3

Em minha aplicação eu possuo um simples input para pegar um arquivo XLS na maioria dos computadores funciona normalmente, porém em alguns está com problema. O navegador acaba não conseguindo pegar o type do arquivo e ao enviar o content-type do arquivo acaba indo como Application/Octed-Stream dando erro no servidor. Criei um simples formulário para testar e continuou com o mesmo problema nos computadores que dão problema.

const clickButton = () => {
    const file = document.getElementById('file');
    console.log(file.files[0]);
}
<input type="file" name="file" id="file">
<button onclick="clickButton()">Click aqui</button>

Nesse que estou o arquivo inputado acaba ficando assim:

{
  "name": "motoristaPequeno2.xlsx",
  "lastModified": 1553863165554,
  "lastModifiedDate": "2019-03-29T12:39:25.554Z",
  "webkitRelativePath": "",
  "size": 9101,
  "type": "", // <- Type vazio aqui
  "slice": function slice() { [native code] }
}

Alguém já passou por isso?

Obs: Chrome Versão 75.0.3770.80 (Versão oficial) 64 bits
Windows Versão 1803 Compilação (17134.829)

  • 1
    Ué no meu mostrou o type.. Testado no chrome – Vinicius.Silva 13/06 às 13:29
  • Então, isso que é estranho. No meu computador pessoal também mostra, mas os da empresa não está mostrando. – Eduardo Ribeiro 13/06 às 13:30
  • 1
    qual o navegador usado na empresa? – Vinicius.Silva 13/06 às 13:31
  • 1
    @Vinicius.Silva Sim, vi e concordo, mas comentei porque o foco da pergunta é resolver/entender o motivo de ficar vazio em alguns navegadores e nenhuma das ações que sugeriu contornaria isso. São excelentes dicas e só melhoram a aplicação, mas pareceu que você sugeriu como solução. – Anderson Carlos Woss 13/06 às 14:03
  • 3
    O problema aqui é querer usar o Mime fornecido pelo cliente como referência. Enquanto serve para algumas filtragens básicas, o tratamento final deve ser feito sempre no servidor. - O máximo que dá pra fazer com mime de cliente é recusar coisas absurdamente inadequadas (com um JS alertando pro upload inadequado, por exemplo), mas aceitar os tipos "genéricos" comuns é conveniente. Considere que nem todo mundo vai ter as extensões vinculadas aos Mime que você espera. – Bacco 13/06 às 14:32
4

Conforme a W3C, é esperado que o atributo type fique vazio quando o navegador for incapaz de determinar o MIME do arquivo em questão. Ou seja, estar vazio não é um problema e deverá ser tratado na sua aplicação.

A questão passa a ser sobre o motivo de alguns navegadores conseguirem determinar corretamente o MIME e outros não, possivelmente até entre mesmas versões do navegador. Acontece que, de acordo com esta discussão no SOen, a identificação do MIME por parte do navegador dependerá de ações no Sistema Operacional (obviamente) e particularmente quando é Windows, dependerá de configurações do usuário com base nos registros do sistema.

Se entendi corretamente, em alguns computadores pode não estar reconhecendo corretamente o MIME pois não há nesses sistemas operacionais a relação entre a extensão do arquivo e o MIME a ser considerado.

Em uma busca rápida encontrei que no Windows 10 o registro responsável por esta associação é o HKEY_CLASSES_ROOT\MIME\Database\Content Type, mas alguém mais entendido de Windows poderá confirmar a informação e dizer como gerenciar tal registro corretamente.

  • Faz sentido, acho que é isso mesmo que está acontecendo. Mas a questão que fiquei agora é como deve ser tratado na aplicação. Eu editaria o content-type e enviaria para o back ou trataria lá essa questão? – Eduardo Ribeiro 13/06 às 14:25
  • 2
    @EduardoRibeiro Até pode fazer, mas a regra básica é "Nunca confie nos dados do seu cliente". Ou seja, no servidor, mesmo recebendo corretamente o MIME você deverá fazer a verificação. – Anderson Carlos Woss 13/06 às 14:34

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.