-2

Eu pretendo carregar uma sessão autenticada de um site usando os cookies enviado por um aplicativo feito em Python nao codificado por mim.

Como mostrado na imagem a abaixo, os dados são enviados via post em um fluxo de bytes. A questao é, como receber e tratar esses dados de forma correta para uso na opção CURLOPT_COOKIE do curl em um script PHP ?

Imagem do código Python

Desta forma funciona corretamente se usar o arquivo cookies.txt localmente.

$ch = curl_init();
curl_setopt_array($ch, [
    CURLOPT_URL => $url,
    CURLOPT_RETURNTRANSFER => false,
    CURLOPT_COOKIE => 'cookies.txt',
    CURLOPT_COOKIEFILE => 'cookies.txt'
]);

$response = curl_exec($ch);
echo $response;

curl_close($ch);

?>

Mas desta forma recebendo os cookies por meio de um post do Python não carrega a sessão corretamente.

$cookiedata = var_dump($_POST);

$ch = curl_init();
curl_setopt_array($ch, [
    CURLOPT_URL => $url,
    CURLOPT_RETURNTRANSFER => false,
    CURLOPT_COOKIE => $cookiedata,
    CURLOPT_COOKIEFILE => 'cookies.txt'
]);

$response = curl_exec($ch);
echo $response;

curl_close($ch);

?>

Acho que isso é tudo.

1 Resposta 1

1

Primeiro, ler a documentação ajuda muito, ao invés de programar chutando como as coisas funcionam.

Segundo, é tanto erro em seu código, logo de cara já dá pra ver que isso está errado:

CURLOPT_COOKIE => 'cookies.txt',

Porque CURLOPT_COOKIE como é descrito na documentação https://www.php.net/manual/pt_BR/function.curl-setopt.php serve para setar os cookies manualmente com uma string, seria o mesmo setar o header Cookie: foo=bar, então se está usando o cookie.txt e não pretende setar um valor fixo então nem tem sentido usar isso.

Outra coisa, você usou CURLOPT_RETURNTRANSFER => false, e depois $response = curl_exec($ch); não faz sentido algum, na documentação está escrito:

TRUE to return the transfer as a string of the return value of curl_exec() instead of outputting it out directly.

Traduzindo:

TRUE para retornar a transferência como uma "string" do valor de retorno "curl_exec()" em vez de enviar diretamente para o "OUTPUT".

Agora esse foi o mais errado e sem sentido:

 $cookiedata = var_dump($_POST);

A função var_dump SEMPRE retorna NULL e só retorna alguma coisa quando usado o segundo parâmetro como true assim var_dump($array, true), mas só pra constar, mesmo que retornasse valores NÃO TEM SENTIDO usar var_dump para passar os valores de POST para os cookies.

Se quer enviar o post como cookies então tem que "fixar" no próprio CURLOPT_COOKIE, outra coisa o CURLOPT_COOKIEFILE não é pra manter seus "cookies salvos", seria quase equivalente ao CURLOPT_COOKIE, e o que "difere" ele do CURLOPT_COOKIEJAR é que ele o cookie recebe todos cookies e os mantêm para outras requisições futuras, ou seja:

  • CURLOPT_COOKIEFILE para setar cookies "fixos"
  • CURLOPT_COOKIEJAR para manter cookies setados nas próximas requisições, é salvo quando usado o curl_close, pois os cookies podem vir da página requisitada

As pessoas costumar misturar ambos arquivos, o que não faz sentido algum.

Agora para resolver o seu problema, vamos simplesmente explicar por partes, primeiro pegue os valores do POST, você pode iterar e gerar uma string assim:

//Um array para receber os POST
$cookies = array();

//Itera o POST
foreach($_POST as $name => $value) {

     //Adiciona item por item no array no formato "foo=bar"
     if (is_string($value)) {
         $cookies[] = urlencode($name) . '=' . urlencode($value);
     }
}

//Junta todos para o formato aceito pelo header Cookie: foo-bar; abc=123
$cookiedata = implode(';', $cookies);

No entanto note que tem uma função mais simples para fazer isto, o http_build_query, poderia até usar isto em uma linha só:

$cookiedata = http_build_query($_POST);

Mas se o payload recebido for algo como:

user[name]=Bob+Smith&user[age]=47&user[sex]=M&user[dob]=5%2F12%2F1956&pastimes[0]=golf&pastimes[1]=opera&pastimes[2]=poker&pastimes[3]=rap&children[bobby][age]=12&children[bobby][sex]=M&children[sally][age]=8&children[sally][sex]=F&flags_0=CEO

Então vai atrapalhar um pouco a estrutura dos cookies, não muito, mas o suficiente para vai gerar cookies que com certeza não seriam o que você deseja, então por isto usei o is_string no foreach, claro que não garante muita coisa, mas é o básico.

Segundo, você deve enviar a variável $cookies no CURLOPT_COOKIE apenas, algo como:

$ch = curl_init();
curl_setopt_array($ch, [
    CURLOPT_URL => $url,
    CURLOPT_RETURNTRANSFER => true,
    CURLOPT_COOKIE => $cookiedata
]);

$resposta = curl_exec($ch);

Terceiro, note que usei CURLOPT_RETURNTRANSFER => true, porque isto vai retornar pra variável, mas lembre-se isso será usado se for o que você deseja, se você não quer isto e quer apenas exibir direto então não precisa nem setar, deve ficar apenas isto:

$ch = curl_init();
curl_setopt_array($ch, [
    CURLOPT_URL => $url,
    CURLOPT_COOKIE => $cookiedata
]);

curl_exec($ch);
curl_close($ch);

Agora uma nota adicional, note que todo e qualquer resposta HTTP pode conter um redirecionamento ou mais, logo o ideal seria definir:

  • CURLOPT_FOLLOWLOCATION para redirecionar automaticamente (internamente)
  • CURLOPT_MAXREDIRS limita os redirecionamentos, porque a página que esta acessando pode ter algum "bug" que faz redirecionamentos infinitos, um valor talvez ideal aqui seja limitar para 10, mas é apenas sugestão.

Deve ficar:

curl_setopt_array($ch, [
    CURLOPT_URL => $url,
    CURLOPT_COOKIE => $cookiedata,
    CURLOPT_FOLLOWLOCATION => true, //Ativa o redirecionamento
    CURLOPT_MAXREDIRS => 10  //limita os redirecionamentos para 10
]);

Também seria interessante para a maioria dos casos tratar as respostas HTTP, pro seu caso eu não sei, porque é você quem controla a página em python, mas supondo que uma página emita um código diferente do range 2xx então você deveria tratar isto com curl_getinfo+CURLINFO_HTTP_CODE, exemplo:

$resposta_http = curl_getinfo($request, CURLINFO_HTTP_CODE);

//Qualquer código fora do range 200 e 299 provavelmente é pagina de erro
if ($resposta_http < 200 && $resposta_http > 299) {
    $resposta = false;
}

Se deseja pegar o resultado então use desta forma (provavelmente isto é o que deseja, mas não tenho como saber):

//Um array para receber os POST
$cookies = array();

//Itera o POST
foreach($_POST as $name => $value) {

     //Adiciona item por item no array no formato "foo=bar"
     if (is_string($value)) {
         $cookies[] = $name . '=' . $value;
     }
}

//Junta todos para o formato aceito pelo header Cookie: foo-bar; abc=123
$cookiedata = implode(';', $cookies);

$ch = curl_init();
curl_setopt_array($ch, [
    CURLOPT_URL => $url,
    CURLOPT_COOKIE => $cookiedata,
    CURLOPT_RETURNTRANSFER => true,  //Pega resposta em uma var
    CURLOPT_FOLLOWLOCATION => true, //Ativa o redirecionamento
    CURLOPT_MAXREDIRS => 10  //limita os redirecionamentos para 10
]);

$resposta = curl_exec($ch);

//Verifica se conectou e baixou algo, mesmo que tenha um código HTTP de erro
if ($resposta !== false) {

    //Pega O CÓDIGO da resposta HTTP
    $resposta_http = curl_getinfo($request, CURLINFO_HTTP_CODE);

    //Qualquer código fora do range 200 e 299 provavelmente é pagina de erro
    if ($resposta_http < 200 && $resposta_http > 299) {
        //Seta false para evitar continuar o processo no proximo IF
        $resposta = false;
    }
} else {
    $resposta_http = 0;
}

curl_close($ch);

if ($resposta) {
    echo $resposta; //coloquei um ECHO mas aqui você pode fazer o que quiser com a resposta
} elseif ($resposta_http > 0) {
    echo 'Ocorreu o erro HTTP: ' . $resposta_http;
} else {
    echo 'Não foi possivel se conectar com o servidor';
}

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.