18

Me baseando nesta solução usada nesta resposta no SO-en eu criei um .htaccess e um PHP script

.htaccess:

RewriteEngine On

RewriteCond %{HTTP:if-modified-since} .
RewriteCond %{HTTP:if-none-match} .
RewriteRule . not_modified.php [L]

not_modified.php:

<?php
if (isset($_SERVER['REDIRECT_URL'])) {
    $file = $_SERVER['REDIRECT_URL'];
} else if (isset($_SERVER['REQUEST_URI'])) {
    $file = $_SERVER['REQUEST_URI'];
}

$last_modified_time = filemtime($file); 
$etag = md5_file($file);

header('Last-Modified: ' . gmdate('D, d M Y H:i:s', $last_modified_time) . ' GMT'); 

if (
    strtotime($_SERVER['HTTP_IF_MODIFIED_SINCE']) === $last_modified_time ||
    trim($_SERVER['HTTP_IF_NONE_MATCH']) === $etag
) {
    if (isset($_SERVER['SERVER_PROTOCOL'])) {
        header($_SERVER['SERVER_PROTOCOL'] . ' 304 Not Modified');
    } else {
        header('HTTP/1.0 304 Not Modified');
    }
}

O script verifica se houve mudanças no arquivo e se não houver então ele envia o código 304 para a resposta do cliente.

A minha questão é a seguinte, é possível fazer isto sem o uso do PHP, ou seja usando somente .htaccess?

11

Para usar da vantagem do 304 Not Modified será necessário usar o modulo mod_expires e "manipular" a regra do FileETag:

  1. mod_expires: Gera os headers HTTP Expires e Cache-Control de acordo com critérios definidos pelo usuário
  2. FileETag Directive

mod_expires

Este módulo é necessário para gerar cache e usar o 304 Not Modified, este módulo trabalha o if-modified-since e o if-none-match. Um exemplo simples para definir o cache em imagens:

 #Cache de 1 mês a partir da data de acesso do arquivo
<FilesMatch "\.(?i:ico|gif|jpe?g|png|css|js|svg)$">
   ExpiresDefault "access plus 1 mouth"
</FilesMatch>

Note que o cache é gerado a partir da data de acesso da imagem.

FileETag Directive

Quando usamos Etag ao invés de if-modified-since ele as vezes não trabalha de maneira esperada, ou seja ignora que não "houve modificações" e envia o arquivo novamente para a resposta do cliente. Além disto também de acordo com o "Yahoo! Performance Rules - EN", desabilitar os ETags podem fazer o carregamento das páginas serem mais rápidos, diminuindo o carregamento do servidor e reduzindo o tamanho da banda se o seu website estiver em múltiplos servidores.

Exemplo

Um exemplo completo do .htaccess, note que não foi necessário usar o mod_rewrite:

# Trabalha o if-modified-since com arquivos de estáticos, como images, js, css, etc
<FilesMatch "\.(?i:ico|gif|jpe?g|png|css|js|svg)$">
    # Cache para um mês
    <IfModule mod_expires.c>
        ExpiresActive On
        ExpiresDefault "access plus 1 mouth"
    </IfModule>

    # Remove Etag para previnir o uso do mesmo
    # Pois iremos trabalhar com if-modified-since e last-modifed
    FileETag None
</FilesMatch>

Leia também sobre:

  • Uma dúvida, como foi especificado os 30 dias, se o arquivo for alterado antes desse prazo.. ele continuará usar do cache? – Elaine 13/10/15 às 20:25
  • Sim @Elaine se o arquivo salvo no cache do computador/navegador da pessoa tiver a mesma data de ultima alteração então o servidor não envia o arquivo, ele emite apenas o 304 pra resposta e o navegador gera um novo cache com mais 30 dias por exemplo. – Guilherme Nascimento 13/10/15 às 20:28
  • Fiquei um pouco confusa. Se esse arquivo do lado do servidor for alterado eu ficarei com um arquivo obsoleto nos próximos acessos ao site ou será carregada a nova cópia? – Elaine 13/10/15 às 21:05
  • 2
    @Elaine será carregado quando o cache expirar, então isto vai do tipo de arquivo, você pode criar um .htaccess pra cada pasta, se é uma pasta que tem o conteúdo que altera com muita frequência então faça um tempo de cache menor, se for uma pasta que raramente o conteúdo é alterado faça um cache maior. – Guilherme Nascimento 13/10/15 às 21:33

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.