1

Tenho os seguintes dados:

mes <- c("jan","fev","mar","abr","maio","jun","ago","set","out")
a <- c(32.3,32.7,32.6,33.1,33.0,33.5,33.4,33.4,34.9)
b <- c(19.2,19.2,19.6,19.7,19.7,19.9,20.0,20.0,20.4)
c <- c(14.7,15.0,15.6,16.2,16.4,17.0,17.7,18.3,19.1)
d <- c(24.2,24.3,24.7,25.0,25.5,26.4,26.7,27.1,27.6) 
temp <- data.frame(mes,a,b,c,d)
y <- c(1, 3, 5, 7)

gostaria de aplicar uma regressão lm(log(mes) ~ y)

mas nas linhas, e usando uma função lapply(), ou alo do tipo, para aplicar em todas as linhas. um jeito que encontrei de exemplificar foi este:

lm(log(temp[1,])~y)
lm(log(temp[2,])~y)
lm(log(temp[3,])~y)
lm(log(temp[4,])~y)

não sei se é possível.

a base de dados que eu tenho é extensa, se for possível fazer isso, como eu faria para rodar os dados, linha por linha, salvando os coeficientes da regressão e o R2 ajustado do modelo?

Pensei em criar uma lista, mas não sei bem como fazer, se puderem me dar pelo menos um norte, ficarei grato.

  • lm(log(mes) ~ y) vai dar erro, nem sequer tentei. – Rui Barradas 22/03 às 16:42
3

Não é assim tão difícil como isso. Na solução abaixo

  1. Calculo o logaritmo de cada coluna exceto a primeira logo no início.
  2. Aplico (apply) o modelo lm(x ~ y) a cada linha.
  3. E depois há várias instruções para extrair os vários valores que se podem querer, tais como os coeficientes beta, os p-valores, o coeficiente de determinação.

O código é mesmo muito simples, trata-se de aplicações sucessivas de *apply.

log_temp <- apply(temp[-1], 2, log)

model_list <- apply(log_temp, 1, function(x) lm(x ~ y))

coef_list <- t(sapply(model_list, coef))

model_smry <- lapply(model_list, summary)

R2_list <- sapply(model_smry, '[[', 'r.squared')
pval_list <- t(sapply(model_smry, function(LM){
  LM[['coefficients']][, 4]
}))
  • Muito obrigado @RuiBarradas, você tem umas dicas onde estudar e aprofundar os conhecimentos em r? – André 22/03 às 18:04
  • Há imensos documentos na página oficial do R, The R Project for Statistical Computing. Também se podem encontrar muitos outros na net. Ou em livrarias. Por exemplo a coleção da Springer entre muitas outras. – Rui Barradas 22/03 às 18:52
1

Não é possível ajustar o modelo de regressão da forma que vc quer, pois não faz sentido. Se vc ajustar um modelo para cada linha da base, vc terá uma amostra de tamanho 1, e com isso, vc não terá variabilidade nos dados para calcular os erros padrões dos estimadores/variância do modelo.

Eu sugiro a leitura de algum livro do tipo Análise de Regressão Linear no R (tem vários), para que então você continue a modelar os dados.

Ainda, "y" deveria estar no mesmo data.frame para melhor organização do banco de dados.

  • Na verdade, o AP pode fazer a regressão que deseja. Descontada a coluna do mês, cada linha do data frame temp possui 4 observações, que é o mesmo número de elementos em y. – Marcus Nunes 22/03 às 12:04
  • @guilherme, entendo, porém é como o @MarcusNunes afimou. Acho que não me expressei bem na pergunta. O meu banco de dados tem mais observações, eu simplifiquei para a,b,c,d, e y com 4 observações também. @MarcusNunes o que seria AP? – André 22/03 às 13:21
  • AP = Autor da Pergunta – Marcus Nunes 22/03 às 13:47
  • Beleza! No momento, eu havia lido no ônibus, e nunca tinha me deparado com essa entrada de dados, por isso pensei que não seria possível. Mas conforme o código do Rui, e dada a forma que os dados entram, cada linha da base funciona como que o "vetor tradicional", sendo "y" minha covariável. Entendi. Irei reconstruir minha resposta no futuro de uma maneira que penso ser mais lógica.. Obrigado!! – Guilherme Parreira 26/03 às 2:13

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.