2

Há uma proposta para unificar o comportamento de userland e funções internas no PHP 8. Que atualmente em particular, quando as funções internas não conseguem analisar os tipos de argumentos corretamente, elas falham retornando null. As funções de Userland lançam um TypeError.

Em relação qual seria o melhor comportamento, acredito que lançar um TypeError, seria o melhor comportamento.

Alguém poderia exemplificar. Uma explicação em código de tais comportamentos atualmente. Também se possível, sobre essa tal unificação.

2

Essa proposta já foi aprovada e implementada e virá no PHP 8, de acordo com essa rfc.

Com ela, argumentos inválidos passados para funções internas sempre resultarão num TypeError ao invés de um warning com retorno null.

Esse primeiro comportamento já acontece com algumas funções internas no PHP 7 caso seu código esteja usando strict_types, como é explicado num trecho da rfc:

var_dump(strlen(new stdClass));
// Warning: strlen() expects parameter 1 to be string, object given
// NULL

declare(strict_types=1);
var_dump(strlen(new stdClass));
// TypeError: strlen() expects parameter 1 to be string, object given
  • Obrigado. Li e achei esse ex. pelo link. "Para funções definidas pelo usuário, passar um parâmetro de tipo ilegal resulta em um TypeError. Para funções internas, o comportamento depende de vários fatores, mas o padrão é lançar um aviso e retornar null. Este RFC propõe gerar consistentemente exceções TypeError para todos os tipos de parâmetros inválidos, independentemente de a função ser definida pelo usuário ou por extensão." function foo(int $bar) {} foo("not an int"); // TypeError: Argument 1 passed to foo() must be of the type int, string given – Fabiano Monteiro 1/04 às 12:20

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.