2

Preciso gerar um número aleatório utilizando a linguagem Python, na documentação vi que existe uma função random.seed() para aumentar a aleatoriedade do número gerado, mas achei bem confusa a descrição dessa função.

Alguém pode explicar melhor como devo usá-la para aumentar a aleatoriedade? Uso em conjunto com o módulo datetime? Devo usar toda vez antes de executar random.random() ou chamá-la uma vez basta?

  • 2
    Possível duplicata de Como é gerada a randomização pelo computador? – hkotsubo 28/03/19 às 18:10
  • A dúvida é preciso usar sempre random.seed() antes de chamar random.random() ou não? A função Python random.random() da biblioteca já gera um seed internamente? – Thiago Krempser 28/03/19 às 23:27
  • 2
    Random já gera um seed, você pode definir um seed manualmente, isso é útil para testar alguns procedimentos, pois você já conhecendo os números gerados consegue prever o comportamento e "debugar" corretamente. – Augusto A 28/03/19 às 23:31
4

Para aumentar a aleatoriedade, faça uso de random.SystemRandom():

Acontece o seguinte: a parte mais visitada da documentação oficial mostra "chamáveis" que parecem funções, no módulo random - fazemos

import random

a = random.randint(...)
b = random.choice(...)

Mas essas "funções" na verdade são métodos de uma classe random.Random que são expostos direto no módulo pra facilidade de uso.

Então, se você cria uma instância de random.Random - vai ter como métodos essas mesmas chamadas - randint, randrange, choice, etc... e um seed. Só que o módulo random tem também a classe especializada SystemRandom que usa como fonte dos números aleatórios a API do sistema operacional para isso. Ou seja, no Linux pega valores de /dev/random, no Windows usa CryptGenRandom, etc...Esses números aleatórios do sistema são, na medida do possível, garantidamente aleatórios o suficiente para uso em tarefas de criptografia, etc... e muito além dos pseudo-aleatórios que o random.Random normal fornece.

Então, é só criar uma instância de SystemRandom e chamar os métodos dessa instância, em vez das funções normais do módulo random:

from random import SystemRandom

random = SystemRandom ()

a = random.randint(...)
b = random.choice(...)

Quanto ao seed, em objetos SystemRandom a função seed existe, por força do modelo de orientação a objetos, em que classes especializadas tem que expor os métodos e atributos dos pais, mas na verdade, ele não é usado - está até na documentação dele: Stub method. Not used for a system random number generator.

A fonte de dados aleatórios usada pelo SystemRandom fica exposta no módulo os e pode ser usada diretamente também com a chamada os.urandom(n) - e devolve uma sequência de bytes com os valores fornecidos pelo sistema operacional. O SystemRandom encapsula essa chamada e já disponibiliza todos os métodos práticos que conhecemos - randint, choice, uniform, etc...

2

Ola, o python ele não gera um numero aleatório, eles são pseudo-aleatórios ou seja determinísticos. Ele é gerado apartir do numero que você coloca na random.seed()! Veja um exemplo que fiz.

#-*- coding: utf-8 -*-
#Meu Décimo quinto Programa
#Trabalhando com numerosAleatorios

#importar a biblioteca
import random

#Uma seed(semente) de numero 10.

random.seed(10)
#gera 10 numeros aleatórios
for i in range(10):
#Escolhe um numero aleatório entre 0 e 999
    numero = random.randint(0,1000)
    print(numero)

Ao executar esse código multiplas vezes você não obtem resultados diferentes para este intervalo de range (gerei 10 numeros) pois a seed fica viciada e sempre gera os mesmo numeros. por isto é interessante colocar um valor aleatório como parametro para a seed

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.