3

Eu estou tentando fazer um programa onde ele joga uma letra na tela você aperta ela e supostamente você deveria ganhar um ponto por isso, eu sei que essa é provavelmente uma questão muito idiota, mas eu tentei de varias maneiras e não consegui.

import random


def main():
    x = random.randint(0,25)
    ponto = 0

    letra = ['a','b','c','d','e','f','g','h','i','j','k','l','m','n','o','p','q','r','s','t','u','v','w','x','y','z']

    rletra = letra[x]

    print (rletra)


    print ('Sua pontuação é:', ponto)

    a = input('')

    if a == rletra:

        ponto += 1
        print ('Sua pontuação é:', ponto)

        main()

    else:
        print('errado')
main()

A única coisa que acontece é que o valor de ponto vai pra 1 e não aumenta.

  • 1
    Tem como ajustar a indentação do teu código? Senão não dá pra saber se o código está errado ou é falha na indentação. – fernandosavio 11/02 às 19:45
  • Ao invés de recursividade, que não faz muito sentido nesse caso, por que não uma um laço de repetição? – Anderson Carlos Woss 11/02 às 19:50
  • É que eu não sei muito bem formatar código por aqui, mas acho que agora ta certo – Guilherme Freitas 11/02 às 19:52
  • @AndersonCarlosWoss e como eu faria isso? usando um for? – Guilherme Freitas 11/02 às 19:56
  • E quando deve encerrar? Sem um critério nunca terminaria, é isto que deseja? – Maniero 11/02 às 19:59
4

A pergunta não é boba, e está fazendo como deve, aprender com coisas básicas. Talvez o erro só tenha sido tentar algo sem conhecer, começou usar recursividade por acidente. Isto significa que precisa voltar um pouquinho antes para conhecer algumas coisas mais básicas, e aprender fazer um dos laços mais simples que existe que é o laço sem condição para terminar explicitado nele.

Claro, tem que terminar em algum momento e em comentário foi descrito quando deve terminar, e aí a própria condição existente pode ser usada para terminar, porque o falso do if existente atende ao término muito bem. Só precisa aprender o break que encerra um laço naquele momento e só costuma fazer sentido dentro de um if mesmo, ou seja, ser condicional.

Do jeito que estava fazendo criar um novo escopo em cada execução, e tudo ocorria do zero, portanto a pontuação zerava todas as vezes. Assim fica mais controlado porque algumas instruções só são executadas uma vez, e não cria novo escopo, por isso a variável mantém seu valor.

Melhorei algumas outras coisas, espero que sirva de aprendizado.

import random

def main():
    pontos = 0
    letra = ['a','b','c','d','e','f','g','h','i','j','k','l','m','n','o','p','q','r','s','t','u','v','w','x','y','z']
    while True:    
        rletra = letra[random.randint(0, 25)]
        print(rletra)
        if input('') == rletra:
            pontos += 1
            print('Sua pontuação é:', pontos)
        else:
            print('errado')
            break
main()

Veja funcionando no ideone. E no Coding Ground. Também coloquei no GitHub para referência futura.

  • 1
    Obrigado, consegui entender a parte sobre criar um escopo novo toda a vez que fechava o if – Guilherme Freitas 11/02 às 20:15
  • tem como fazer recursivo, mas não é adequado pra isso e complicado demais. Agora você pode votar em tudo no site também. – Maniero 11/02 às 20:16

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.