55

Gostaria de saber qual é a real diferença entre o String (s maiúsculo) e o string (s minúsculo).

Aparentemente os dois têm os mesmos objetivos, porém qual é "melhor" para ser utilizado?

58

Já foi dito que string é apenas um alias para o tipo String.

Para deixar claro, não há diferença em performance ou forma como o código é gerado. Há exatamente zero diferença no tratamento de ambas. Ambos podem fazer as mesmas coisas, e todos os membros estão disponíveis em qualquer um deles, afinal assim se comporta um alias.

Diferenças úteis na utilização e escolha:

  • string é apenas uma forma mais simples de usar o tipo String no C#, ou seja string é a forma de "tipar" uma cadeia de caracteres no C# e String é um tipo dp CLR. No C# dependendo do contexto é melhor usar uma ou outra forma. O tipo String presente no namespace System pode ser usado em qualquer linguagem que se utilize do CLR.

  • string não pode ser usada com reflexão. String deve ser usado no lugar.

  • String pode ser usado para criar outros aliases:

    using str = System.String;
    //...
    str s = "Foi usado outro alias para string.";
    // a variável 's' é do tipo System.String que é o mesmo que ser string
    

    Mas este é apenas um exemplo, não há necessidade e não é recomendado usar em código real. Existe sim casos que um alias pode ser útil, mas este apenas dificulta a leitura para quem não está acostumado com isso, sem trazer nenhum benefício.

  • Há alguns locais que ocorre o oposto e criar um alias pode trazer mais legibilidade ao código.

  • Em outros casos pode ser apenas estranho usar um ou outro e dificultar a leitura.

  • Na verdade o tipo String deve ser usado como System.String ou onde exista um using System, enquanto que string pode ser usado em qualquer código que o compilador já entenderá.

  • Stringpode ser usado como identificador válido. stringé uma palavra reservada e não pode ser um identificador.

  • Há uma diferença na forma como o syntax highlight apresenta ambos. Pois uma forma é tipo e a outra é palavra chave.

  • Apesar da recomendação geral em usar string sempre que possível enquanto está programando em C#, há controvérsias no seu uso. Alguns alegam que String é preferencial para deixar claro, através do Pascal Case, que você está usando um tipo de referência(en).

    Mas não faz muito sentido porque Int32 é tipo de valor(en) e também usa PascalCase (ou lowerCamelCase). E ainda ele, apesar de ser tipo de referência, tem semântica de valor. Então mesmo que usasse a lógica de Pascal Case para tipo de referência, e Camel Case (ou (UpperCamelCase) para tipo de valor, pela semântica, que é o que importa, ele deveria ser Camel Case, ou seja, deveria começar com minúsculo mesmo.

    No CLR o estilo de Case é usado para ajudar determinar outras características do identificador.

Importante lembrar que ele é um tipo como outro qualquer por referência com semântica por valor e algumas facilidades que o compilador dá. O mesmo vale se usar String.

Também vale lembrar que não existe tipo primitivo em C# (outra referência). Isto existe só como conceito do CLR, mesmo assim não como algo fundamental.

Importante notar que tudo isso é válido para o C#, outras linguagens como Java, ou até mesmo VB.NET podem ter mais diferenças.

  • Excelente resposta. Acrescento apenas o fato de que é recomendável que o programador use sempre a mesma representação e não fique alternando entre uma ou outra sem nenhum padrão por questões de legibilidade. – Pedreiro 22/02/15 às 17:14
33

No não existe diferença, pois, string é apenas um atalho para System.String.

Veja a lista completa de aliases:

object:  System.Object
string:  System.String
bool:    System.Boolean
byte:    System.Byte
sbyte:   System.SByte
short:   System.Int16
ushort:  System.UInt16
int:     System.Int32
uint:    System.UInt32
long:    System.Int64
ulong:   System.UInt64
float:   System.Single
double:  System.Double
decimal: System.Decimal
char:    System.Char
9

Como explicado pelo John Skeet no Stack Overflow em inglês nessa resposta, há um caso no qual precisa usar o alias em vez do System.<obj>, quando está declarando explicitamente o tipo de um enum. Por exemplo:

public enum Foo : UInt32 {} // Inválido
public enum Bar : uint   {} // Válido
3

String é do tipo System.String e você o encontrá em qualquer implementação de qualquer linguagem para .Net, é um tipo definido pelo .Net Framework.

Já a string é uma keyword da linguagem C# que aponta para o tipo System.String. O mesmo é válido entre para Int32 e int, etc.

0

string é um alias (atalho) para System.String. Então, tecnicamente, não há nenhuma diferença. É como int vs. System.Int32.

Geralmente é recomendado o uso de string, sempre que você está se referindo a um objeto.

Por exemplo:

string place = "world";

Da mesma forma, geralmente é recomendado o uso de String, se você precisa se referir especificamente à classe.

Por exemplo:

string greet = String.Format("Hello {0}!", place);

Este é o estilo que a Microsoft tende a usar em seus exemplos.

Parece que a orientação nesta área pode ter mudado, como StyleCop agora reforça o uso das C#-specific aliases.

Tradução e adaptação desta bela explicação do SO.

Obs: Estava preparando esta resposta para essa questão, mais ela estava duplicada desta, então resolvi compartilha-la aqui. :)

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.