-2

Eu tenho o seguinte modelo:

modelo = aov(y ~ tratamento + idade, data = dt)

Como eu faço pra determinar que a idade seja uma covariável, é um comando especifico, ou o modelo entende pelos níveis da variável em questão.

  • acredito que se postar junto um exemplo de dados, será mais fácil de te auxiliarem – Henrique Faria de Oliveira 23/04 às 21:46
  • Acredito que não precisa, pq é pra dizer que a idade é uma covariável. – Curious G. 23/04 às 21:58
  • Eu não entendi porque idade não seria considerada como covariável na sintaxe aov(y ~ tratamento + idade, data = dt). Sem fornecer os dados ou ao menos o output do comando summary(modelo), fica impossível que alguém consiga te ajudar. – Marcus Nunes 24/04 às 10:20
  • 1
    Isso é questão de nomenclatura. Para o @CuriousG. , se a coluna tem a classe (class) "factor" então é um "tratamento" e se for "integer", "numeric" é uma covariável. Fico me perguntando como ele classifica "character", "complex", "Date" e "logical". Para mim tudo do lado do x's é covariável. – Márcio Mocellin 25/04 às 1:52
  • 1
    Esta discussão é inútil sem que os outputs de summary(modelo) ou str(dt) sejam fornecidos. Do jeito que a questão foi colocada, idade pode estar definida em anos, o que implica que é uma variável com 1 grau de liberdade na tabela ANOVA (ou ANCOVA, se quisermos ser preciosistas). Ou idade pode ser um fator com k níveis para intervalos de, digamos, cinco anos. Neste caso, idade apareceria na tabela ANOVA com k-1 graus de liberdade, em que k é o número de níveis de idade. Todos aqui, exceto o AP, estão tateando no escuro. Faltam informações para darmos uma resposta definitiva. – Marcus Nunes 25/04 às 13:20
1

Agradeço, aos comentários acima. De fato, para determinar uma variável como fator ou covariável, é como a mesma está classificada no banco de dados. Como fator ou numérica, para saber como ela está classificada (formato), basta usar o str para saber estas informações, no meu caso str(dt). Para a variável ser considerada uma covariável basta estar no formato numérico, enquanto para ser "tratamento" no formato fator. Espero ter sido claro. Sugestões para melhorar minha resposta são bem vindas.

1

Bem, realmente sem algumas informações como já mencionado, fica um pouco obscuro.

Da próxima vez tente fazer um dput() pra que possamos ajudar melhor. Caso não queira exibir os dados originais, crie um df que contenha o básico.

De todo modo penso que vc queira o seguinte:

modelo = lm(y ~ tratamento + factor(idade), data = dt)
anova(modelo)

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.