3

Qual a diferença entre um VO e um DTO, e como identificar quando devo utilizar cada um deles?

1 Resposta 1

5

DTO, como o próprio nome diz, é um objeto com dados sendo transferidos entre memória e persistência. Ele costuma ser uma classe com todos os campos de um modelo e geralmente não tem comportamentos, só estado. Pode ser grande e complexo e não costuma ter identidade, ou seja, se mudar algo nele, tudo bem, continua sendo o mesmo objeto, portanto semântica típica de referência. Por exemplo, um cliente ou produto poderiam ser representados em determinado momento da aplicação com o DTO. É um objetivo de mecanismo.

Value Object é algo bem mais simples e que representa um valor único, por exemplo um telefone, um e-mail, uma quantidade. Ele tem identidade e mudar alguma coisa nele passa ser outro objeto, portanto semântica típica de valor. Nas linguagens que permitem, de fato ele é por valor e não uma classe. Há casos que pode ter comportamento.

Isto pode ajudar entender embora não seja a mesma coisa: Qual a diferença entre Struct e Class?. Há uma relação conceitual entre a classe e o DTO e a estrutura e o VO, não que elas precisam estar ligadas, até porque tem linguagem que sequer tem struct.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.