0

Insere a string orig no início da string dest, retornando dest.

char *strins(char *dest, char *orig)

Meu código ficou o seguinte:

char *strins(char *dest, char *orig)
{
    return strcat(*orig,*dest);
}

main()
{
    char s[] = "World";
    strins(s, "Hello");
    printf(s);
}

A função deve funcionar assim:

char s[100] = "Autonoma";
strins(s, "Universidade");
printf(s);  ->  UniversidadeAutonoma
  • 2
    Não é inversão de strings. Inversão de strings é transformar "roma" em "amor". O que você quer é concatenar strings e retornar em um ponto específico – Jefferson Quesado 16/07/19 às 20:37
  • 2
    Aproveitando, qual o problema no seu código? O que está acontecendo? – Jefferson Quesado 16/07/19 às 20:38
  • 1
    char s[] = "World", qual será o tamanho de s? Terá espaço para você adicionar outro texto nela? A função strcat espera como parâmetro dois ponteiros para char. A ordem dos argumentos de strcat é destination e source, por que passou orig e dest nesta ordem? – Woss 16/07/19 às 20:46
  • O código não exibe a string mesmo que seja s[20], por exemplo. – rand 16/07/19 às 20:52
  • A intenção é que o argumento dest fique na frente – rand 16/07/19 às 20:54

1 Resposta 1

3

Tem diversos problemas em seu código.

Primeiramente, quando você define uma string literal com char s[] = "World"; você está alocando apenas o espaço na memória necessário para aquele número específico de caracteres.

Como você quer juntar duas strings, o tamanho vai aumentar, precisando então de mais espaço. Isso se resolve por exemplo definindo um tamanho máximo com char s[100] = "World";.

Além disso você não pode modificar um string literal, então você não pode fazer a função da forma que você fez e esperar que funcione com strins(s, "Hello"); visto que ele não vai conseguir modificar a string literal "Hello".

Por último, o resultado da função strcat é salvo no primeiro parâmetro, então estaria sendo salvo no orig ao invés de dest como desejado. Um strcpy vai bastar, embora vá deixar a variável de origem "suja", o que não sei se é um problema.

Segue o código com os problemas sugeridos corrigidos:

#include <stdio.h>
#include <string.h>
char *strins(char *dest, char *orig)
{

    strcat(orig,dest);
    strcpy(dest,orig);
    return dest;
}

int main()
{
    char s[100] = "World";
    char outro[100]= "Hello";
    strins(s,outro);
    printf("%s\n",s);
    return 0;
}

Que retorna o resultado:

HelloWorld
  • Se não me engano, você está, também, alterando o valor de orig. Não que esteja na descrição do problema não alterar orig, mas seria adequado não alterá-la. Assim, seu código não vale para a chamada string(s, "Universidade");, que é o exemplo base – Jefferson Quesado 16/07/19 às 21:00
  • Eu acredito ter já deixado claro na resposta o que você citou quando escrevi: embora vá deixar a varíavel de origem "suja", o que não sei se é um problema.. Além disso, no final, o printf feito é exatamente o proposto pelo exemplo base, e retorna o pedido. Vou editar a resposta para adicionar o resultado encontrado. – Naslausky 16/07/19 às 21:02
  • Na minha leitura eu passei por cima desse trecho. – Jefferson Quesado 16/07/19 às 21:04
  • Ok! Sem problemas. É sempre bom tentar deixar as respostas o mais claro possível. – Naslausky 16/07/19 às 21:05

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.