3

Bom dia. Como faço para aproximar os gráficos gerados pelo comando a seguir?

par(mfrow=c(2,2))
barplot(1:4) 
barplot(1:4)
barplot(1:4)
barplot(1:4)
5

Para regular a distância na "altura" e na "largura" entre os gráficos você precisa controlar o parâmetro mai dentro do comando par:

par(mfrow=c(2,2), mai = c(0.3,0.3,0.3,0.3))
barplot(1:4) 
barplot(1:4)
barplot(1:4)
barplot(1:4)

Se você quiser controlar as margens de fora do gráfico, aí você precisa alterar os parâmetros oma:

par(mfrow=c(2,2), mai = c(0.3,0.3,0.3,0.3), oma = rep(0.1,4))
barplot(1:4) 
barplot(1:4)
barplot(1:4)
barplot(1:4)
  • Com esse comando não estou conseguindo inserir o título do eixo y. O comando ylab="teste" parece não funcionar. – Vitor Hugo 17/04 às 14:32
  • você quer colocar o título no eixo y geral, ou o título no eixo de cada gráfico? Se for em cada gráfico, aí é da forma usual. Se for um título no eixo y geral, aí vai pelo mtext, se não me engano – Guilherme Parreira 17/04 às 14:34
  • Obrigado. Vou tentar. – Vitor Hugo 21/04 às 0:35
2

Não sei se essa solução que eu vou te sugerir é exatamente a solução para o seu problema. Da forma como você expôs o problema a ideia seria aproximar os gráficos feitos com o R Base. Entretanto caso o seu gráfico de enquadre na seguinte situação:

  1. existe uma variável categórica (ou grupo) que separa os dados;
  2. quero fazer um barplot para cada categoria;

nesse caso você poderia utilizar os facets do ggplot2 que dão uma apresentação melhor ao gráfico e uma consistência na apresentação. No seguinte gráfico eu vou criar um conjunto de dados fictício e uma variável para a categoria:

library(ggplot2)
data("diamonds")
ggplot(data=diamonds, aes(x = clarity)) + 
  geom_bar() + 
  facet_wrap(~cut)

inserir a descrição da imagem aqui

aqui eu estou fazendo um gráfico de barras com relação a claridade dos diamantes, mas fazendo um gráfico de barras para cada categoria de corte. Veja a consistência da apresentação: os nomes das categorias vão no topo dos gráficos e as escalas são consistentes ao longo dos gráficos.

  • Obrigado pela ajuda. – Vitor Hugo 21/04 às 0:36
  • Caro @VitorHugo caso a resposta tenha lhe agradado, mas não foi sua resposta escolhida, você pode votar na resposta como reconhecimento. Sempre que você vota positivamente em um resposta, mesmo que não for a sua escolhida, o autor da resposta ganha pontos de reputação. É uma forma de encorajar os autores e dar um retorno positivo ;-) – Flavio Barros 21/04 às 2:03

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.