3

Olá dev's eu possuo a seguinte tabela cursos(auto-relacional):

desc cursos;

+-----------+-------------+------+-----+---------+----------------+
| Field     | Type        | Null | Key | Default | Extra          |
+-----------+-------------+------+-----+---------+----------------+
| id_curso  | int(11)     | NO   | PRI | NULL    | auto_increment |
| nome      | varchar(30) | YES  |     | NULL    |                |
| horas     | int(11)     | YES  |     | NULL    |                |
| valor     | float(10,2) | YES  |     | NULL    |                |
| fk_prereq | int(11)     | YES  | MUL | NULL    |                |
+-----------+-------------+------+-----+---------+----------------+

Onde fk_prereq é a chave estrangeira que faz referência ao id do curso(da própria tabela) que é pre-requisito para o outro, logo se essa coluna assumir um valor NULL é porque tal curso não tem pre-requisito.

Tenho alguns dados cadastrados nessa tabela:

select * from cursos;

+----------+-----------------------+-------+--------+-----------+
| id_curso | nome                  | horas | valor  | fk_prereq |
+----------+-----------------------+-------+--------+-----------+
|        1 | db relacional         |    20 | 400.00 |      NULL |
|        2 | business intelligence |    40 | 800.00 |         1 |
|        3 | relatorios avançados  |    20 | 600.00 |         2 |
|        4 | logica programacao    |    10 | 200.00 |      NULL |
|        5 | ruby                  |    40 | 400.00 |         4 |
+----------+-----------------------+-------+--------+-----------+

A minha dúvida é a seguinte, se eu quiser trazer o nome, horas, valor e qual o pre-requisito desse curso, normalmente eu tentaria fazer algo como:

select      c.nome
        ,   c.horas
        ,   c.valor
        ,   ifnull(p.nome, '---') as 'pre-requisito' 
from        cursos c 
left join   cursos p on c.id_curso = p.fk_prereq

Porém dessa forma a projeção sai errada e o resultado que eu tenho é o seguinte:

+-----------------------+-------+--------+-----------------------+
| nome                  | horas | valor  | pre-requisito         |
+-----------------------+-------+--------+-----------------------+
| db relacional         |    20 | 400.00 | business intelligence |
| business intelligence |    40 | 800.00 | relatorios avançados  |
| logica programacao    |    10 | 200.00 | ruby                  |
| relatorios avançados  |    20 | 600.00 | ---                   |
| ruby                  |    40 | 400.00 | ---                   |
+-----------------------+-------+--------+-----------------------+

A forma correta seria fazer com essa instrução:

select      c.nome
        ,   c.horas
        ,   c.valor
        ,   ifnull(p.nome, '---') as 'pre-requisito' 
from        cursos c 
left join   cursos p on p.id_curso = c.fk_prereq

E o resultado seria:

+-----------------------+-------+--------+-----------------------+
| nome                  | horas | valor  | pre-requisito         |
+-----------------------+-------+--------+-----------------------+
| db relacional         |    20 | 400.00 | ---                   |
| business intelligence |    40 | 800.00 | db relacional         |
| relatorios avançados  |    20 | 600.00 | business intelligence |
| logica programacao    |    10 | 200.00 | ---                   |
| ruby                  |    40 | 400.00 | logica programacao    |
+-----------------------+-------+--------+-----------------------+

Resumindo eu não entendi o porque de uma simples troca de on c.id_curso = p.fk_prereq para on p.id_curso = c.fk_prereq, mudaria totalmente o resultado esperado, pois em uma tabela que não é auto-relacional se eu fizer da primeira forma que tentei o resultado já sai correto.

3

Se ler o artigo Visual Representation of SQL Joins no CodeProject irá conseguir perceber rápido o porquê do comportamento.

No seu caso seria o seguinte:

inserir a descrição da imagem aqui

Basicamente, um LEFT JOIN permite obter todos os resultados da tabela A independentemente de existir ou não associação na tabela B, e ao mesmo tempo irá trazer os registos da tabela B associados pela chave fk_prereq à tabela A (devolvendo NULL caso contrário).


No seu caso acredito que os resultados são diferentes porque do lado esquerdo do JOIN, c.id_curso = p.fk_prereq, estava a coluna da tabela A, o que está a levar ao compilador a ideia de "trocar" as tabelas do JOIN precisamente por ser a mesma tabela em ambos os lados, por isso é que quando trocamos as colunas passa a funcionar corretamente.

  • 3
    Só uma correção: não é do lado esquerdo da comparação, é do lado esquerdo do join. O left join considera a tabela do lado esquerdo de from cursos c left join cursos p, enquanto o right join considera a tabela do lado direito, independente da comparação. – Ronaldo Araújo Alves 29/05 às 11:52
  • 1
    @RonaldoAraújoAlves era isso que queria dizer, mas sim, talvez seja mais correto dizer dessa forma, até para evitar confusões. Obrigado, resposta editada. – João Martins 29/05 às 12:01
  • Como assim "trocar" as tabelas do JOIN ? Isso ainda ta meio confuso – Lone Tonberry 29/05 às 12:04
  • 2
    @LoneTonberry No relacionamento de cursos com cursos, o que determina qual tabela representa o curso e qual representa o pré-requisito são os campos linkados. Em p.id_curso = c.fk_prereq você determina que neste select a tabela de alias c é o curso principal enquanto a p é o curso pré-requisito, como se falasse ao banco: "Quero os registros de cursos(alias c), e quero também o nome do cursos(alias p) cujos IDs sejam equivalente ao "id de pré-requisito" da minha cursos(alias c)" – Ronaldo Araújo Alves 29/05 às 12:34
  • 1
    Basicamente, se utiliza um LEFT JOIN então a tabela que deve estar do lado esquerdo é aquela que pretende ligar (ex.: left join cursos p on p.id_curso = c.fk_prereq onde p.idcurso diz respeito à tabela que queremos "juntar" à principal, cursos c). – João Martins 29/05 às 12:34

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.