2

Estou utilizando o operador typeid para verificar as condições, onde faço o seguinte teste básico:

int main()
{
    cout << (typeid(int) == typeid('abc')) << endl; //TRUE
    cout << (typeid(int) == typeid(100)) << endl; //TRUE
    cout << (typeid(int) == typeid(100.40)) << "\n" << endl; // FALSE

    cout << (typeid(float) == typeid('abc')) << endl; // FALSE
    cout << (typeid(float) == typeid(100)) << endl; // FALSE
    cout << (typeid(float) == typeid(100.40)) << "\n" << endl; // FALSE

    cout << (typeid(char) == typeid('a')) << endl; //TRUE
    cout << (typeid(char) == typeid('ab')) << endl; // FALSE
    cout << (typeid(char) == typeid(100)) << endl; // FALSE
    cout << (typeid(char) == typeid(100.40)) << endl; // FALSE

    return 0;
}

Porém, não consegui compreender o true e false para determinadas condições, como por exemplo:

cout << (typeid(int) == typeid('abc')) << endl; //TRUE
cout << (typeid(float) == typeid(100.40)) << "\n" << endl; // FALSE
cout << (typeid(char) == typeid('ab')) << endl; // FALSE

Questões em dúvida:

  • a) Se um char é também do tipo int, como diferenciar um int de um char?
  • b) Por que typeid(float) == typeid(100.40) não é true?
  • c) Por que typeid(char) == typeid('ab') não é true?
2

Você sabe que este operador é para ser usado com objetos polimórficos e os tipos usados não são polimórficos? E que o objetivo deste operador é obter uma informação em tempo de execução e não algo que você sabe em tempo de compilação, portanto todo esse código é inútil? E sabe que não há garantias que o operador retorne o mesmo identificador de tipo para objetos de mesmo tipo?

a) Se um char é também do tipo int, como diferenciar um int de um char?

Isto não é verdade, a conclusão está errada. char é char, e int é int.

b) Por que typeid(float) == typeid(100.40) não é true?

Porque 100.4 é um número do tipo double. O literal para um valor float seria 100.40f.

c) Por que typeid(char) == typeid('ab') não é true?

Porque o tipo char só pode ter um caractere, então ele foi o dado foi convertido para outro tipo, possivelmente um int. Isto é um comportamento não especificado pela linguagem e o compilador pode fazer como achar melhor.

Complementando de acordo com os comentários: se você já sabe qual é o tipo da variável ou expressão então não tem porque usar este tipo de operador. Ele não tem nada a ver com o conteúdo entrado, ele tem a ver com o tipo usado no código, e isto você sabe sempre em tipos básicos assim. Você só não sabe quando o tipo é polimórfico, mesmo nestes casos o tipo está sempre dentro da hierarquia possível entre eles, caso contrário será falso sempre. Todo este código postado é curioso, mas desnecessário e até inútil, pode fazer a mesma coisa sem ele.

  • A sintaxe é do c++, mas a ideia aqui seria o entendimento da resposta dessa função, por isso inseri a tag c também. Pois bem, como eu faço para em tempo de execução comparar os tipos primitivos? Adiciona a sua resposta que aplico a mesma como a correta. – THIAGO DE BONIS 24/05 às 19:06
  • Por que quer fazer isso? Não vi necessidade. – Maniero 24/05 às 19:10
  • A intenção è fazer uso de condições para caso o tipo inserido em tempo de execução seja diferente do que eu inseri ele retorna um erro, porém è somente para aprendizagem mesmo. – THIAGO DE BONIS 24/05 às 19:12
  • Isto é impossível acontecer. O tipo é definido em tempo de compilação então não pode ser diferente em tempo de execução. Acho que não entendeu para que serve este operador. Por isso eu reforço, ele só é útil para comparações polimórficas, que não é o caso, esta é a única chance do tipo de ser diferente em tempo de execução. Não tente fazer algo que não precisa ser feito e não faz sentido fazer. – Maniero 24/05 às 19:22
  • Certo, compreendi, então eu terei que utilizar o famoso switch para analisar a entrada a partir do cin? Para verificar se realmente è um número ou um char? Eu estou tentando fazer algo elegante para isto, o que sugere? – THIAGO DE BONIS 24/05 às 19:35
2

a) Se um char é também do tipo int, como diferenciar um int de um char?

O tipo char é um tipo diferente de int. Consegue comprovar apenas com o seguinte:

cout << (typeid(int) == typeid(char)) << endl; //0

Mas o char é representado internamente com um valor numérico correspondente à tabela ASCII. Por isso é comum de se converter o valor de um char para um inteiro.

O motivo pelo que no seu caso deu verdadeiro é que você construiu uma string ou char errada. O próprio compilador lhe avisa disto, quando compila o seu código:

...main.cpp|14|warning: multi-character character constant [-Wmultichar]|

Uma string é delimitada por " e pode ter vários carateres, já um char é delimitado por ' e pode apenas ter um caratere. Você colocou vários carateres num char o que está errado.

b) Por que typeid(float) == typeid(100.40) não é true?

Porque 100.40 é interpretado como double. Também consegue ver facilmente isto trocando o cout correspondente para:

cout << (typeid(double) == typeid(100.40)) << "\n" << endl; // 1

c) Por que typeid(char) == typeid('ab') não é true?

Pelo mesmo motivo que expliquei no primeiro ponto.

Veja os exemplos que mencionei no Ideone

  • Como faço para testar os tipos primitivos em tempo de execução ? Adicione isto a resposta é irei aplicar a mesma como a correta. – THIAGO DE BONIS 24/05 às 18:57
  • @THIAGODEBONIS Mas o que está a tentar fazer exatamente ? Só sabendo isso é que consigo sugerir algo. – Isac 24/05 às 21:13
0

Sobre as questões a) e c), a ISO/IEC 9899:1999 na seção §6.4.4.4.10 define este comportamento:

An integer character constant has type int.The value of an integer character constant containing a single character that maps to a single-byte execution character is the numerical value of the representation of the mapped character interpreted as an integer.The value of an integer character constant containing more than one character (e.g.,'ab'), or containing a character or escape sequence that does not map to a single-byte execution character,is implementation-defined. If an integer character constant contains asingle character or escape sequence, its value is the one that results when an object with type char whose value is that of the single character or escape sequence is converted to type int.

Sobre a questão b), o valor 100.40 é do tipo double. Para que o mesmo seja float, o valor deve ser definido como uma literal deste mesmo tipo, posfixando-o com a letra "f": 100.40f

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.