-2

Problema: tendo uma matriz 5×5 preenchida com valores aleatórios (reais) entre 0 e 99, mostre qual é o segundo maior valor existente na matriz.

Não pode usar numpy ou similares.

Minha solução:

n=2
def constroi_matriz(n):
    import random
    matriz =[[]]
    linha =[]
    for i in range(n):
        for j in range(n):
            num = random.randint(0,99)
            linha.append(num)
        matriz.append(linha)
        linha =[]
    matriz.pop(0)#excluir a posicao que contem []
    return matriz


def segundo_maior(matriz):
 maior = max(max(matriz))
 for i in range(len(matriz)):
     for j in range(len(matriz)):
         if matriz[i][j] == maior:
             matriz[i].remove(maior)
             print(matriz)




 return max(max(matriz))

matriz = constroi_matriz(2)
print(f"A matriz é {matriz}")
print(f"O segundo maior é: {segundo_maior(matriz)}")

Não sei porque às vezes recebo erro de "builtins.IndexError: list index out of range"

  • 2
    Já fez o teste de mesa do seu código? Tem várias coisas estranhas nele: 1) não tem porque iniciar matriz com uma lista vazia sendo que depois irá removê-la; 2) max(max(matriz)) não retornará o maior valor da matriz; 3) você define a função segundo_maior e nunca a chama; 4) na função segundo_maior você exclui elementos da matriz, o que não faz muito sentido; – Woss 22/11/19 às 20:22
  • Woss: sim. e nao consegui descobrir o que está errado... – Ed S 22/11/19 às 20:23
  • Consegue nos mostrar o resultado do seu teste de mesa? – Woss 22/11/19 às 20:24
  • @Woss: eu fiz tentando executar no papel e nao descobri o erro na minha lógica! – Ed S 22/11/19 às 20:25
  • 1
    Recomendo começar estudando como Encontrar o maior e menor elemento de uma matriz; para o segundo maior, basta replicar a mesma lóigca do maior adicionando a condição que o segundo maior não pode ser maior que o próprio maior. Sobre como criar uma matriz, veja Como criar uma matriz em python – Woss 22/11/19 às 20:33
1

seu problema esta nesta linha, ela pode alterar o comprimento da lista mas como esta dentro de uma codição não é sempre que ela vai fazer esta alteração que causa o problema.

matriz[i].remove(maior)  

fiz algumas mudanças,como sugestão

n=2
def constroi_matriz(n):
    import random
    matriz =[] 
    for i in range(n):
        linha =[] 
        for j in range(n):
            num = random.randint(0,99)
            linha.append(num)
        matriz.append(linha)
    return matriz


def segundo_maior(matriz):
    maior = []
    for i in matriz:
        maior.extend(i)
    maior.sort()
    return maior[-2]

matriz = constroi_matriz(n)
print('A matriz é', *matriz, sep='\n')
print(f"O segundo maior é: {segundo_maior(matriz)}") 

nesse segundo codigo seria uma aproximação mais preguiçosa

from random import randint
from itertools import chain

n=2

def constroi_matriz(n):
    matriz =[[randint(0, 99) for x in range(n)]
            for y in range(n)]
    return matriz


def segundo_maior(matriz):
    lista = [x for x in chain(*matriz)]
    lista = sorted(set(lista))

    if len(lista) > 1:
        return lista[-2]
    return lista[0]

matriz = constroi_matriz(n)
print('A matriz é', *matriz, sep='\n')
print(f"O segundo maior é: {segundo_maior(matriz)}")  insira o código aqui

nesse caso eu faço algumas conversões, de list para set que retira todas as igualdades, e de volta para list para organizar e pegar a posição

  • Alguma forma mais simples de fazer do que a que eu tentei? – Ed S 22/11/19 às 21:58
  • Eu percebi que o código falha qdo recebe matriz com valores repetido: A matriz é [1, 1] [2, 2] O segundo maior é: 2 – Ed S 22/11/19 às 22:01
1

TL;DR

Conhecendo um pouco os módulos que o Python disponibiliza e algumas funcionalidade da linguagem você pode fazer isso de maneira mais simples:

from random import randint
from itertools import chain


def constroi_matriz(m, n, min_num=0, max_num=99):
    return [ 
        [randint(min_num, max_num) for _ in range(m)]
        for _ in range(n)
    ]


def segundo_maior(matriz):
    return sorted(chain.from_iterable(matriz))[-2]


matriz = constroi_matriz(5, 5)

print(matriz)
print(segundo_maior(matriz))

Veja rodando no Repl.it


Explicação

Na função constroi_matriz utilizei list comprehensions para criar a matriz, onde:

matriz = [ 
    [randint(min_num, max_num) for _ in range(m)]
    for _ in range(n)
]

Seria equivalente a:

matriz = []
for i in range(m):
    matriz.append([])
    for j in range(n):
        matriz[i].append(j)

PS: Na documentação de list comprehensions você verá que podem-se repetir N for para criar quantas dimensões da matriz você quiser.

Já na função segundo_maior eu sigo uma regra mais simples:

  1. Transformo a matriz em uma lista usando itertools.chain.from_iterable. Ex.:

    from itertools import chain
    
    matriz = [[10, 20, 30], [5, 50, 500]]
    lista = chain.from_iterable(matriz)
    print(lista)
    # [10, 20, 30, 5, 50, 500]
    
  2. Ordeno esta lista usando a função sorted. Ex.:

    lista = [10, 20, 30, 5, 50, 500]
    ordenada = sorted(lista)
    print(ordenada)
    # [5, 10, 20, 30, 50, 500]
    

    OBS.: sorted retorna uma nova lista com os dados ordenados, mantendo a lista original. Se você quer sobrescrever a lista original você deve usar list.sort(). Perguntas relacionadas: "Método “sort” retornando apenas “None”, qual o motivo?" e "Método reverse retorna None".

  3. Pego o penúltimo item da lista ordenada, ou seja, o segundo maior. Ex.:

    ordenada = [5, 10, 20, 30, 50, 500]
    print(ordenada[-2])
    # 50
    

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.