2

Vamos supor que tenho um formulário do tipo Windows Forms que herda a classe do EditordeVendas e que é mostrado no evento TeclaPressionada do mesmo. Até aqui tudo funciona perfeitamente, consigo aceder a todas as propriedades do motor, que estão disponíveis devido à herança do Editor de Vendas. O problema está quando abro um novo formulário a partir do primeiro com um simples .ShowDialog e neste já não consigo ter acesso ao motor como tinha no anterior. Entretanto a Primavera propôs que usasse o padrão singleton para resolver o problema e é este o código que tenho:

Friend NotInheritable Class PriEngine
Inherits DisposableBase

Region " Singleton pattern "

' .NET guarantees thread safety for static initialization
Private Shared ReadOnly engineInstance As New PriEngine()

''' <summary>
''' Private constructor
''' </summary>
Private Sub New()
End Sub

Public Shared Function CreatContext(ByVal Company As String, ByVal User As String, ByVal Password As String) As PriEngine
    Dim objAplConf As New StdBSConfApl()
    Dim Plataforma As New StdPlatBS()
    Dim MotorLE As New ErpBS()

    Dim objTipoPlataforma As EnumTipoPlataforma
    objTipoPlataforma = EnumTipoPlataforma.tpEmpresarial

    objAplConf.Instancia = "Default"
    objAplConf.AbvtApl = "ERP"
    objAplConf.PwdUtilizador = Password
    objAplConf.Utilizador = User
    objAplConf.LicVersaoMinima = "10.00"

    Dim objStdTransac As New StdBETransaccao()

    Try
        Plataforma.AbrePlataformaEmpresa(Company, objStdTransac, objAplConf, objTipoPlataforma)
    Catch ex As Exception
        Throw (ex)
    End Try

    If Plataforma.Inicializada Then
        MotorLE.AbreEmpresaTrabalho(objTipoPlataforma, Company, User, Password, objStdTransac, "Default")

        ' Use this service to trigger the API events.
        Dim service As New ExtensibilityService()

        ' Suppress all message box events from the API.
        ' Plataforma.ExtensibilityLogger.AllowInteractivity = false;
        service.Initialize(MotorLE)

        ' Check if service is operational
        If service.IsOperational Then
            ' Inshore that all extensions are loaded.
            service.LoadExtensions()
        End If

        Platform = Plataforma
        Engine = MotorLE

        EngineStatus = True
    End If

    Return engineInstance
End Function

End Region

Region "Public Properties"

''' <summary>
''' The platform
''' </summary>
Private Shared privatePlatform As StdPlatBS
Public Shared Property Platform() As StdPlatBS
    Get
        Return privatePlatform
    End Get
    Private Set(ByVal value As StdPlatBS)
        privatePlatform = value
    End Set
End Property

''' <summary>
''' The engine that allows access to the modules.
''' </summary>
Private Shared privateEngine As ErpBS
Public Shared Property Engine() As ErpBS
    Get
        Return privateEngine
    End Get
    Private Set(ByVal value As ErpBS)
        privateEngine = value
    End Set
End Property

''' <summary>
''' The engine status 0 - Fail | 1 - OK
''' </summary>
Private Shared privateEngineStatus As Boolean
Public Shared Property EngineStatus() As Boolean
    Get
        Return privateEngineStatus
    End Get
    Private Set(ByVal value As Boolean)
        privateEngineStatus = value
    End Set
End Property

End Region

Region "IDisposable Members"

Protected Overrides Sub Dispose(ByVal disposing As Boolean)
    ' Check to see if Dispose has already been called
    If Not Me.Disposed Then

    End If

    ' Dispose on base class
    MyBase.Dispose(disposing)
End Sub

End Region

Com esta solução passou a funcionar mas "obriga" a chamar o AbreEmpresaTrabalho e AbrePlataformaEmpresa o que neste caso não faz qualquer sentido visto estar já "dentro" da aplicação. Qual é a melhor forma de ultrapassar esta situação? Muito obrigado!

  • Necess exemplo tem de retirar o código que não interessa e passar as instancias das variaveis que queres usar. – Sérgio Sereno 17/04 às 17:12
2

Olá Bruno vou sugerir uma opção mais simples que na realidade é tipo dependency injection, ou seja, passe sempre as classes (motor ou a plataforma) para as classes/formularios que delas necessitam. No exemplo abaixo eu fiz um overload ao contrutor gerado por um adaptado a situação em causa.

Outra forma ainda é ter uma classe estatica, muito equivalemente ao padrão Singleton, mas atenção que esta não é thread safety ao contrario da abordagem sugerida.

Aqui vai o código para a primeira opção.

Formulário

using ErpBS100;
using System;
using System.Windows.Forms;

namespace Singleton.Sales
{
    public partial class Form1 : Form
    {

        private ErpBS _Motor;

        public Form1()
        {
            InitializeComponent();
        }

        // Construtor modificado para receber as classes necessárias.
        public Form1(ErpBS Motor)
        {
            _Motor = Motor;
            InitializeComponent();
        }

        private void Form1_Load(object sender, EventArgs e)
        {
            MessageBox.Show(_Motor.Contexto.UtilizadorActual.ToString());
        }
    }
}

Classe Editor Vendas

using Primavera.Extensibility.BusinessEntities.ExtensibilityService.EventArgs;
using Primavera.Extensibility.Sales.Editors;

namespace Singleton.Sales
{
    public class UiEditorVendas : EditorVendas
    {
        public override void TeclaPressionada(int KeyCode, int Shift, ExtensibilityEventArgs e)
        {
            Form1 form = new Form1(this.BSO);
            form.ShowDialog();
        }
    }
}
  • Obrigado, funcionou! Já agora, é possível passar o motor e a plataforma em simultâneo? – Bruno Gomes 18/04 às 11:34
  • Claro, pode passar no construtor o que entender. – Sérgio Sereno 18/04 às 11:38

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.