tem problemas parecidos em alguns cenários.

E dados mutáveis não se dão bem com cache, e ainda dificultam reaproveitamento por interning.

Do ponto de vista de segurança é mais fácil fazer acesso indevido em uma string mutável.

Sem falar que o objeto stringBuilder é mais complexo internamente.

Nem entrei no mérito que não dá mais para mudar com o carro andando. A classe atual é extremamente limitada. Precisa mudar muito o que já existe para ter o mesmo poder e flexibilidade da String. E todas as APIs atuais aceitam String, não StringBuilder.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.