2

Olá! Minha dúvida é a seguinte, há um arquivo em que eu possuo o seguinte conteúdo: \nteste\n, porém quando eu faço a leitura do mesmo com o seguinte código:

int main(){
    FILE* file;
    file = fopen("text.txt", "r");
    char buffer[20];

    fscanf(file, "%s", buffer);

    printf("%s", buffer);
    fclose(file);

    return 0;
}

Não há quebra de linha e é exibido exatamente o conteúdo do arquivo (\nteste\n), considera \n como sendo a barra e a letra n separados. Há alguma forma de fazer ele "interpretar" a quebra de linha?
Agradeço!

  • O seu arquivo não contém quebra de linha, e sim o literal "\n". Por que? – bfavaretto 12/02/20 às 23:34
  • Porque eu desejo usar o arquivo para alimentar variáveis, cada linha sendo uma variável, entende? E elas tem conteúdo e tamanho diferentes umas das outras, se eu usar a quebra de linha literal no arquivo esse método se torna inviável – Thiago 12/02/20 às 23:41
  • 1
    Em C é a função fgets() que lê um arquivo linha a linha. fscanf() é para fazer parsing. – epx 13/02/20 às 1:16

2 Respostas 2

1

Infelizmente não existe nenhuma função na biblioteca padrão capaz de interpretar strings literais para a sua sequencia de escape equivalente.

Uma alternativa seria implementar uma função capaz de fazer isso, veja só:

#include <stdlib.h>
#include <stdio.h>
#include <string.h>

void converter( char * saida, const char * entrada )
{
    int estado = 0;
    *saida = '\0';

    while(*entrada)
    {
        if(!estado)
        {
            if(*entrada == '\\')
                estado = 1;
            else
                strncat(saida, entrada, 1);
        }
        else
        {
            switch(*entrada)
            {
                case 'a'  : strcat(saida, "\a"); break;
                case 'b'  : strcat(saida, "\b"); break;
                case 'n'  : strcat(saida, "\n"); break;
                case 't'  : strcat(saida, "\t"); break;
                case 'r'  : strcat(saida, "\r"); break;
                case 'f'  : strcat(saida, "\f"); break;
                case '\"' : strcat(saida, "\""); break;
                case '\'' : strcat(saida, "\'"); break;
                case '\\' : strcat(saida, "\\"); break;
                default: break;
            }
            estado = 0;
        }
        entrada++;
    }
}

int main(void)
{
    FILE* file;
    file = fopen("text.txt", "r");
    char buffer[100];
    char bufaux[100];

    fscanf(file, "%s", buffer);
    converter(bufaux, buffer);

    printf("%s", bufaux);
    fclose(file);

    return 0;
}

Por exemplo, se o conteúdo do seu arquivo for algo como:

foo\nbar\nbaz\n

A saída seria:

foo
bar
baz

Veja funcionando no Repl.it

0

Olá! Primeiramente, obrigado a todos que se dispuseram a ajudar, e desculpe a demora para responder o tópico. Eu consegui uma solução perfeita para meu caso, considerando o código do Lacobus.
Arquivo de texto (exemplo):

 Digite os dados abaixo para criar sua conta.\n

O código então percorre a frase inteira, e a barra "\" é substituída por um espaço em branco, e o "n" é substituido pelo caractere 10 (quebra de linha), algo assim:

for(i = 0;i<array_size;i++) {
        // 92 = \, 110 = n, 32 = space, 10 = \n
        for(j = 0;j<strlen(gameTextContent[i]);j++) {
            if(gameTextContent[i][j] == 92 && gameTextContent[i][j+1] == 110) {
                gameTextContent[i][j] = 32;
                gameTextContent[i][j+1] = 10;
            }
        }
}

Caso esteja um pouco estranho a primeira vista, eu estou usando um array multidimensional:

gameTextContent[array_size][content_size]

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.