2

No desenvolvimento do meu projeto me deparei com um select que vai exigir muito da performance da aplicação, pois consiste na utilização de dois join's. Logo me veio em mente a criação de uma view em MySQL, mas o problema é que nunca utilizei consumi a mesma com eclipselink e o Spring Data. Alguem já passou por isso? Não estava querendo realizar @query("minha_consulta") para trazer os dados.

2

É possível mapear uma view como uma tabela comum usando @Entity e @Table sem dificuldades. Já fiz isso algumas vezes usando Hibernate.

Só atente para não usar geração de DDL, caso contrário o EclipseLink pode tentar executar um ALTER TABLE na view.

Além disso, não altere a entidade, isto é, quando você recuperar um objeto do banco, não use os métodos setters pois o JPA entende isso como uma alteração nos dados e tentará fazer um UPDATE.

Entretanto, especificamente no EclipseLink, acredito que os dois problemas acima podem ser evitados usando-se a anotação @ReadOnly na sua entidade.

Exemplo:

@ReadOnly 
@Entity 
@Table(name = "VW_MINHAVIEW") 
public class ReadOnlyEntity { ... }
  • 1
    Salve @utluiz! Estou lendo aqui sobre a criação da mesma. Vou tentar implementar, mas como fica isso junto ao Spring Data? eu realizo um select normal? No que pude entender acho que seria dessa forma. – João Manolo 19/11/14 às 22:37
  • 1
    @JoãoManolo Seria exatamente da mesma forma que uma entidade normal. Pode usar JPQL ou Criteria do mesmo jeito. – utluiz 19/11/14 às 22:40
  • existe um problema em declarar a anotação @Entity. Ela me ped um @id até onde eu sei não faz muito sentido um view conter uma chave primaria. Como você tratou isso? – João Manolo 20/11/14 às 2:51
  • 1
    @JoãoManolo Sim, há essa limitação por parte da API do JPA. Deve ter algum campo na sua view que é único. Anote ele como @Id sem medo. – utluiz 20/11/14 às 12:16
1

@utluiz, ficou nota 10! Tive que fazer o seguinte, criei um view no meu BD:

select c.id_customer, c.tenant_id, c.first_name, ds.name 
from viatgedb.customer c
join viatgedb.customer_service cs
on c.id_customer = cs.fk_customer 
join viatgedb.destination_requested ds on cs.id_customer_service = ds.fk_customer_service;

Logo após fiz o mapeamento JPA (estou trabalhando com a arquitetura multi-tenant):

@ReadOnly
@Entity
@Table(name="vw_open_services")
@Multitenant
@TenantDiscriminatorColumn(name = "tenant_id", discriminatorType = DiscriminatorType.INTEGER, contextProperty = PersistenceUnitProperties.MULTITENANT_PROPERTY_DEFAULT)
public class VwOpenService implements Serializable {
    private static final long serialVersionUID = 1L;

    @Id
    @Column(name="id_customer")
    private Long id;

    @Column(name="tenant_id", insertable=false, updatable=false)
    private Long tenantId;

    @Column(name="day_service")
    private String dayService;

    @Column(name="first_name")
    private String firstName;

    @Column(name="NAME")
    private String name;

    // Getter and Setter

E normalmente criei um repositorio para trazer meus registros com o Spring Data:

@Repository
public interface OpenServiceRepository extends BaseRepository<VwOpenService, Long>{

    List<VwOpenService> findAll(); 

}

O resultado foi o esperado.

Obrigado

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.